Cinema & TV

Teve tudo do bom e do melhor no primeiro capítulo de “Babilônia”, a nova novela das 9 que veio pra tirar o fôlego do espectador!

Apesar do duelo genial entre Adriana Esteves e Glória Pires, a cena mais falada da trama foi a do casal formado por Fernanda Montenegro e Nathália Timberg

Publicado em 17/03/2015 | Por Junior de Paula

“Mata essa piranha que você sempre quis ser”, disse Beatriz, a personagem de Glória Pires, para Inês, papel de Adriana Esteves, em uma das muitas cenas eletrizantes deste primeiro capítulo de “Babilônia”, a nova novela das 9 que estreou nessa segunda-feira (16/3). Em pouco mais de uma hora, a gente viu que duas das maiores atrizes do Brasil – e do mundo – não estão a fim de brincar em serviço e que prometem mostrar tudo o que sabem nas muitas cenas de embate que as personagens ainda terão pela frente.

O primeiro embate entre Gloria Pires e Adriana Esteves a gente nunca esquece (Foto: Divulgação)

O primeiro embate entre Gloria Pires e Adriana Esteves a gente nunca esquece (Foto: Divulgação)

Entre tantas histórias, descobrimos que a relação repleta de rancor entre Inês e Beatriz vai soltar faíscas. Magistral mais uma vez, Gloria Pires imprime todo o cinismo e diz todas aquelas barbaridades que Gilberto Braga tanto gosta de ressaltar em suas novelas, fazendo um retrato de uma elite que só se preocupa com seu próprio umbigo. Adriana Esteves, por sua vez, conseguiu com muita garra fugir dos tiques de Carminha, sua personagem mais emblemática, principalmente nas cenas em que Inês mostrava sua fragilidade, insegurança e rejeição que a acompanham desde quando era uma garota gordinha e cheia de espinhas na Praia do Leme, como Beatriz fez questão de lembrar.

Camila Pitanga: a mocinha boazinha da nova novela das 9 (Foto: Divulgação)

Camila Pitanga: a mocinha boazinha da nova novela das 9 (Foto: Divulgação)

Camila Pitanga, a terceira protagonista da novela, faz uma mulher simples, que luta para terminar a faculdade, se muda para o morro da Babilônia quando a situação financeira aperta e que, neste primeiro capítulo, se envolve, sem saber, com um homem casado, vivido por Gabriel Braga Nunes. Ela é a mocinha, a que luta pelos sonhos e se vê enganada. Ao lado das vilanias de suas outras duas companheiras, fica difícil embarcar no bom mocismo sem se entediar. Camila está linda, ótima no papel, mas, pelo que se viu no primeiro capítulo, sobra sofrimento e falta aquele ódio nos olhos que a gente ama odiar. Mas, claro, ainda é cedo e tem muita história a ser contada.

Mas, não teve nem para Gloria Pires, nem para Adriana Esteves, nem para Camila Pitanga, nem para o Réveillon em Paris, nem para o assassinato de um dos personagens, nem para a direção segura e chique de Dennis Carvalho e Maria de Médicis e nem para o texto inspirado e inspirador de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga, três dos maiores autores de novela do Brasil. O primeiro capítulo foi mesmo de Fernanda Montenegro e Nathália Timberg, que vivem o casal Estela e Teresa, com direito a beijo na boca e tudo o mais. As duas, como sempre, estão muito confortáveis em contar este romance e conscientes de que estão, mais uma vez, fazendo história. Foi lindo.

Nathalia Timberg e Fernanda Montenegro: a novela é delas! (Foto: Divulgação)

Nathalia Timberg e Fernanda Montenegro: a novela é delas! (Foto: Divulgação)

“Babilônia”, portanto, começa dando uma reviravolta no horário das 9. Varrendo para trás os mandos e desmandos do comendador e nos fazendo embarcar numa nova história já no primeiro capítulo. Tudo o que a gente ama está lá: as maldadades das vilãs que poderiam ser nossas vizinhas, ótimos atores, diálogos de tirar o fôlego e situações que a gente se identifica logo de cara. Tomara que seja assim pelos próximos meses e não só fogo de palha do primeiro capítulo. Talento e competência essa turma tem de sobra. Aguardemos, portanto, de dedos cruzados e respiração em suspenso pelos próximos capítulos.

 

 

Pesquisas relacionadas