Cinema & TV

Maria Ceiça sobre volta à Globo: “Foi só uma participação. Não sei se vou continuar trabalhando lá”

O ano começou cheio de planos e expectativas para a atriz. Depois de atuar em Sob Pressão, a artista se prepara para sua próxima empreitada teatral com a direção da fundadora do Théâtre Du Soleil

Publicado em 11/01/2019 | Por Ana Clara Xavier

Você lembra de Uga Uga? Pois é, a novela foi um sucesso nos anos 2000 na TV Globo e foi a última da atriz Maria Ceiça nas telinhas da emissora. De lá para cá, a artista brilhou em diversos personagens da Rede Record, integrando o elenco de vários fenômenos como Mutantes e Dez Mandamentos. Quase 20 anos depois, ela resolveu relembrar os velhos tempos e voltar a atuar em uma produção do canal no seriado Sob Pressão. “Foi só uma participação. Não sei se vou continuar trabalhando com a emissora. Não assinamos nenhum contrato, só me resta esperar as oportunidades que virão para este ano”, comentou. Mas vontade é que não faltar. Sem contrato de exclusividade, a atriz garantiu estar aberta para todos os caminhos que possam vir a se abrir. Em papo com o site HT, Maria Ceiça comentou sobre as gravações de Sob Pressão e o próximo trabalho no teatro com direito a direção da fundadora do Théâtre Du Soleil. Vem!

Maria Ceiça retorna a TV Globo com uma participação especial (Foto: Divulgação)

Maria Ceiça começou o ano com o pé direto. Voltando a trabalhar em uma trama da Globo, ela embarcou logo em uma série de sucesso. “Foi uma experiência maravilhosa. Mesmo o personagem sendo pequeno, foi especial por marcar a minha volta para a TV Globo depois de muitos anos longe”, comemorou. Sob Pressão têm dado o que falar por discutir a precariedade da saúde pública no Brasil, o que levou a atriz se apaixonar ainda mais pela nova empreitada. “É uma série urgente”, garantiu a atriz.

A atriz adorou ter a oportunidade de atuar em uma série (Foto: Divulgação)

Além do conteúdo ser extremamente relevante e de marcar o retorno da atriz para a Globo, Sob Pressão também representou a descoberta de novos horizontes para Maria Ceiça. Foi a primeira vez que ela trabalhou, de fato, com seriados. “Adorei trabalhar com este formato, porque está predominando atualmente. Foi enriquecedor e interessante. As gravações são bem dinâmicas e rápidas. É mais um campo para o artista. Gostei muito desta nova possibilidade de atuação. Pretendo apostar mais neste tipo de material”, adiantou.

Enquanto os novos episódios de Sob Pressão não chegam ao ar, a atriz já está com planos muito bem traçados para 2019. Em março, ela vai estrear no Festival de Curitiba a sua nova peça As Comadres. O espetáculo entrará em cartaz no mês seguinte no Teatro Maison de France, Rio de Janeiro. “O espetáculo é bem interessante. Temos muitas mulheres em cenas que estão refletindo sobre o feminino”, contou. O texto canadense foi dirigido pela fundadora do Théâtre Du Soleil, a francesa Ariane Mnouchkine. A artista estrangeira passou três semanas na Cidade Maravilhosa, em julho do ano passado, para ensaiar a versão brasileira desta comédia musical.

Além de voltar a ver o próprio rostinho nas telinhas da TV Globo e fazer parte de um projeto interessantíssimo de teatro, Maria Ceiça ainda terá mais duas novas empreitadas no cinema que estão previstas para estrear este ano. Vai que é a sua!

Pesquisas relacionadas