Teatro & Pensata

Dos livros, para as telas e então aos palcos: “Clube da Luta” e “Psicopata Americano” terão suas versões teatrais e nós contamos tudo

Romances escritos por Chuck Palahniuck e Bret Easton Ellis fizeram sucesso na virada do milênio e agora recebem suas respectivas adaptações

Publicado em 20/07/2015 | Por João Ker

*Com Maria Eugênia Gonçalves

Dois importantes clássicos da literatura estadunidense da década retrasada e que geraram cultuadas adaptações cinematográficas no final e começo da virada do último milênio trilharão agora mais um novo e grandioso caminho dentro do ramo artístico. Na última semana, foram confirmadas para os palcos da Broadway as versões teatrais de “Clube da Luta” (Fight Club, do livro de Chuck Palahniuk, 1996 e do filme de David Fincher, 1999) e“Psicopata Americano” (American Psycho, do livro de Bret Easton Ellis, 1991 e do filme de Mary Harron, de 2000), com a data de estreia do segundo prevista para fevereiro de 2016.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Para a história que consagrou a atuação (e os músculos!) de Brad Pitt em 1999, posteriormente se tornando um hors concours na lista de muitos cinéfilos em construção, as participações do homem por trás do Nine Inch Nails, Trent Reznor, e do diretor David Fincher foram dada como certeiras. Essa aclamada união, que para os palcos do musical promete seguir os moldes de uma opera rock, é mais outro grande presente para os fãs da filmografia de Fincher, que desde “A Rede Social” (The Social Network, 2010) tem colaborado com o músico para a composição das trilhas originais de suas obras, garantindo inclusive um merecido Oscar na categoria, em 2011.

A fantástica trilha oficial de “A Rede Social”, que garantiu a Trent Reznor seu primeiro Oscar na categoria de Melhor Trilha Original

Já quanto ao retrato da ascensão yuppie da década de 1980 no violento “Psicopata Americano”, a chegada à Broadway, cancelada anteriormente, foi readmitida com o anúncio da estreia do show no recente site oficial da peça, apesar de os nomes do elenco ainda não terem sido divulgados.

O anúncio da estreia na Broadway já está disponível no site oficial da peça (Foto: Reprodução)

O anúncio da estreia na Broadway já está disponível no site oficial da peça (Foto: Reprodução)

Essa não será a primeira vez que a matança proporcionada por Patrick Bateman atinge os palcos: em 2013, a peça de título homônimo chegou a Londres, contando com músicas presentes no filme e no livro em sua trilha, com destaque para “Hip To Be Square”, de Huey Lewis and the News – de um dos momentos mais emblemáticos da carreira de Christian Bale e Jared Leto na película de Mary Harron.

A morte de Paul Allen (Leto) é tão antológica que inspirou o anúncio promocional de Kanye West para seu último disco Yeezus

Resta-nos agora aguardar ansiosamente por maiores informações sobre os dois musicais e, enquanto a data de estreia não chega, nos deliciar com os trabalhos de Palahniuk, Fincher, Ellis e Harron na expectativa de reconhecer detalhes das obras nas futuras peças.

Pesquisas relacionadas