Música & Badalo

Os ventos londrinos trazem a última: Adele vai entrar em novo ano sabático – e agora bem mais longo. O motivo? Saiba já!

Detalhe: o início dessa longa pausa já até tem início previsto: 15 novembro - que é quando Adele concluirá turnê na Cidade do México

Publicado em 28/03/2016 | Por Lucas Rezende

Lembra aquele hiato de três anos longe dos holofotes – e dos estúdios e palcos – que Adele fez? Pois ele está bem próximo de se repetir, acreditem. Segundo o tabloide inglês “The Sun”, a intérprete de “Hello” planeja parar novamente, e dessa vez por cinco anos. O motivo? Cuidar de seu filho Angelo, hoje com 3 anos. “Ela disse aos seus amigos mais próximos que irá se afastar dos holofotes por cinco anos antes de apresentar um álbum novo. Adele ainda é muito nova para a maternidade e não quer perder a infância de Angelo. Vai ser uma coisa difícil dos fãs ouvirem”, disse uma fonte. O início dessa pausa, aliás, também já tem início previsto: 15 novembro – que é quando Adele concluirá na Cidade do México sua turnê de 105 shows pela Europa e América do Norte. O último ano sabático, bom citar, aconteceu pelo mesmo motivo: cuidar de Angelo, fruto de seu relacionamento com Simon Koneck.

COLOGNE, GERMANY - DECEMBER 06: Adele attends the television show 2015! Menschen, Bilder, Emotionen - RTL Jahresrueckblick on December 6, 2015 in Cologne, Germany. (Photo by Sascha Steinbach/Getty Images)

Em tempo: em recente show na Arena 02 em Londres, Adele mandou um papo reto para o apresentador e chef de cozinha inglês Jamie Oliver, após um fã que estava próximo ao palco questioná-la sobre a fala de Oliver ao dizer que amamentação “é fácil, é mais conveniente, é mais nutritivo, é melhor, é grátis”. Foi quando Adele soltou: “A pressão em cima de nós é absolutamente ridícula. E aquelas pessoas que reforçam essa pressão podem ir se fuder, ok? Porque é difícil. Algumas de nós não conseguem fazer. Meu seios aguentaram cerca de nove semanas. Tudo o que eu queria é amamentar e quando eu não consegui eu me senti como ‘se eu estivesse vivendo no meio da selva meu filho estaria morto porque meu leite secou'”. Quem fala o que quer, ouve o que não quer.

Pesquisas relacionadas