Gente & Comportamento

“Deu no New York Times!” Carol Marra é a prova de que o mercado brazuca está aberto a transgêneros!

Aparição da modelo transexual no tablóide americano está dando o que falar na internet. Confira!

Publicado em 18/03/2014 | Por Heloisa Tolipan

A frase “Deu no New York Times”, imortalizada por BenJor, significa que brasileiro que sai lá é bafo por aqui. Dessa vez, a dona do bochicho é a modelo transgênera Carol Marra, que virou destaque nas versões impressa e online da publicação neste sábado (15) e foi comentada aqui na internet nos dias que seguiram. A equipe do jornal americano acompanhou a rotina de Carol por alguns dias, durante as gravações do seriado “Segredos Médicos”, programa que será exibido pelo Multishow e deve estrear mês que vem, onde a top mineira protagoniza um dos episódios. “Nunca quis ser modelo, aconteceu por acaso. Minha paixão é ser atriz, mais do que ser modelo e jornalista”, diz. Ela também marca presença no elenco da série Psi, escrita por Contardo Calligaris e produzida pela HBO, que deve estrear ainda em março. No elenco estão atores famosos, como Claudia Ohana, Emílio de Mello e Otávio Martins.

O famoso tablóide americano confirma a aceitação de profissionais-transgênero no Brasil, tanto na cena fashion, como na TV. A top desde os 18 anos assumiu a identidade feminina e acabou conquistando seu espaço no circuito da moda, posando para fotos e encarando passarelas premiadas, como os desfiles de Ronaldo Fraga, Victor Dzenk, Fernando Pires e até Carolina Herrera. Na matéria, outros exemplos são citados neste nosso mercado orgulhosamente democrático: Melissa Paixão, Camila Ribeiro e Felipa Tavares,  além própria Lea T., a primeira delas a estourar. Viu! Vez ou outra aparecem alguns bons motivos para nos orgulharmos do mercado brasileiro.

TNYT

Pesquisas relacionadas