ToliBlog

Blackface de Paulo Gustavo para “220 Volts” gera revolta e ator rebate a nível: “A Ivonete existe para ridicularizar quem ridiculariza”

Tudo começou quando ele publicou uma foto caracterizado como a personagem Ivonete - uma sambista negra

Publicado em 14/06/2016 | Por Lucas Rezende

Paulo Gustavo está há cerca de uma semana gravando a quinta temporada do seu “220 Volts” para o canal por assinatura Multishow em um casarão no Rio de Janeiro. Personagens como “Mulher feia” e “Senhora dos Absurdos” já foram encarnadas por ele e, mais recentemente, foi a fez de gravar os takes com a “Ivonete”, quando o ator faz blackface (maquiagem para interpretar uma mulher negra). E, nas redes sociais, não faltaram críticas após Paulo publicar uma foto caracterizado no set. Ele, então, desabafou: “Eu nunca fui atacado por representar um playboy machista mesmo sendo gay. Também não me incomoda por eu fazer um nerd, uma mulher feia, uma vagaba, uma mãe de família ou um anjo. Nunca me atacaram por representar a ‘Senhora dos Absurdos’ – uma mulher que se orgulha ridiculamente de ser branca, rica e hétero”.

Leia também – Exclusivo! Em papo que vai dos conservadores aos críticos, Paulo Gustavo dispara: “Eu não acredito muito nesse mundo encantado da fama” 

Paulo Gustavo caracterizado de Ivonete (Foto: Reprodução)

Paulo Gustavo caracterizado de Ivonete (Foto: Reprodução)

Segundo Paulo, ao contrário das outras personagens que ele usa para “ridicularizar o tipo que elas representam”, a Ivonete “existe para ridicularizar quem ridiculariza” porque ele quer rir de “gente que não gosta das Ivonetes”. O motivo? “Eu amo as Ivonetes. Ela é negra, nasceu negra e eu tenho o mesmo respeito por ela que eu tenho por todas as pessoas”. E foi além: “A Ivonete, que se orgulha de ser brasileira mesmo sendo crítica ao Brasil, que é pobre mas não se sente moralmente inferior a ninguém, que gosta de ser mulher e sobretudo tem auto-estima, amor próprio e orgulho de ser como é – me rendeu injustas crísticas. Eu conheci muitas Ivonetes na minha vida e tenho orgulho dessas mulheres”.

Leia também – Novo filme de Paulo Gustavo chega ao 13º dia de gravações e HT foi atrás de detalhes: Mariana Xavier “voa” e Patrycia Travassos dá as caras 

*Blackface (do inglês, black, “negro” e face, “rosto”) se refere à prática teatral de atoresque se coloriam com o carvão de cortiça para representar personagens afro-americanos.

Pesquisas relacionadas