Quotes

#SiteHTViaja: Algarve, Alentejo e o novo hype de Portugal

Todo o mundo fala de Lisboa, por isso vamos fugir ao mais óbvio e deixar duas dicas alternativas de viagem a Portugal. A ambas você pode chegar pegando um voo até o aeroporto de Faro; se escolher a zona norte da segunda hipótese, o aeroporto de Lisboa será preferível

Publicado em 28/11/2018 | Por Junior de Paula

Portugal está ficando na moda enquanto destino turístico. Já não só os ingleses e franceses – ou sequer só os europeus – que estão voando até terras lusas. Americanos, chineses e, claro, brasileiros, estão descobrindo o país e contribuindo para que seja considerado um dos melhores países para visitar, na atualidade.

Mas será apenas moda? Nada disso. Na verdade, sempre se teve ótimos motivos para ir até lá e visitar Portugal. O clima, a gastronomia, a história, as paisagens surpreendentemente variadas em um território do tamanho do Pernambuco. Arrisco acrescentar mais um: ver como um país que o Brasil se habituou a pensar como pobre e menos desenvolvido consegue ser, na verdade, ao mesmo tempo simples e organizado (mesmo se é verdade que passou por um momento bem difícil, economicamente falando, no início dessa década).

Todo o mundo fala de Lisboa, por isso vamos fugir ao mais óbvio e deixar duas dicas alternativas de viagem a Portugal. A ambas você pode chegar pegando um voo até o aeroporto de Faro; se escolher a zona norte da segunda hipótese, o aeroporto de Lisboa será preferível.

Algarve

(Foto: Luca Da Ros/ CNTraveller)

A província mais ao sul do país irmão é conhecida, de há longas décadas, por ser uma das regiões turísticas de maior prestígio da Europa. Não tem só turismo de alta qualidade; os moradores de Albufeira apontam que as classes populares inglesas enchem as ruas em demasia no verão e por vezes a polícia tem de intervir, por conta do excesso de álcool. 

Mas não se deixe impressionar por histórias como essa. O Algarve tem praias lindíssimas, como D. Ana, Monte Gordo ou da Luz, e com menos multidão no verão. As grutas marinhas, próximo de Lagoa, são incríveis. E se quiser uma boa praia urbana, encontra a Praia da Rocha, em Portimão. 

No Algarve encontra também aquilo que no Brasil não pode ter: cassinos legais e licenciados. Enquanto no Brasil só pode jogar no cassino acessando o NetBet ou outros sites, só no Algarve encontra três estabelecimentos, em Monte Gordo, Portimão e no famoso resort de Vilamoura, promovido pelo empresário polaco, luso e brasileiro André Jordan. 

O empreendimento Quinta do Lago, no Algarve

O empresário foi também o promotor da Quinta do Lago, um dos empreendimentos de mais alto padrão de Portugal. Foi aí que Ayrton Senna comprou uma casa, onde descansava nos meses em que a Fórmula 1 acontecia na Europa.

Alentejo

Mervão (Foto: Reprodução)

Ao contrário do Algarve, sua “vizinha” ao norte (a grande planície do sul de Portugal) não é conhecida a nível turístico. Mas isso está acabando, também, com sucessivos reconhecimentos internacionais da qualidade do que se encontra por lá: vilarejos lindíssimos, castelos medievais, vinhos de altíssima qualidade e a maior albufeira artificial da Europa. Destacamos a cidade de Évora, capital da região e cidade com 2000 anos de história, e também a curiosidade de Marvão, verdadeira fortaleza sobre uma serra bem elevada, defendendo a fronteira de Portugal contra os Espanhóis e, em tempos antigos, os árabes do sul. Vale acrescentar que a cidade de Reguengos de Monsaraz foi “Capital Europeia do Vinho” em 2015.

Pesquisas relacionadas