Quotes

Lobby Bar: mix de cervejas artesanais, drinks com cachaças premium e tapas espanhóis prometem agradar gringos e cariocas!

No Royal Tulip, o novíssimo espaço tem projeto de André Piva e é boa opção para chill out, com preços razoáveis em um Rio que insiste em cobrar tarifas de Monte Carlo

Publicado em 17/08/2014 | Por Alexandre Schnabl

O Royal Tulip, em São Conrado, Rio de Janeiro, deu uma mexida bacana nas suas dependências para aproveitar a levada dos eventos esportivos na cidade e, após a Copa do Mundo, já começa a colher os frutos pelo upgrading. Entre as inovações, está o moderno Lobby Bar, que ganhou decoração contemporânea no projeto de André Piva e agora recebe tanto os hóspedes quanto um público local de cariocas ávidos por novidades. Desde o espaço interior, com ambientação moderna, mas provido daquele charme descolado que só o Rio dispõe, quanto as áreas externas, com atmosfera de chill out, vale a pena dar uma conferida, se entregar aos shows de música ao vivo, aproveitar a boa carta de cervejas e bebericar os drinks feitos com cachaças nacionais e importadas, além de degustar uma seleção de tapas bacana, quentes e frios, de inspiração espanhola e seguindo uma tendência que anda a todo vapor na cidade. HT passou para conhecer as novidades a aprovou tudinho.

A direção da casa insiste em afirmar que o cardápio não tem exatamente um conceito gastronômico, que o que conta é oferecer opções que agradem tanto aos estrangeiros hospedados no hotel quanto a quem mora na cidade e estiver a fim de um programinha agradável, mas é nítida a preocupação com a coerência do menu. “Mas podemos, de uma hora pra outra, mudar tudo e partir para outras receitas de bebidas e acepipes, conforme a maré do público. Essa liberdade nos permite sempre ir além”, comenta Paulo Michel, gerente regional da BHG, rede que administra o hotel, com unidades na cidade e 52 no Brasil.

Os holofotes vão para as papas bravas (as características batatas fritas rústicas com temperinhos de ervas), a lula à doré, super mediterrânea – uma delícia! -, o polvo à galega, as porções generosas de jamón serrano e o gaspacho, com um visual bacana, tipo aquele que ficou imortalizado em filmes do cineasta espanhol Pedro Almodóvar. E a casa ainda destaca a sua versão do club sandwich, com os mesmo ingredientes de praxe, mas suculento a dar com o pau.

Entre as cervejas aretesanais, marcas como Erdinger (alemã), Wäls (de Minas, mas seguindo a tradição belga e inglesa) e a mexicana Dos Equis, clara e suave ao paladar, são algumas das muitas opções. Mas, para quem preferir testar os drinks da casa, a pedida é o Cilantro Julip, feito com cachaça envelhecida com coentro, suco de abacaxi, limão e soda (refrescante, com um leve toque adocicado) ou o Royal Tulip Special, azedinho e para paladares mais acostumados com notas amargas: uma mistura de cachaça com mix de frutas cítricas, gengibre e maracujá. HT ainda recomenda o Sofia, que adiciona à cachaça baunilha, limão, erva verde e hortelã, bem forte e seco.

E, no âmbito geral, a boa surpresa: além da atmosfera agradável e do bom paladar, os preços são razoáveis para os padrões nababescos atualmente praticados na Cidade-Maravilha, uma prova de que a direção da casa pretende mesmo cativar a clientela.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Zeca Santos

Serviço:

Lobby Bar do Royal Tulip Rio de Janeiro

Endereço: Av. Aquarela do Brasil, 75 – São Conrado

Horário de funcionamento: diariamente, de 9h a 01h.

Programação musical (MPB e instrumental): quarta e quinta-feira, às 20h

Informações: (21) 3323-2200

Pesquisas relacionadas