Quotes

Angelina Jolie e elenco de “Os Eternos”, da Marvel, são retirados às pressas de set por conta de bomba

Uma fonte do jornal "The Sun" revelou que o esquadrão antibombas chegou a ser acionado: "Algumas das maiores estrelas do mundo estavam no set de filmagens e ninguém podia se arriscar"

Publicado em 05/11/2019 | Por Heloisa Tolipan

*Por Karina Kuperman

Angelina Jolie, Richard Madden, elenco e equipe do longa “Os Eternos”, da Marvel, tiveram que ser retirados às pressas do set de filmagens, em Fuerteventura, uma ilha na Espanha. Isso porque, de acordo com o jornal “The Sun”, uma bomba foi encontrada no local.  Um esquadrão antibomba foi acionado para verificar o lugar e tentar desarmar o artefato, que, aparentemente, não ofereceria risco. Uma fonte do jornal contou que, embora todos estivessem em segurança, o pânico se espalhou rapidamente nos bastidores das gravações. “Foi obviamente aterrorizante. A bomba poderia estar intocada lá por décadas, mas quem sabe o que poderia acontecer se mexessem nela?”, questionou. “Algumas das maiores estrelas do mundo estavam no set de filmagens e ninguém podia se arriscar. Felizmente, especialistas lidaram com isto”, disse a fonte.

Angelina Jolie teve que ser evacuada de set na Espanha (Foto: Reprodução)

No longa, que tem estreia prevista para 2020, Jolie vive a líder Thena, filha do Rei Zuras. O filme é um dos projetos da Disney para o futuro dos estúdios Marvel e tem a direção da chinesa Chloé Zhao. Mãe de Maddox, Pax, Zahara, Shiloh e dos gêmeos Knox e Vivienne, Angelina Jolie revelou, em entrevista recente, que tem o desejo de morar fora dos Estados Unidos: “Eu adoraria morar no exterior e o farei assim que meus filhos tiverem 18 anos. Agora eu estou tendo que ficar onde o pai deles escolhe morar”, afirmou, referindo-se ao também ator Brad Pitt.

Angelina e os filhos, fruto do relacionamento com Brad Pitt (Foto: Reprodução)

Na mesma entrevista, Angelina falou sobre a vida após a separação e as consequências da cirurgia de remoção dos seios que optou por fazer após descobrir que tinha 87% de chances de desenvolver câncer de mama: “Meu corpo passou por muitas coisas na última década, principalmente nos últimos quatro anos, e eu tenho as cicatrizes visíveis e invisíveis para mostrar. As invisíveis são mais difíceis de combater. A vida dá muitas voltas. Às vezes você se machuca, vê aqueles que ama com dor e não pode ser tão livre e aberto quanto seu espírito deseja. Não é novo ou antigo, mas sinto o sangue retornando ao meu corpo”, disse ela, que elogiou a conduta dos seis filhos: “Meus filhos conhecem a minha verdadeira eu, e eles me ajudaram a me encontrar de novo e abraçar isso. Eles sofreram muito e eu aprendo com a força deles. Como pais, nós ensinamos nossos filhos a serem quem eles são e aceitarem aquilo que está em seu coração. Eles querem o mesmo para nós”.

 

Pesquisas relacionadas