Moda & Beleza

Zero Grau: Desfile Spot Fashion exalta o calçado brasileiro em uma passarela repleta de pluralidade e diversidade

O fashion show agitou o primeiro dia da 8ª edição da feira referência no setor de calçados e acessórios realizada pela Merkator Feira e Eventos. Nos pés dos modelos, uma explosão de inspirações que representam a mulher e o homem real em sua essência

Publicado em 20/11/2018 | Por Ana Clara Xavier

A união do business com um desfile de tendências e lançamentos de calçados para o Outono-Inverno 2019. Uma passarela armada em meio ao epicentro das negociações nos pavilhões do Serra Park, em Gramado (RS), onde 300 expositores e 1.200 marcas comemoram o aquecimento das vendas para lojistas de Norte a Sul do país e representantes internacionais. A aposta na comunicação direta com os compradores inserindo os bancos da plateiacomposta por players das indústrias calçadistas e compradores na mesma altura da passarela. Um cast de modelos representando a síntese da diversidade. Foi um prazer conferir a nova edição do Desfile Spot Fashion na Zero Grau, feira referência no setor de calçados e acessórios realizada pela Merkator Feira e Eventos que conseguiu na tarde de segunda-feira mostrar uma prévia exclusiva das principais apostas de 13 marcas. Dentre elas, as empresas do Três Coroas Shoes, como Mulher Sofisticada, Aline Melo, Pietra Fernandes, Cia Perfeita, Stéphanie Classic, Variettá, Andine, Infinitu’s, Rubra, Vanittá e Ipadma, além de Kildare e Moleca.

Leia: Zero Grau: Em papo repleto de conteúdo, Bruno Astuto reforça a importância do branding e fala de moda, glamour e calçados

Este slideshow necessita de JavaScript.

E foi perfeita a união do centro das negociações ao glamour de um fashion show. “Queríamos que donos de empresas calçadistas, compradores e representantes de diversos países se sentissem como parte integrante do desfile. Além disso, trouxemos, literalmente, o público para a passarela. Apostamos em uma moda democrática que nos liberta de todas as amarras. Sendo assim, os calçados podem ser usados em um mesmo dia seja para uma ida ao shopping ou a uma festa”, garantiu a stylist Patricia Parenza que assinou o desfile ao lado da sócia na empresa As Patricias, Patricia Pontali.

Leia: Zero Grau: feira referência no setor de calçados e acessórios terá participação recorde de expositores e muitas inovações

O Desfile Spot Fashion é um dos destaques da Zero Grau, afinal, a passarela eleva à mais alta potência o desejo pelo calçado brasileiro. “Estamos contextualizado a moda calçadista. É diferente conhecer uma tendência na teoria e vê-la aplicada na prática. É uma informação extra para o lojista que está comprando. Ele capta o estilo do calçado e pode optar por várias peças. A Zero Grau proporciona um verdadeiro guia de estilo para que os profissionais tenham ainda mais foco, segurança e poder de escolha”, afirmou a stylist Patricia Pontali.

Este slideshow necessita de JavaScript.

E o que o site HT identificou como tendência na passarela da Zero Grau? O poder dos dad sneakers ao lado do conceito do western chic. O look office também está com tudo. O animal print surge mais divertido e brilhoso. Os saltos perderam lugar para modelos mais baixos, somente aparecendo com força nas cut out boots. O folk também ganha tons mais sóbrios passeando pelo vermelho, o azul e o verde. O principal é entender que o clássico vem com força, mas bastante repaginado. “Nós trouxemos diversas percepções e conceitos em um menu completíssimo sobre as tendências do futuro para que o consumidor consiga selecionar aquilo que mais se encaixa na identidade da marca. Mostramos a mulher glamorosa, a que ama um brilho, a descolada que aposta no street style, aquela mais casual que opta pelo conforto, a fashionista que ousa na composição e a mais clássica e social que inova em alguns detalhes. Queremos oferecer o poder de escolha. Trouxemos a mulher real para a passarela”, garantiu Patricia Pontali. A moda masculina, aliás, segue o mesmo passeio pela mistura e ousadia de texturas.

Democrática foi a palavra-chave do Desfile Spot Fashion. “Isso nos permite criar um desfile no qual homens e mulheres não sigam mais um perfil e, sim, vários”, salientou Patricia Pontali. Para exemplificar esta ideia, a empresária Carla Carlin falou sobre a alta presença de modelos oversized nas peças de roupas que compunham os looks. “Esta é uma tentativa do mercado de abraçar ainda mais pessoas, tamanhos e gêneros. A modelagem, através disto, pode atender diferentes corpos e idades. Isto é uma consequência desta liberdade e pluralidade que o mundo está exigindo. A mulher empoderada faz parte de 2019 em todos os sentidos”, garantiu Carla, que se destaca por criar roupas atemporais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A união das 13 marcas contribuiu ainda mais para esta pluralidade ao incrementar um leque de opções. Para identificar a grife de cada sapato, uma técnica simples, mas eficiente: os modelos carregavam sacolas com os nomes. O mood do desfile seguiu a tendência impressa em cada peça, juntando em blocos estilos próximos como étnico, minimalista e rock. “Diferentemente do que acontece na maioria dos desfiles, nós criamos os looks a partir das tendências dos calçados. O visual é complemento do sapato, gerando uma percepção de um mood geral da temporada”, salientou Patricia Pontali. E Carla Carlin complementou: “A nossa inspiração vem de um sincronismo entre a indústria do vestuário e a do calçado. Fico muito feliz de contribuir para o sucesso deste desfile em prol do mercado calçadista”.

Com o apoio do Sindicato da Indústria de Calçados de Estância Velha, Sindicato da Indústria de Calçados de Ivoti, Sindicato da Indústria de Calçados de Igrejinha, Sindicato da Indústria de Calçados de Novo Hamburgo, Sindicato da Indústria de Calçados de Parobé, Sindicato da Indústria de Calçados de Sapiranga e Sindicato da Indústria de Calçados, Componentes para Calçados de Três Coroas, a Zero Grau ajuda a impulsionar o setor de calçados e acessórios da região. Com um produto de qualidade de primeira, o que vimos na passarela do Desfile Spot Fashion é apenas um pequeno resumo da grandiosidade desta produção. “O calçado sulista mistura sofisticação com bom gosto. Ao mesmo tempo, os sapatos são super confortáveis e traduzem a moda do dia-a-dia da mulher e do homem. É o melhor dos dois mundos. É versátil e democrática”, analisou Patricia Pontali.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pesquisas relacionadas