Moda & Beleza

No Rio, Salão Bossa Nova de Alto Verão abole o marasmo econômico que veio com a Copa, movimenta a indústria têxtil e aquece o verão

Evento pretende abastecer lojas e comércio do setor têxtil para as festas de fim de ano, enfatizando a importância dos lançamentos de alta temporada no calendário da moda

Publicado em 29/07/2014 | Por Alexandre Schnabl

* Com João Ker

Com o final de todo o badalo em torno da Copa do Mundo no Brasil, o mercado começa a querer dar sinais de recuperação. Ou, pelo menos, é isso que esperam os empresários da indústria da moda, depois de um semestre de comércio estagnado. Se, nesta segunda quinzena de julho foi a vez de as feiras de atacado – Fenin em Bento Gonçalves e Francal em São Paulo – darem as cartas e aquecerem o mercado com as novidades para o próximo verão, agora é a vez do Rio de Janeiro. A novidade não poderia ser mais providencial: para quem não se contentava apenas com duas edições de Fashion Rio por ano na cidade-maravilha, começou nesta terça-feira (29/07) o Salão Bossa Nova de Alto Verão, que segue até esta quinta, 31. O evento, que é a fusão das duas rodadas de negócios que aconteciam simultaneamente na cidade (Fashion Business e Salão Prêt-a-Porter),  não é exatamente uma semana de moda com desfiles exclusivos para a temporada, mas é uma poderosa iniciativa que movimenta a indústria para uma época na qual o comércio – principalmente o têxtil – precisa se reinventar: as festas de fim de ano. O evento está acontecendo desde esta manhã no Hotel Royal Tulip, em São Conrado, e comercializa as coleções de Alto Verão de 60 marcas, além da presença de 300 lojistas e mais 12 compradores internacionais convidados pela ABIT – Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção.

Entre as marcas convidadas para o Salão, estão grandes nomes no setor de moda brasileiro, como Alessa, Blue Man, Cavendish, Maria Filó, Oh, Boy!, Sacada, Victor Dzenk e muitas outras. Eloysa Simão, diretora do evento, ressalta a sua importância para que o Brasil se encaixe nos padrões internacionais de consumo de moda:  “No mercado internacional, todas as grandes marcas dividem a temporada em coleções menores. É importante que o mercado brasileiro entenda a importância de ter uma coleção de Alto Verão dentro de uma estação tão externa”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Divulgação

Durante o salão, ainda será lançado “O Rio pela moda”, uma associação de produtores de conteúdo que se uniram para promover ações e eventos que se encaixem no calendário do varejo. Além de fornecer palestras e debates sobre o mercado durante os três dias de evento, a primeira ação contará com um espaço onde o público poderá trocar ou doar livros de moda, gastronomia, música, fotografia etc.

Para Paco, diretor geral do grupo Sacada, a indústria brasileira está mais do que pronta para atender à demanda de mais uma estação no calendário fashion, entrando no mesmo patamar das grandes potências nesse setor: “Com o ajuste do calendário de primavera verão antecipado para abril e o alto verão para julho, a indústria de moda no Brasil ganha prazo na produção e eficiência na entrega, que agrega faturamento e revitaliza o varejo de novembro a fevereiro”, comentou.

Quem volta para a sua segunda participação no evento é a Pipa Social, pólo de criação coletiva que capacita jovens que vêm das comunidades de baixa renda. Representando o grupo, o estilista Igor Rafael, da Tríplice Urban, aponta para a importância de inclusão social em projetos como esse: Quem não é visto, não é lembrado e a Pipa me está me dando esta oportunidade”, declarou. 

Peça da coleção da Metally que será apresentada no Salão Bossa Nova

Peça da coleção da Metally que será apresentada no Salão Bossa Nova

Abaixo, segue a programação completa do Salão Bossa Nova de Alto Verão:

29/07
11h – Apresentação das macrotendências para o Verão 14/15 – Palestrante: Renata Abranchs
15h – Marketing Sensorial – Palestrante: Pedro Salomão
18h – Estratégias e Inovação no Varejo da Moda  – Palestrante: Marilu Freitas

30/07
11h – A Gestão do Luxo que Ensina e Inspira – Palestrante: Carlos Ferreirinha
15h – Tendências de Consumo e oportunidades para varejo de moda – Apresentar as principais tendências de consumo para o Inverno 2015 e as inovações e oportunidades para o varejo de moda – Palestrante: Patrícia Souza
18h– Sua marca está preparada para estar nas redes sociais? – Palestrante: Camila Freitas

31/07
11h – Brasilidade da Moda: A Ginga e o consumidor – Palestrante: Karen Rochilin
15h – Nova geração da Moda – Palestrantes: Andrea Fasanello e Nadine Gonzales

Serviço:
Salão Bossa Nova Edição Alto Verão – 29, 30 e 31 de julho
Horário de Funcionamento: 10 às 21h
Onde: Hotel Royal Tulip – Av. Aquarela do Brasil, 75 – São Conrado – Rio de Janeiro

Pesquisas relacionadas