Moda & Beleza

Ícone: Trucker Jacket, a terceira e clássica versão da jaqueta jeans da Levi’s, completa 50 anos de unanimidade na moda mundial. “Não tem validade”, garante Marina Kadooka

Para comemorar a data, a grife promove um encontro especial amanhã no Rio de Janeiro. "Será uma grande festa para a gente celebrar mais um sucesso da marca em um clima super informal", contou Marina Kadooka, gerente de marketing da marca

Publicado em 14/08/2017 | Por Julia Pimentel

A moda vai e volta, aposta em tendências de hoje e resgata algumas do passado o tempo todo. O que nunca deixa de ser destaque é o que é considerado ícone no mundo fashion. Um desses exemplos, que é unanime a todos, é o jeans, que tem como maior referência a Levi’s, grife responsável pelo material mais democrático do mundo. Em sua história, a marca tem três destes exemplos de ícones de moda. Um deles é a Trucker Jacket, que está completando 50 anos de sucesso no cenário fashion.

Leia também: Orgulho LGBTQ: Levi’s lança coleção agênero e doa o lucro para instituições que apoiam a diversidade. Entenda!

Primeiro modelo de jaqueta jeans da Levi’s, feita em 1900 (Foto: Divulgação)

Porém, se já não fosse uma marca incrível, a jaqueta tem a sua história bem anterior a 1967. De acordo com Marina Kadooka, gerente de marketing da Levi’s e conhecedora de toda a história da grife centenária, a Trucker Jacket começou a ganhar seu espaço na marca em 1880, quando foi desenvolvida a primeira versão da jaqueta jeans da Levi’s. “Muita gente não sabe, mas esta é uma informação muito legal. A jaqueta foi feita há mais de cem anos, mas só em 1967, na terceira versão, foi dado o nome de Trucker. Nesse tempo, o modelo foi passando por diversas evoluções até o primeiro lançamento, que está completando 50 anos em 2017”, contou.

Leia também: Reconhecimento: artistas independentes da cena carioca ganham o palco da Casa Levi’s em noite de apresentação do concurso Original’s Studio

Segundo modelo de jaqueta jeans da Levi’s de 1953 (Foto: Divulgação)

Assim como a jaqueta da Levi’s foi evoluindo até ser batizada e incorporada ao mercado da moda mundial em 1967, depois do lançamento, a Trucker seguiu seu caminho crescente. De lá para cá, o ícone fashion se adequou ainda mais às necessidades modernas e ganhou novos elementos de moda, sem deixar a essência que a consagrou, obviamente. “A primeira versão foi feita para os trabalhadores e, por isso, tinha preguinhas com linhas na frente que permitiam o ajuste do tamanho. Então, este detalhe não era uma informação estética, era algo funcional. Mas com o tempo, a Trucker Jacket passou a atender as novas propostas que iam surgindo e alguns itens foram remasterizados”, contou Marina Kadooka que, entre os elementos que permanecem no modelo desde 1967, estão os clássicos botões da Levi’s.

Leia também: Levi’s promove Bowl Attack 2017 em São Paulo e reúne mais de 300 pessoas em um encontro que celebrou o skate, a música e a moda. Saiba como foi!

Primeira Trucker Jacket, a terceira versão da grife, lançada em 1967 (Foto: Divulgação)

Desta forma, a jaqueta passou a integrar o time de modelos icônicos da Levi’s e da moda mundial. Ao lado da calça 501, que completou 144 anos em 2017, e da clássica camisa Western, a Trucker Jacket é também uma representante de um guarda roupa democrático e unânime protagonizado pela grife mãe do denim. “Essas peças são únicas e o jeans as permitem estar sempre em alta. Uma jaqueta como a Trucker fica perfeita em qualquer look para diversas situações. Não tem data de validade, é um modelo que vai passando por todas as coleções”, disse Marina que acredita que esta característica também seja fundamental para este momento da moda. “As pessoas estão em busca de peças-chave e recriando em cima de clássicos. Na Levi’s, nós usamos muito o conceito de remasterizarão para explicar isso”, apontou a gerente de marketing que, como exemplo, destacou o uso de patches e bottons para modernizar e personalizar os modelos icônicos.

Leia também: Levi’s anuncia Otávio Neto como embaixador de sua coleção Skateboarding e promove evento em São Paulo com premiação em dinheiro para os melhores skatistas

Este slideshow necessita de JavaScript.

Por isso tudo, os 50 anos da Trucker Jacket não poderia passar em branco. Nos Estados Unidos, sede da Levi’s, a data será comemorada em outubro, quando os norte-americanos começam a se preparar para a temporada mais fria. No Brasil, a festa de mais um ícone da grife será amanhã, no Rio de Janeiro. “Não faz sentido a gente celebrar uma jaqueta, que é mais usada no inverno, quando as temperaturas por aqui estão começando a subir. Então, no Brasil, nós antecipamos um pouco as comemorações para que estejam alinhadas ao calendário local”, explicou Marina Kadooka.

Leia também: Conquista: artistas independentes do Rio e de São Paulo lançam single como prêmio do concurso Original’s Studio, da Levi’s

Este slideshow necessita de JavaScript.

Portanto, amanhã, o Rio será palco mais uma vez de um ícone da grife símbolo do denim. Depois da Casa Levi’s que, por um mês, agitou a cena cultural da cidade e apresentou nomes de peso em uma programação gratuita aos cariocas, desta vez, o encontro também terá gostinho de preview. “Na comemoração de 50 anos da Trucker Jacket, eu vou apresentar o ouro do acervo da Levi’s. Mas nós também teremos alguns destaques que estarão em alta no segundo semestre. Por lá, haverá uma arara com roupas super modernas e para a noite, como saia em paetê. Será uma grande festa para a gente celebrar mais um sucesso da marca em um clima super informal”, adiantou a gerente de marketing da Levi’s, Marina Kadooka. Amanhã, claro, o site HT estará nesta festa e depois conta tudo o que rolou por lá. Já estamos ansiosos!

Pesquisas relacionadas