Moda & Beleza

Aeroporto Santos Dumont vira cenário fashion para o Elle Fashion Preview, evento que promete alegrar os órfãos da semana de moda do Rio

No dia 14 de outubro, a publicação leva oito dos principais estilistas e marcas brasileiros para um preview antes da São Paulo Fashion Week

Publicado em 12/10/2015 | Por Karina Kuperman

Nada de aviões. A pista do aeroporto Santos Dumont vai ver novas engrenagens nesta quarta-feira (dia 14). A revista Elle Brasil levará Alexandre Herchcovitch, Lenny Niemeyer, Patrícia Viera, Osklen, Ellus, Helo Rocha e outros grandes estilistas e marcas brasileiras para um desfile-preview antes da São Paulo Fashion Week. Com direção criativa de Paulo Borges – a gente bateu um papo com ele aqui  e curadoria e coordenação de Susana Barbosa, diretora de redação da publicação, o fashion show receberá cerca de 800 convidados e apresentará as tendências para a temporada Outono-Inverno 2016. Carol Bertelli, diretora de marketing das publicações femininas da Editora Abril, disse que realizar o evento na capital carioca tem um gostinho especial: “Acho que para o Rio, em um momento em que a cidade está carente de eventos de moda, significa um fôlego. Estamos aqui para dizer que a moda carioca não está esquecida. Ao contrário, está bem representada por três de seus nomes mais talentosos: Osklen, Lenny e Patricia Viera. Como é um formato inovador e inédito, atrai bastante interesse do mercado anunciante”.

elle6

Assim como as edições passadas, o evento promete levar o melhor dos principais nomes da moda brasileira para um preview de suas coleções (Foto: Reprodução/Site Oficial)

Realmente, a quarta edição do evento em nada se parece com o que os cariocas estão acostumados a ver. Carol revelou que a locação foi uma das partes mais complicadas do processo. “Como se trata de um evento inédito, afinal é a primeira vez que algo desse porte acontece na pista de pouso, foi uma negociação demorada. Mas já estamos habituados a conseguir o que beira o impossível. Basta lembrar que fechamos por duas vezes a Ponte Estaiada, em São Paulo, para realizar as primeiras edições do evento”, disse. E não é só nos shows que a publicação gosta de ousar. Em tempos de crise, Carol garantiu, é preciso ser diferente. “Esse ano já causamos bastante barulho com a capa da edição de aniversário, que era espelhada e refletia a imagem de todas as mulheres que nela se olhassem. Fez tanto sucesso que foi replicada por outras edições internacionais da revista, como a australiana e chinesa. O Elle Fashion Preview é mais um exemplo de que não podemos nos deixar abater pelas adversidades do país”, garantiu.

susana_barbosa

Susana Barbosa é curadora e coordenadora do evento que promete parar o Rio de Janeiro no dia 14 (Foto: Divulgação)

Direto da linha de frente do evento, Susana Barbosa. “Tenho 20 anos de carreira, então posso dizer que mudou tudo. A começar quando a fotografia se tornou digital. De lá para cá, com as redes sociais, as demandas são outras. Temos que nos reinventar a cada dia, porque as coisas acontecem na velocidade da luz. Acho importante não ter preconceito e dizer sim às mudanças”, declarou ela, que acredita que o Rio de Janeiro é capaz de ditar tendências: “Acho que a carioca usa bem as cores, as estampas e os acessórios. Diferentemente da paulistana, que vai nos tons neutros e se arrisca menos. Todo ano, o Rio dita rumos e orienta a moda, seja nos modismos das areias ou nas novelas. Elas podem até não dialogar com o high fashion, mas falam diretamente com o grande público. Se voltarmos no tempo, Leila Diniz pode ser um bom exemplo. Depois dela, exibir a gravidez deixou de ser um tabu”, exemplificou. Ainda assim, ela deu sua opinião sobre o esgotamento da fórmula Fashion Rio. “Acho que o Brasil não comporta duas semanas de moda. O Fashion Rio já estava perdendo fôlego. Talvez mostrar o resort e o beachwear seja o formato ideal para uma cidade solar”, analisou.

Mesmo sem semana de moda, a cidade maravilhosa continua em alta e tanto Susana como Carol destacam isso. “Fala-se muito da moda carioca com um certo ar nostálgico, como se depois da geração Casa Canadá, Georges Henri e Yes, Brazil! não tivesse surgido mais nada. No entanto, o Rio tem nomes sólidos, como Osklen e Lenny, que já trabalham há tempos esse conceito de lifestyle aliado à moda que tantas marcas buscam desesperadamente nos dias de hoje. Além desses, há outras marcas que se consolidaram sem sequer participar de uma semana de moda, como a Farm e a Ateen, por exemplo”, afirmou Susana.

elle4

O croqui de um look que desfilará no Elle Fashion Preview (Foto: Divulgação)

Logo após os desfiles, a cantora Anitta e os DJs belgas Richard Colburn & Chris Geddes (da banda Belle & Sebastian) vão subir ao palco para animar ainda mais o evento. O Elle Preview será uma festa para ficar na memória. É o que garantiu Susana: “É um desfile como há muito tempo não vemos, de cenário grandioso e 64 top models reunidas para mostrar antes o que oito dos melhores estilistas brasileiros criaram para o inverno. Além disso, teremos uma festa reunindo artistas nacionais e internacionais de peso”. Carol Bertelli foi além e se declarou para a cidade: “É o momento do Rio brilhar. A cidade acaba de fazer 450 anos e será sede dos Jogos Olímpicos. Além disso é o cenário perfeito para um evento grandioso como este. Nenhum aeroporto brasileiro tem a vista que o Santos Dumont tem”, opinou, convicta. Quem somos nós para discordar?

Veja mais croquis abaixo:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pesquisas relacionadas