Gente & Comportamento

Em Gramado, Marieta Severo fala sobre manifestação política: “Não há nada mais precioso do que a democracia”

A atriz também comentou sobre o anúncio de Walcyr Carrasco sobre a possibilidade de uma segunda temporada de Verdades Secretas

Publicado em 20/08/2018 | Por Ana Clara Xavier

Marieta Severo é presença de honra no Festival de Cinema de Gramado. Em 2002, inclusive, ela foi homenageada com o Troféu Oscarito por sua trajetória de, atualmente, mais de 50 anos de carreira. Nesta 46ª edição do evento cinematográfico, ela retornou à serra gaúcha para prestigiar a estreia nacional do filme A Voz do Silêncio, no qual interpreta a personagem principal.  “Algo que dura no Brasil há 46 anos com qualidade se impõe para nós de uma maneira definitiva. Quando a gente descobre que o filme foi escolhido para ser mostrado aqui, em Gramado, já uma alegria. Então, este Festival conseguiu uma chancela”, comentou. Para ela, um dos momentos mais significativos é poder se aproximar ainda mais do público. “É excelente ter este contato direto com as pessoas que estão aqui, porque elas vivem o cinema e prestigiam. É bonito andar pela cidade e ver isso, fora que o lugar é delicioso e colhedor”, comemorou. A produção que a atriz participou está concorrendo na mostra competitiva de longas brasileiros.

Leia: Mariana Ximenes comemora a parceria de anos com Cauã Reymond: “Ele é um ator formidável

Marieta Severo sendo tietada na chegada ao Palácio dos Festivais (Foto: Cleiton Thiele / Pressphoto)

Saiba: 46º Festival De Cinema De Gramado: Degradação do rio e desmatamento no país são questionados no terceiro dia

Durante a conversa que antecedeu a exibição do filme, o produtor do longa, Rodrigo Castellar, resolveu expor a sua opinião política ao pedir a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No entanto a sua manifestação acabou gerando algumas palmas e também vaias. Contrária ou não ao pedido, o fato é que Marieta acredita ser necessário este tipo de exposição em lugares como o Festival de Cinema. “O cidadão tem o poder de se mostrar politicamente e tem que usar isso da maneira que achar mais conveniente e de acordo com os seus pensamentos. Não importa quais sejam, porque não há nada mais precioso do que a chamada democracia. Algumas pessoas acham que outras formas podem resultar em algo positivo, mas não é verdade. Temos que cuidar deste nosso bem e nos manifestarmos sempre”, garantiu.

(Foto: Cleiton Thiele / Pressphoto)

Leia: 46º Festival De Cinema De Gramado: Carlos Saldanha, cineasta queridinho de hollywood, é homenageado no segundo dia

Marieta passou dois dias em Gramado para prestigiar o filme enquanto curtia um pouco as suas férias depois de trabalhar durante um ano na novela O Outro Lado do Paraíso. Atualmente, ela está se preparando para participar do longa Os Nossos Filhos, de Maria de Medeiros, que será rodado em setembro. No entanto, a torcida do público é que a artista se envolva em mais um projeto nas telinhas: Verdades Secretas. Recentemente, o escritor Walcyr Carrasco anunciou uma segunda temporada da trama na qual ela fez sucesso no papel da vilã. “Só sei o que o público sabe, porque li no jornal e vi que bombou. Honestamente, não estou sabendo de nada. Não sei se a minha personagem vai estar nesta segunda versão. Não costumo acompanhar as redes sociais, mas nós mantivemos um grupo no Whatsapp do Verdades Secretas que havíamos criado naquela época. Sinceramente, falo muito pouco porque sou ruim com a tecnologia, não dá tempo, mas a notícia repercutiu lá e acabamos falando sobre. Só isso que posso dizer”, comentou.

A atriz aguarda a confirmação do retorno de Verdades Secretas (Foto: Cleiton Thiele / Pressphoto)

A atriz aguarda a confirmação do retorno de Verdades Secretas (Foto: Cleiton Thiele / Pressphoto)

Saiba: 46º Festival de Cinema de Gramado: Internacionalidade e discussão política marcam o primeiro dia

Marieta é muito conhecida a nível nacional por ser uma grande atriz de novela, mas também a vemos no teatro e no cinema com trabalhos de qualidade e destaque. Ela comentou que, após o termino de Outro Lado, ela pretende realmente focar em projetos nas telonas e nos palcos. “Nestes 51 anos de profissão, eu tive a sorte de transitar pelos três meios. Isto começou desde a minha estreia, na verdade. No mesmo ano que comecei, fiz cinema ensaiando para o teatro e em seguida fui fazer novela. Já me abriram desde sempre estas portas. Acho que, na verdade, transitar por estes formatos é o melhor que o ator pode fazer, porque cada um exige de uma forma diferente. Uma coisa alimenta a outra”, garantiu. Os planos para o teatro devem ficar para o ano que vem, mas com certeza ainda veremos muito esta estrela brilhar por aí.

Pesquisas relacionadas