Gente & Comportamento

CFDA Fashion Awards: a nata da moda se reuniu na Big Apple e as gêmeas Ashley e Mary-Kate Olsen foram premiadas. A gente conta tudo!

Os fashionistas colocaram o pé na porta e começaram junho com tudo no Alice Tully Hall. Por lá, foram escolhidos os donos dos melhores acessórios, looks e otras cositas más

Publicado em 02/06/2015 | Por Lucas Rezende

As turmas da música, da sétima arte e da televisão já se reuniram nesses últimos seis meses para descobrir quem se destacou com álbuns, clipes, dramas, comédias e seriados em suas respectivas cenas. E nesta segunda-feira (1), colocando o pé na porta e começando junho com garbo e elegância, foi a vez dos fashionistas desfilarem num red carpet, brindarem e conferirem os nomes mais incensados do setor. Para tanto, nada como escolher a Big Apple, cenário mais cosmopolita do globo terrestre, para o festejo. No Alice Tully Hall, celebs graúdas prestigiaram o CFDA Fashion Awards, evento anual que reconhece as contribuições para a moda americana.

Na premiação, gente de todas as áreas da indústria e relacionada às artes disputam a excelência de design em moda feminina, masculina e acessórios, bem como realizações extraordinárias no jornalismo e na visão criativa. No topo das premiações mais cobiçadas, a de Designer de Roupa Feminina do Ano, quem levou? As irmãs gêmeas Ashley Olsen e Mary-Kate Olsen, da marca The Row. O duo desbancou pesos-pesados como Jack McCollough e Lazaro Hernandez. Pela ala masculina, o melhor Designer de Roupa Masculina do Ano foi Tom Ford, o americano que fez a Gucci renascer como Fênix e se transformar na boutique de respeito que é hoje.

Para completar a trinca de principais premiações, Tabitha Simmons saiu do Alice Tully Hall como a Designer de Acessórios do Ano. Responsável por saltos, rasteiras, sapatos e bolsas grifadas, Tabitha é veterana nessa história de levar troféu para casa. O motivo? Sua excentricidade nas criações, já que é conhecida por usar e abusar de peles exóticas, couros das melhor qualidade e camurças. Isso sem falar na técnica de bordado eyelet…

E o CFDA Fashion Awards também foi palco para homenagens. Depois de Rihanna ter recebido no ano passado o prêmio de ícone da moda, o posto desta vez ficou com Pharrel Williams, o homem do single “Happy”. O Prêmio Media, neste ano, fez história: pela primeira vez uma pessoa deixou de receber, já que o Instagram, aplicativo de postagem de fotos, foi vencedor. Detalhe: Kim Kardashian (em primeiro evento público após anúncio de gravidez), a rainha da selfie, foi a responsável pela entrega. Melhor impossível, né? Ainda entre os homenageados do ano, estiveram a dupla Maria Grazia Chiuri e Pierpaolo Piccioli, da Valentino, pelo Prêmio Internacional.

O show à parte ficou por conta de Chelsea Victoria Clinton, a única filha do ex-presidente Bill Clinton e da secretária de estado americano Hilary Clinton. Chelsea deixou os presentes com olhos marejados ao prestar uma homenagem ao amigo Oscar de la Renta, estilista que faleceu vítima de um câncer aos 82 anos no ano passado. Oscar era o responsável por vestir as principais primeiras-damas dos Estados Unidos, incluindo a mãe de Chelsea.

Ela lembrou de la Renta como seu amigo e o homem que teria escolhido para ser seu avô; e contou que ele a ajudou na época que vivia na Casa Branca, bem nova, e tinha pavor dos holofotes da imprensa. Foi quando ela passou a se vestir de forma desleixada, afim de evitar o assédio. “Ele olhou para mim, severo, mas com um brilho nos olhos, e disse: ‘acho que você está fazendo um grande desserviço. Mas se você insistir em usar cores escuras, você deve pelo menos ser vestida lindamente'”, contou, emendando: “na semana seguinte, Oscar me enviou um vestido de veludo marrom modelado, muito bonito. Eu usava tanto aquele vestido, que eu até sorria mais. Eu ainda tenho esse vestido e eu vou valorizá-lo sempre”, lembrou.

Além das celebs, o CFDA Fashion Awards reuniu uma série de varejistas, jornalistas, estilistas, formadores de opinião e os mais de 450 designers membros da CFDA. E por isso, como não poderia ser diferente, o red carpet foi badalado. Depois, a turma mais animadinha partiu para o Hotel Standard, em Manhattan, onde fica o exclusivo clube Boom Boom Room. Tudo regado a Veuve Clicquot, of course, para o show da norte-americana JHene Aiko. Por lá, Katie Holmes, Amanda Seyfried, Diane Kruger, Julianna Margulies, January Jones, e Taraji P. Henson.

Confira abaixo a lista completa de vencedores:

Designer de Roupa Feminina do Ano: Ashley Olsen e Mary-Kate Olsen

Designer de Roupa Masculina do Ano: Tom Ford

Designer de Acessórios do Ano: Tabitha Simmons

Prêmio Swarovski para Roupa Feminina: Rosie Assoulin

Prêmio Swarovski para Roupa Masculina: Shayne Oliver

Prêmio Swarovski Design de Acessórios: Rachel Mansur e Floriana Gavriel

Homenageados

Prémio Media: Instagram

Trova de Founders (fundadores): Millard “Michey” Drexler, Presidente e Diretor do Conselho deJ.Crew Group Inc

Prêmio Internacional: Maria Grazia Chiuri e Pierpaolo Piccioli

Pesquisas relacionadas