Gente & Comportamento

Agenda cultural: Show de MØ, drama estrelado por Catherine Deneuve e retrospectiva sobre Francis Ford Coppola são os destaques do fim de semana

E mais: Zeca Pagodinho lança disco novo, Irandhir Santos enriquece o cinema nacional, festival de dança urbana invade a capital fluminense e o coletivo Drag-Se lança o primeiro episódio do reality show com seus participantes

Publicado em 29/05/2015 | Por João Ker

Com shows de gente que vai de Zeca Pagodinho e Guilherme Arantes a Samantha SchmutzMØ, o fim de semana no Rio de Janeiro traz uma programação variada de talentos nacionais e internacionais em todos os aspecto. No cinema, dramas estrelados por Catherine Deneuve e Irandhir Santos são as melhores estreias da semana, enquanto exposições sobre o folclore do Bumba-meu-boi e os artistas que inspiraram Mário de Andrade se destacam nas artes plásticas. abaixo, você confere o melhor dessa vasta programação:

Cinema:

“Trocando os Pés”: Comédia com pitada de drama estrelada por Adam Sandler no papel de um sapateiro fracassado que descobre ter o poder de mudar de identidade de acordo com o sapato que calça. Um bom filme para a família, mas que soa demais com as lições morais de “Click”.

“Terremoto: A falha de Sam Andreas”: Na pegada dos filmes pós-apocalípticos, o drama estrelado por Dwayne Johnson mostra um bombeiro especializado em resgates que precisa resgatar a filha após um terremoto. Nada muito original também, mas que deve prender a atenção com efeitos especiais e aquelas pitadas de ação.

“O homem que elas amavam demais”: Drama francês com Catherine Deneuve no elenco dispensa apresentações, né? A trama gira em torno do desaparecimento da filha de Catherine, vivida por Adèle Haenel, após uma disputa milionária por cassinos e um romance mal explicado.

“O Amuleto”: Apesar de não ter acertado muito no gênero nos últimos anos, tentativas brasileiras dentro do terror são sempre bem vindas, mesmo que seja apenas pelo esforço. Aqui, Bruna Linzmeyer e Maria Fernanda Cândido dão vida a um roteiro que traz clichês fáceis – a road trip de amigos que se perdem na floresta e perdem contato com o mundo lá fora – que ainda traz aquela pegada meio documental de “A Bruxa de Blair”.

“Permanência”: Sob a direção delicada de Leonardo Lacca (do ótimo “O Som Ao Redor”), Irandhir Santos e Rita Carelli estrelam esse drama sob um ex-casal que se redescobre anos depois, quando ambos estão com seus respectivos parceiros. Uma ótima aquisição para o cinema nacional.

Shows:

Guilherme Arantes, Vivo Rio: Um dos maiores nomes do rock e da MPB sobe ao palco do Vivo Rio neste sábado para comemorar seus 40 anos de carreira, com um repertório bem conhecido do público. Na nossa seção de Música, você lê uma entrevista exclusiva com Guilherme, além de concorrer a um par de ingressos e a chance de conhecê-lo no camarim. Corre lá!

, Gamboa: A dinamarquesa faz sua estreia em solo carioca após ter participado recentemente de “Lean On”, o último single do Major Lazer. E, apesar de ter outra parceria com Diplo e uma com Iggy Azalea, o disco de estreia da moça é ótimo para quem curte um dance mais alternativo e, no show, ela certamente dará conta de manter os ânimos agitados. Saiba como comprar ingressos aqui.

A dinamarquesa MØ se apresenta pela primeira vez no Rio de Janeiro (Foto: Divulgação)

A dinamarquesa MØ se apresenta pela primeira vez no Rio de Janeiro (Foto: Divulgação)

Zeca Pagodinho, Citibank Hall: Um dos mestres do samba brasileiro apresenta um show completamente reformulado e com repertório baseado em seu novo disco, “Ser Humano”, sexta e sábado no Citibank Hall. Nesse link você pode comprar ingressos e aqui você lê a nossa entrevista exclusiva com Zeca, na qual ele fala sobre o álbum, samba, a nova era tecnológica e muito mais.

Anitta e Nego do Borel, Vivo Rio: Anitta na Lapa é sempre um evento que bomba e arrasta multidões, junte a isso a presença do Nego do Borel, um dos maiores expoentes do funk ostentação, e você terá a fórmula do sucesso. Quem curte um batidão, já tem o programa de sexta-feira garantido. Veja mais aqui.

Samantha Schmutz, Teatro Rival: Famosa por seus personagens cômicos em programas como o “Vai que cola” e “Não tá fácil pra ninguém”, Samantha Schmutz mostra toda a sua veia de cantora – com muito potencial, diga-se de passagem – no palco do Teatro Rival, nesta sexta. Aqui você encontra mais informações sobre ingressos e nesse link você lê nossa entrevista com a moça, na qual ela conta um pouco mais sobre seus planos na carreira e quem é a colaboração dos seus sonhos.

Festas:

“Chega Aê”, Jardins do MAM: O nome do evento não poderia ser mais autoexplicativo. Na tarde de sábado, quem não tiver afim de enfrentar um friozinho na praia, pode curtir um som de bandas alternativas da cena carioca e até um pouquinho de poesia pelos jardins do MAM. O preço claro, é grátis e você pode ter  mais informações aqui.

“Wobble”, ?:  Ainda sem lugar definido, uma das melhores festas de música eletrônica e hip hop da cidade tem mais uma edição ao ar livre neste domingo. enquanto eles não divulga o loca, você pode acompanhar todas as alterações por aqui.

Estreia do reality show "Drag-Se"acontece sábado, na La Paz (Foto: Reprodução)

Estreia do reality show “Drag-Se”acontece sábado, na La Paz (Foto: Reprodução)

“Samba dos Guimarães”, Mercado das Pulgas: Não que alguém precise de algum motivo para ir a Santa Teresa, mas no sábado o casarão do Mercado das Pulgas oferece um repertório que promete ir de Zeca Pagodinho e Arlindo Cruz a Tim Maia e Clara Nunes. Mas tem que chegar cedo, porque lá começa por volta das 19h. Aqui você encontra mais informações.

“Drag-Se”, La Paz: A noite de sábado terá pré-estreia do primeiro episódio da websérie “Drag-se”, uma espécie de reality show com os participantes do coletivo carioca de drag queens. Espere bastante performance, close, pista de dança bombástica e um som pop ótimo para quem quer dançar. Aqui você sabe o resto.

“Toucan Party”, 00: O duo de DJs Toucan, que já tocou em diversas casas do país e mantém residência na CAVE, em Copacabana, estreia sua própria festa nesta sexta-feira, no deck do 00Os preços e horários você encontra aqui.

Teatro:

“Eu e Ela”, Teatro Vannucci: O jornalista Guilherme Fiuza faz a sua estreia como dramaturgo teatral com essa peça dirigida por Ernesto Picollo. Estrelada por Claudia Mauro, a comédia relativiza uma das maiores fobias femininas (e, às vezes, masculinas também): as baratas.

“Estamos indo embora”, Espaço SESC: Julia Lund e Marcelo Machado estrelam o drama escrito e dirigido por Luiz Felipe Reis. Com pegada reflexiva sobre o impacto do homem no ambiente e no cenário a sua volta, a montagem é dividida em quatro blocos, que fazem os personagens passearem pelo Pólo Norte, pela galáxia e terminarem em um futuro desconhecido. Em cartaz no Espaço SESC, de Copacabana.

“Rio Hip Hop Kemp”: Também conhecido como Rio H2K, o festival lançado em 2011 traz a vários pontos da cidade  – do Teatro Municipal ao Oi Futuro – espetáculos, rodas de conversa e workshops de danças urbanas, com nomes renomados do Brasil e de vários outros países. A programação é extensa e completa, e você pode conferi-la aqui e na seção de música você lê um papo exclusivo com Bryan Tanaka, coreógrafo que participa do Rio H2k e já trabalhou com Beyoncé, Madonna e muito mais gente do primeiro escalão do pop. Abaixo, você vê um vídeo que explica mais sobre o evento e seus objetivos:

“Borderline”, Espaço Tom Jobim: Marcando a estreia de Marcello Gonçalves na direção, o drama estrelado por estrelado pelo ator potiguar Bruce Brandão é baseado no conto de Junior Dalberto e trata sobre o distúrbio psicológico, suas esquizofrenias, desejos, loucuras e lucides. Aqui você fica sabendo informações de horários e ingressos.

Exposições:

“Caretas de Casa Nova”, Museu do Pontal: O folclore brasileiro ganha força no Rio vindo direto do Maranhão na forma de 17 peças cedidas pela fotógrafa e pesquisadora Maria Mazzillo. Máscaras, fotos e fantasias do Bumba-meu-boi reunidas por 18 anos engrossam a exposição, e você descobre como chegar lá aqui.

Bumba-meu-boi no Maranhão (Foto: Divulgação)

Bumba-meu-boi no Maranhão (Foto: Divulgação)

“Francis Ford Coppola: O Cronista das Américas”, CCBB: Retrospectiva com mais de 25 filmes de um dos diretores mais importantes do cinema pós-guerra chega ao CCBB, trazendo desde clássicos como a trilogia de “O Poderoso Chefão”,  até documentários inéditos e sua incursão digital no teatro.

“Mário de Andrade e seus dois pintores”, Museu Chácara do Céu: Em Santa Teresa, 25 obras de Cândido Portinari e outras 25 de Lasar Segall foram selecionadas pela curadora Anna Paola Baptista, baseada nas impressões e anotações de Mário de Andrade a respeito dos artistas, declaradamente seus preferidos. Com quadros importantes de ambos, você confere horários e mais detalhes no site oficial do local.

Pesquisas relacionadas