Cinema & TV

“Sol Nascente”: Giovanna Antonelli, Bruno Gagliasso, Suzana Pires e Walther Negrão falam sobre a nova novela das 18h. Vem com a gente!

Com Giovanna Antonelli, Bruno Gagliasso, Aracy Balabanian, Francisco Cuoco e grande elenco, a trama escrita por Walther Negrão, Suzana Pires e Júlio Fischer falará sobre amor a partir da relação entre imigrantes japoneses e italianos no Brasil

Publicado em 27/08/2016 | Por Julia Pimentel

O amor é a palavra que irá nortear a nova trama das 18h da Globo, “Sol Nascente“. Com imagens de tirar o fôlego nas praias de Búzios e Angra dos Reis, no litoral do Rio de Janeiro, combinadas a uma aula de história e geografia com as culturas japonesas e italianas, a novela estreia na próxima segunda-feira carregada de expectativa e ansiedade. Na festa de lançamento da novela que rolou na própria cidade cenográfica, nos Estúdios Globo, Suzana Pires, que divide a autoria de “Sol Nascente” com Walther Negrão e Júlio Fischer, contou que a proposta da trama é explorar a amizade entre as pessoas. “O Negrão queria muito trabalhar com os italianos depois de ter feito o ‘Nino, o Italianinho’ há 40 anos. E a gente também queria tratar da amizade. Então, chegamos às culturas italiana e japonesa, que são as duas maiores imigrações do Brasil. A novela nasce da forma que encontramos de estruturar uma relação entre duas famílias de tradições tão diferentes” disse a autora que há sete anos trabalha com Walther Negrão e Júlio Fischer na criação de novelas. “A gente tem três regras: a vaidade fica do lado de fora da sala, só se pode gongar a ideia do coleguinha se você tiver uma melhor e a foice só pertence ao Negrão. Pronto. Isso é o que faz com que a gente consiga mexer no material do outro e, desta forma, ter a novela como resultado final, que é maior que a individualidade de cada um”, explicou. Incrível, ?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Além deste clima de amizade, os reencontros também tomam conta de “Sol Nascente”. No elenco que tem estrelas da teledramaturgia como Laura Cardoso, Francisco Cuoco, Giovanna Antonelli, Bruno Gagliasso e Rafael Cardoso, o clima familiar foi um dos destaques ressaltados pelo autor Walther Negrão. “Para mim está sendo muito prazeroso fazer essa novela com toda essa equipe incrível. Mas, principalmente, por reencontrar depois de tanto tempo dois atores que fizeram meus primeiros trabalhos: Francisco Cuoco e Aracy Balabanian. Fora eles, alguns outros que eu considero que começaram a carreira comigo, como Letícia Spiller e Giovanna Antonelli”, relembrou o autor que já tem mais de 30 trabalhos na televisão brasileira.

Este slideshow necessita de JavaScript.

E tem mais. Fora Walther Negrão, a atriz Giovanna Antonelli também está tendo um outro e saudoso reencontro em “Sol Nascente”. Depois de 22 anos, Giovanna volta a brilhar no horário das 18h. Como nos contou, a última novela que a atriz fez nesta faixa foi “Tropicaliente”, em 1994. Mas, apesar da trama das 18h ter tradicionalmente um caráter mais leve, em comparação às demais da grade da emissora, Giovanna Antonelli afirmou que não é bem assim. “Novela nunca é leve, a gente trabalha muito. Não importa o horário para mim, o que vale são os bons personagens e as boas oportunidades. E é isso o que eu agarrei neste momento. Todo personagem eu acho que é sempre um desafio, um aprendizado e um crescimento”, argumentou a atriz que será Alice em “Sol Nascente”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Par romântico de Giovanna Antonelli na próxima trama da Globo, o ator Bruno Gagliasso, que interpretará Mário, destacou a importância de o amor ser o fio condutor na nova novela. “Nós estamos em um momento em que é necessário falar mais sobre amor e sentimentos puros. É bom e a gente tem que abordar isso. Está na hora”, opinou o ator que, mesmo com a sua extensa e brilhante carreira, ainda fica nervoso com o clima de estreia de um novo trabalho. “Como sempre, em todo os meus trabalhos, a ansiedade está a mil. Não tem como não me sentir assim. Mesmo já tendo feito várias outras novelas, é como se fosse a primeira. A novela está linda e eu estou com muito orgulho desse trabalho. Eu precisava de um personagem assim depois de interpretar duas pedreiras”, afirmou Bruno Gagliasso.

Bruno Gagliasso e Giovanna Antonelli (Foto: AgNews)

Bruno Gagliasso e Giovanna Antonelli (Foto: AgNews)

Quem também está com um importante desafio nas mãos é o querido Pablo Morais. Em “Sol Nascente”, o ator será Nuno, um pescador, pai de família e comprometido com a mulher Vanda, interpretada pela atriz Cinara Leal. Apesar de seus singelos 23 anos, Pablo nos contou que contracenar com criança não é uma dificuldade muito grande, já que o ator possui afilhado e sobrinhos pequenos. “Ele é um pouco mais velho que eu e é pai. Então, eu tento buscar essa relação de marido e mulher, que já tem muitos anos, e juntos eles ainda discutem sobre a vida de uma outra pessoa, uma criança. O meu maior desafio é mostrar da melhor forma como é essa troca de olhares, comportamento e cotidiano dessa família”, explicou Pablo Morais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pesquisas relacionadas