Cinema & TV

Depois de três meses em tratamento para depressão, o rei da internet, Whindersson Nunes lança especial no Netflix

Com estreia prevista para o dia 15 de agosto, o programa-especial 'Adultos' marca a volta do youtuber e já começa a levar os fãs aos delírio

Publicado em 18/07/2019 | Por Heloisa Tolipan

São Paulo, SP 08/07/2019 Whindersson Nunes. Foto Antonio Milena.

*Por Fernanda Quevedo

Não é de hoje que os milhares de fãs de Whindersson Nunes esperam a estreia do especial de comédia na Netflix, ‘Adulto‘, afinal, já faz algum tempo ele vem comentando sobre as gravações e a sua alegria com o projeto que considera um dos mais relevantes de sua carreira. No Twitter, o comediante brincou: “A Netflix Brasil perdeu e sou eu que decido: ‘Adulto’ (o especial)’ estreia em 15 de agosto!”. Em pouco menos de quatro horas, o teaser já conta com mais de 400 mil visualizações na perfil do Whindersson e mais de 24 mil, no canal oficial do streaming.

O público ficou alvoroçado com esse retorno e comentou: O retorno do lendário WN. Que orgulho do meu ídolo”, comemorou um fã. Já outro se divertiu aos postar, Netflix, agora você melhorou”. O especial é um stand-up gravado em 2018, onde o Nunes relembra os fatos curiosos e engraçados de sua infância e com muito humor e irreverência, conta piadas das situações inusitadas do seu dia-a-dia, com a família, esposa, amigos e especialmente com a mãe. O lançamento vem logo após a sua primeira entrevista onde falou sobre o período depressivo, no momento de maior destaque da carreira que começou aos 14 anos. 

Ele deu uma pausa de três meses, numa extensa agenda de shows no Brasil e no exterior, por conta de uma depressão, e agora retoma não só o trabalho humorístico, mas também o social com, o lançamento de um aplicativo para colaborar com pessoas que passam pelo mesmo problema que o seu e não têm acesso aos cuidados que a doença necessita. “A ideia é unir pessoas que precisam de ajuda, com pessoas que querem ajudar”, explicou o humorista e youtuber. 

Sobre o momento de dificuldade, ele contou com o amplo apoio de Luísa Sonza, sua esposa, e buscou ajuda. “Eu não estava percebendo nada [sobre a depressão]. Perdi a vontade de ser sociável, e me isolei um pouco. Fui adiando a terapia por causa da falta de tempo e foi aí que fui percebendo”. Desde que anunciou que estava com depressão, Whindersson recebeu apoio dos fãs e de outros artistas e comediantes também. Mas declarou que muitas pessoas o questionam. “É justificável. Existem pessoas, que por falta de entendimento podem pensar que é frescura. Mas com a terapia, vim entendendo o que estava acontecendo”, disse compreendeu Whindersson. O humorista chegou a lucrar até R$ 120 mil por campanhas e apresentações, antes da depressão havia feito uma turnê em 45 cidades de países diversos. Com 24 anos, ele é o maior youtuber brasileiro e o seu canal conta com  mais de 36 milhões de inscritos. 

Na mesma pegada que atrai o público ativo e contestador das redes sociais, a Netflix também lançou o trailer da série do produtor musical Kondzzilla, dono do canal homônimo, considerado o maior canal de funk do mundo. Assim como outros streamings, que estão trabalhando forte com a migração de públicos digitais, e com conteúdo que vão além de serie e filmes, a plataforma se consagra como uma das principais indicações do Emmy 2019. 

Pesquisas relacionadas