Cinema & TV

Cada vez mais brasileira, Yara Charry, a francesa de Velho Chico, lembra dos primeiros momentos na trama da Globo: “Eu não sabia o que era novela”

Depois do sucesso da novela, a atriz contou que hoje mora no Brasil e se dedica aos estudas para mergulhar cada vez mais na carreira na dramaturgia. "Depois que acabou a novela, a equipe e os meus amigos me incentivaram muito para que eu continuasse na carreira e fosse estudar para aprender sempre mais"

Publicado em 28/03/2017 | Por Julia Pimentel

Bonjour, tudo bem? É assim, em uma mistura de França com Brasil, que Yara Charry vive sua vida. A atriz, que interpretou a francesa Sophie de Velho Chico, é filha de mãe brasileira e pai europeu e, desde a infância, vive essa dobradinha de nacionalidades. No ano passado, Yara encantou o público tupiniquim na trama das 21h e resolveu se mudar de vez para o Brasil. Com o sucesso de Velho Chico, a atriz, que estreou a carreira já no horário nobre da Globo, contou que planeja alongar sua trajetória artística. Para isso, Yara Charry nos disse que sua rotina é pautada pelos estudos e dedicação à dramaturgia. “Eu quero ter novos trabalhos aqui no Brasil. Então, para isso, eu estou me dedicando a cursos e vários tipos de estudo para aprender sempre mais”, contou.

Lindíssima, Yara é uma mistura de pai francês com mãe brasileira (Foto: Reprodução)

Em Velho Chico, Yara Charry descobriu a artista que morava dentro de si e que nunca havia sido provocada. A atriz, que contracenou principalmente com Gabriel Leone no folhetim, destacou a recepção calorosa que teve dos brasileiros, tanto nos sets de gravação quanto nas ruas. “Para mim, era tudo novo. Eu não sabia o que era novela e quando entrei, conheci pessoas ótimas que só me ajudaram e apoiaram. Então, eu defino minha passagem por Velho Chico como nobre e divertida e eu amei. Na novela, eu aprendi de tudo um pouco e essa vivencia acrescentou muito na minha vida”, declarou.

Yara Charry e Gabriel Leone em Velho Chico, no ano passado (Foto: Reprodução)

Apesar de ter crescido com a cultura brasileira presente em sua vida, Yara Charry não tem o português perfeito ainda. Entre um errinho de concordância e outro, nada grave para nosso complicadíssimo idioma, a atriz segue se esforçando para ser uma brasileirinha convicta. No entanto, apesar do idioma e da inexperiência na teledramaturgia, Yara garantiu que não sofreu qualquer tipo de preconceito nos bastidores de Velho Chico. Pelo contrário. “As pessoas que me conheceram assim que eu entrei e depois durante a novela sabiam que eu nunca tinha feito nada. Mas a recepção foi toda maravilhosa e em nenhum momento em me senti insegura. Depois que acabou a novela, a equipe e os meus amigos me incentivaram muito para que eu continuasse na carreira e fosse estudar para aprender sempre mais”, contou.

Sobre a experiência no folhetim da Globo, a atriz contou que só tem boas lembranças (Foto: Reprodução)

E a repercussão positiva da estreia artística de Yara Charry não se restringiu aos bastidores dos Estúdios Globo. Em uma mistura de honra e alegria, a atriz franco-brasileira comemorou o carinho que recebeu nas ruas do povo tupiniquim. Em troca, Yara fez as malas e decidiu se dedicar à cultura brasileira, que a acolheu e impressionou de forma maravilhosa, como disse. “O retorno que eu tive foi tão bom que eu até quis ficar no Brasil para morar e seguir minha carreira. Tem prova maior que essa?”, brincou. Sinta-se em casa, querida!

Pesquisas relacionadas