ToliBlog

“Original’s Studio”: Levi’s divulga lista com as oito bandas vencedoras do concurso cultural e abre votação pública para show. Participe!

No projeto promovido pela Levi’s, os músicos escolhidos terão a oportunidade de gravar por até seis horas um single com toda a estrutura profissional da Casa Levi’s, mansão da grife que vem agitando o calendário cultural do Rio de Janeiro nas últimas duas semanas

Publicado em 09/05/2017 | Por Julia Pimentel

Saiu a lista das oito bandas cariocas vencedoras do concurso “Original’s Studio”! No projeto promovido pela Levi’s, esses músicos escolhidos terão a oportunidade de gravar por até seis horas um single com toda a estrutura profissional da Casa Levi’s, mansão da grife que vem agitando o calendário cultural do Rio de Janeiro nas últimas duas semanas. Os vencedores são: Venus CaféCrash CashComodoro, DrennaMiss HellSound Bullet, Tais Feijão e The Bunker Band. Para esta decisão, músicos e executivos da Levi’s e da plataforma Deezer analisaram o trabalho dos cariocas sob aspectos que variaram da originalidade na composição à habilidade técnico-musical.

Leia também: Cultura democrática: Casa Levi’s incorpora rap e funk em noite no Rio de Janeiro com shows de Rico Dalasan e Linn da Quebrada

Casa Levi’s Rio (Foto: Divulgação)

Depois da escolha pelas oito vencedoras do projeto “Original’s Studio”, agora, outro concurso ocorre online. Na página do Facebook da Levi’s, as escolhidas participam de votação popular para se apresentarem no palco da mansão da grife em Botafogo. Após a votação aberta, as três primeiras colocadas protagonizarão a noite de shows da última sexta-feira de Casa Levi’s no Rio, no dia 19 de maio.

Leia também: Para todos os gostos: Casa Levi’s é dominada pela alegria e irreverência da banda Biltre e tem noite politicamente animada. Saiba o que rolou!

O show com os três primeiros colocados do projeto Original’s Studio será dia 19 de maio, sexta-feira (Foto: Divulgação)

Em comum, além do talento, claro, as oito bandas escolhidas têm o rock como motivação ou identidade sonora. Característica símbolo, mas não exclusiva, da Levi’s em mais de 100 anos de história, o espírito rocker faz parte da trajetória fashion da marca. De uma maneira geral, a Levi’s tem a música e a cultura como extensões de suas coleções. Sendo assim, o concurso que fomenta jovens músicos é uma tradução deste engajamento da grife símbolo do denim, como apontou a gerente de marketing da Levi’s, Marina Kadooka. “A relação da Levi’s com a música está em sua essência como marca, pois no decorrer de toda sua história, a grife já participou da carreira de diversos artistas. Deste modo, o ‘Original’s Studio’ surgiu como um projeto inspirado nessa essência, com a missão de fomentar a comunidade musical local, dando oportunidade a novos artistas. A ideia de abrir espaço na programação da Casa Levi’s®, por sua vez, e mostrá-los aos nossos mais diversos públicos, e é a nossa maneira de reforçar o quanto acreditamos neles”, explicou Marina Kadooka.

Leia também: Anfitrião por um dia! Na Casa Levi’s, o embaixador Paulo Dalagnoli comanda noite especial com a presença de amigos e exposição de fotos: “Me envolvi em todo o processo”, contou

Casa Levi’s Rio (Foto: Divulgação)

Para ficar por dentro do que iremos conferir no próximo dia 19 de maio, o HT apresenta os oito vencedores do concurso “Original’s Studio” por ordem alfabética. Na lista, a banda Comodoro vem representando a variedade de ritmos brasileiros. Com um ano de estrada, os jovens cariocas trilham o caminho artístico com um som único, que tem o rock embalado por uma mistura de baião, xote e pop. Já a Crash Crash brilha com o seu country blues inspirado nos repertórios de Johnny Cash, Carl Perkins, Elvis e Muddy Waters. Como identidade, a banda também aposta na mistura, desta vez, do rock dos anos 1940, 1950 e 1960 com versões mais modernas.

Leia também: Sucesso: Casa Levi’s estreia na capital carioca com show intimista de Mahmundi e programação impecável – e gratuita!

Experientes no meio musical, a Drenna já tem uma jornada estelar para contar. Com uma coleção de shows e experiências por quase todas as regiões do Brasil, a banda já se apresentou em diversos estados brasileiros, das capitais ao interior. Inspirados pelo som de grupos como Foo Fighters e Connor Questa, os músicos da Drenna já possuem um álbum autoral lançado em 2010 e são criadores do projeto carioca EngajaRock.

Leia também: Levi’s reforça seu engajamento com skate e firma parceria com o V JAM, projeto que revitaliza espaços públicos e incentiva a prática do esporte. Entenda!

Nada passiva e conformada, a Miss Hell nasceu de um questionamento de seus integrantes de onde estava a agressividade e a transgressão do rock nacional. Foi então que, para preencher essa lacuna identificada pelos quatro músicos, os próprios amigos apostaram naquela vontade e criaram a banda que hoje participa do concurso da Levi’s. No repertório, a Miss Hell apresenta o verdadeiro e antigo espírito do rock vigoroso que parecia ter sido esquecido do cenário cultural carioca.

Leia também: Moda e sustentabilidade: engajada nas causas ambientais, Levi’s já economizou cerca de dois bilhões de litros d’água na produção de suas coleções

Autora de crônicas urbanas sobre a sociedade contemporânea, a Sound Bullet também aposta na mistura de sons para criar sua identidade musical. Com oito anos de estrada, os músicos apresentam um indie-rock dançante influenciado pelo post-punk revival, math rock e rock alternativo. Como resultado, a miscelânea apresenta em cima dos palcos guitarras pulsantes e um vocal para lá de expressivo.

Por outro lado, Tais Feijão escreve seu nome na música carioca com brasilidade e sensibilidade. Em seu som, a artista aposta na combinação de ritmos nacionais e jazz, originando uma identidade única e singular. Em relação às letras, Tais escreve a partir de suas experiências pessoais e promove aos fãs de sua música sensações íntimas e impactantes.

Enquanto isso, a The Bunker Band, com quase 20 anos de história, tem raízes no rock inglês dos anos 1990 e passeia por influencias que vão desde The Beatles a The Charlatans. Por fim, os cariocas da Venus Café completam o time do concurso “Original’s Studio” com humor, energia e, claro, rock’n roll. Personagens do circuito alternativo da cultura carioca, os músicos investem na diversão artística, desde os figurinos aos trejeitos. Antes, por quase uma década, a banda Venus Café assinava como Dakocaga.

Pesquisas relacionadas