Quotes

Elijah Wood dá depoimento corajoso sobre indústria de pedofilia nos estúdios de Hollywood

O ator disse ainda que só não foi abusado porque sua mãe sempre esteve por perto, mas que "há muitas víboras no mercado"

Publicado em 23/05/2016 | Por Junior de Paula

Elijah Wood, astro que interpretou Frodo na franquia “O Senhor dos Aneis” quando ainda era muito jovem, abriu o verbo contra a indútria da pedofilia dentro da outra indústria que ele conhece muito bem: a cinematográfica. Em entrevista ao “The Sunday Times”, nesse domingo, o ator de 35 anos contou que não foi abusado, porque sua mãe sempre esteve muito perto dele durante toda a sua carreira, desde seu primeiro filme aos oito anos, mas que sabe de muitas histórias.

0014800340

“Há muitas víboras nessa indústria. Quando você é inocente e tem pouco conhecimento do mundo e quer fazer sucesso, pessoas com interesses parasitários vão te ver como se você fosse uma presa. O que mais me deixa chateado é que as vítimas não podem gritar tão alto quanto os poderosos predadores”, disse, antes de completar que sempre viu isso acontecer quando era criança com pessoas próximas a ele, e que acredita que isso continue acontecendo. “Essa é a tragédia de tentar revelar o que está acontecendo com as pessoas inocentes. Os abusadores podem ser pegos, mas as vidas das vítimas foram irreparavelmente danificadas”, afirmou Wood.

Elijah Wood vem fazer coro com inúmeros atores mirins que cresceram em Hollywood e que tem colocado a boca no trombone recentemente. No ano passado, o documentário “An Open Secret“, de Amy Berg, colocou os holofotes sobre os casos de abuso sexual infantil na indústria do cinema. Em 2012, o ator Corey Feldman, de “Os Goonies”, falou sobre ter crescido nos estúdios na década de 1980, “cercado por abusadores, com homens mais velhos como abutres”. Ao The Telegraph, Anne Henry, a cofundadora da organização Bizparents, que dá apoio a atores mirins, declarou que atualmente a ONG acompanha  100 casos de abusos sexuais na indústria e que um “tsunami” de queixas está a caminho.

Pesquisas relacionadas