Música & Badalo

Paulo Costta lança DVD em que celebra a obra da escritora Mabel Velloso, irmã de Caetano e Bethânia

Com direção de Moreno Velloso, "Meu Recôncavo" resgata o clima do interior da Bahia

Publicado em 18/02/2019 | Por Leticia Sabbatini

Relembrando os interiores da Bahia e o quintal de Dona Canô, matriarca da família Veloso, o Teatro Sesc Ginástico será palco nesta terça-feira, 19, do lançamento de “Meu Recôncavo”, que reverencia a poetisa Mabel Velloso, irmã de Maria Bethânia e Caetano. Com vozes bem familiares, o sarau-show promete resgatar ritmos e elementos da terra de Jorge Amado com uma boa dose de poemas nascidos pelas mãos da escritora. Em conversa com o site HT, o idealizador do projeto, Paulo Costta, revelou que por meio do álbum, agora no formato audiovisual, revisita também a própria infância: “Mabel foi minha professora e tudo o que eu queria era homenageá-la e agradecê-la. Ela mudou a minha vida”.

Paulo Costta e Moreno Veloso comandam o show de lançamento do DVD Meu Recôncavo (Foto: Divulgação)

A relação de Costta com a obra de Mabel sempre fora marcada por memórias afetivas. “Quando eu tinha uns 5 anos, ela me alfabetizou. Lembro dessa época com muita gratidão”, destaca o compositor que, já adulto, decidiria exaltá-la de forma singular. “Fiz uma música para a Mabel. Ela gostou tanto que me propôs criar um CD. Mas como poderia me atrever a fazer algo desta natureza, sendo ela irmã de Caetano e Bethânia?”, questionava-se.

Ainda que relutante em se expor para os irmãos-ícones da música brasileira, o “aluno” embarcou no desejo de Mabel, dando o pontapé inicial em 2016 com o álbum que o levaria montar o show, agora lançado em DVD pela Biscoito Fino. “Eu o encarei como uma lição de casa da minha querida professora. Obedeci”, diz em tom bem-humorado. “Mabel reflete esse ambiente, no qual também vivi. A maioria de seus poemas é uma verdadeira confissão, que precisa chegar ao conhecimento de todos”, assinala Costta, que selou parceria bem familiar para tocar o projeto. “Mostrei a ideia para o Moreno (filho do Caetano), e ele adorou. Então, além de assinar a direção do show, ele divide o microfone comigo”.

Para o lançamento do DVD, Paulo e Moreno prepararam um repertório majoritariamente composto pelos poemas de Mabel, todos musicados com ritmos que expressam o interior baiano. “Tentei voltar ao meu tempo de menino, buscando o que tocava nas rádios.  Por isso, no espetáculo teremos maxixe, valsa, samba e outras coisas.  Mergulhei nos elementos sonoros e gêneros característicos da região, como o samba de roda”, detalha.

A apresentação, que terá início e fim com áudios de Bethânia declamando poemas da irmã, contará com cenário criado a partir de objetos, cores e texturas que remetem ao artesanato do Recôncavo. Entre obras do artista plástico Odamar Versolatto e malas da exposição “Maria de todos nós”, a bailarina Bia D’Oxum riscará o palco em performance que celebra os orixás.

“Meu Recôncavo” é uma linda e delicada viagem pela história da família Veloso e pela região da qual é oriunda. “O show é como um sarau no quintal da Dona Canô. Na casa dela, há uma varanda grande com palco, caixa de som e microfones, onde sempre são realizados os encontros. Tentamos reproduzir esse clima, em que Caetano, Bethânia e, principalmente, Mabel foram criados”, conta Paulo, que tem o intento de distribuir gratuitamente o trabalho para as escolas da rede pública da Bahia e também de outros estados e cidades do Brasil.

SERVIÇO

MEU RECÔNCAVO

Moreno Veloso e Paulo Costta cantam poemas de Mabel Velloso

Dia: 19 de fevereiro de 2018

Horário: 19h30

Local: Sesc Ginástico

Ingressos: R$ 30,00 (inteira); R$ 15,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados ou com entrega de 1 kg de alimento destinado ao programa Mesa Brasil Sesc); R$ 7,50 (Habilitado Sesc); Grátis para PCG.

Duração: 90 minutos

Pesquisas relacionadas