Música & Badalo

Ouça 4 músicas do novo álbum de Kelly Clarkson – incluindo o dueto com John Legend – e entenda o momento de sua carreira

"Piece by Piece" chega às lojas na semana que vem e marca, além da volta ao pop, o primeiro álbum de inéditas da cantora desde 2011

Publicado em 25/02/2015 | Por Heloisa Tolipan

*Por João Ker

Os fãs de música pop que acompanharam o movimento e toda a glória de sua pegada rock no início dos anos 2000 já podem comemorar a volta de uma das melhores representantes do gênero. Kelly Clarkson, a primeira vencedora do American Idol, responsável por verdadeiros hinos comerciais como “Since U Been Gone”, “Because Of You” e a mais recente “Stronger (What Doesn’t Kill You)”, retornou de um hiato criativo pós-maternidade e, para a nossa alegria, voltou a investir no pop com o anúncio de seu sexto álbum de inéditas, “Piece By Piece”, com lançamento previsto para o início do próximo mês.

Esse é um momento delicado para o retorno de Kelly e ele pode tanto dar tremendamente certo quanto errado. O último lançamento comercialmente relevante que ela teve foi com o álbum “Stronger”, há quatro anos. Ainda assim,os singles “Stronger” e “Darkside”, apesar da crítica positiva, não tiveram o mesmo impacto que hits como “Breakaway” (2004) ou “My Life Would Suck Wihtout You” (2009). Sua primeira coletânea, “Greatest Hits: Chapter One”, e seu álbum natalino, “Wrapped In Red”, passaram a mesma situação. Talvez a causa seja por trazerem o mesmo de sempre: produções vocalmente poderosas, mas arranjos simples e nada surpreendentes, com músicas tipo “People Like Us” e “Catch My Breathe” soando como algo datado e que ela havia deixado de fora do seu disco “All I Ever Wanted”.

Kelly Clarkson – “Stronger”

O início de divulgação do recente “Piece By Piece” começou seguindo pelo mesmo caminho. Kelly, a participante do American Idol mais lucrativa e criticamente aclamada até então, superando nomes como Carrie Underwood, Adam Lambert e Jennifer Hudson, mostrando mais uma vez seu talento vocal, mas com músicas simples e ideias repetitivas. Se agarranado à fama de “diva dos términos” – calcada em músicas como “Never Again”, “Since U Been Gone”, “Behind These Hazel Eyes”, “Stronger”, “Already Gone” etc. -, o carro-chefe de divulgação do disco, “Heartbeat Song”,  trouxe um vídeo morno, quase uma reciclagem de “Stronger” com “Darkside”, além da mesma batida que a cantora e Kara DioGuardi vêm criando desde 2004.

Kelly Clarkson – “Heartbeat Song”

“Invincible”, a faixa co-escrita por Sia (uma ideia que seria ótima se executada cinco anos atrás, antes da compositora ter mostrado talentos e músicas maiores e melhores), caiu no gosto do público, mas também falha terrivelmente em trazer alguma novidade além do tema de “garota negligenciada que encontrou sua força interior” sobre o qual Kelly vem cantando desde que saiu do “American Idol” e lançou “Miss Independent”. É bonita, é melódica, mas não traz o suprassumo do talento da cantora e nem inovação em sua carreira.

Kelly Clarkson – “Invincible”

Hoje foi liberada a terceira prévia de “Piece by Piece”, o tão aguardado dueto de Kelly Clarkson com John Legend, em “RunRnRun”, uma faixa que traz esperança para esse estágio da artista no panorama geral. Veja bem: John está no ápice de sua carreira, tendo vencido recentemente um Oscar e um Grammy pela tão elogiada quanto importante “Glory”, trilha do filme “Selma”. Com um piano poderoso, a balada magnífica sobre inseguranças e a incapacidade de amar transparece muito bem a potência vocal dos dois que já haviam trabalhado anteriormente em “Duets”, um reality show tipo “The Voice” que, felizmente, só teve uma temporada. Um fato interessante: a música é, surpreendentemente, um cover da banda Tokio Hotel.

Kelly Clarkson – “Run Run Run” (Feat. John Legend)

 

O que Kelly precisa agora é de um evento que lhe dê visibilidade, para que ela possa fazer algo como a épica performance no American Music Awards em 2012, onde, caracterizada como uma participante do “American Idol”, ela apresentou um medley de seus maiores hits e reascendeu a memória do público sobre seu talento. Até lá, muita coisa ainda deve rolar e, com sorte, ela consegue agarrar o #1 novamente.

Kelly Clarkson – Medley ao vivo no American Music Awards

Abaixo, você escuta a faixa-título de “Piece by Piece”, co-escrita pela própria Kelly Clarkson com a ajuda de Greg Krustin (Sia, Lily Allen). Sim, é uma ótima música de amor, doce e com o ingrediente que faltava: um vislumbre da vida pessoal da artista. Play!

Kelly Clarkson – “Piece by Piece”

Pesquisas relacionadas