Música & Badalo

Dó Ré Mi Fafy: depois do sucesso em ‘Pop Star’, Fafy Siqueira estreia em seu próprio show

Amanhã (13/01), no Theatro Net Rio, em Copacabana, todos poderão presenciar o resgate de um sonho, além de rir e se divertir bastante. "Músicas de Elis Regina e Caetano Veloso, por exemplo, serão transformadas em funk e sucessos da Ludmila em algo completamente distante dessa batida original. É uma grande brincadeira para que todos dancem e cantem juntos”, pontuou a estrela

Publicado em 12/02/2019 | Por Leticia Sabbatini

Gargalhadas e muita sinceridade do início ao fim: foi dessa forma que a atriz Fafy Siqueira recebeu o site HT para uma conversa para lá de especial. A humorista, muito reconhecida por sua imitação da inigualável Dercy Gonçalves, esteve na última edição do programa Pop Star, da TV Globo, e a partir disso, conseguiu retirar um antigo sonho da gaveta. Estreando em seu primeiro show após a temporada do reality, Fafy abriu o jogo sobre a sua carreira: “Eu brinco de televisão e de teatro, mas a música é a arte maior”. O site HT revela agora um lado pouco explorado dessa incrível e multifacetada artista.

Depois de tentar carreira como cantora na década de 70, Fafy Siqueira finalmente consegue recomeçar como sempre quis (Foto: Divulgação)

Quem vê o trabalho de Fafy na televisão e nos espetáculos de teatro, nem imagina por quanto tempo ela guardou o seu primeiro e principal sonho: a música. Ainda que, durante a década de 70, tenha almejado investir e crescer na indústria fonográfica, a atriz acabou se desligando do canto popular e explorando outro tipo de palco. “As possibilidades no teatro começaram a aparecer e a música, por outro lado, estava bem mais complicada. Até que o sucesso atuando veio e eu achei melhor não nadar contra essa corrente boa”, explicou a artista, que se conformou em ter uma outra relação com a música. “Já compus com Xuxa, Joana, Renato Aragão, Sandy e Júnior e vários outros. Essas parcerias com grandes nomes me preencheram com certeza”, completou.

Ainda que tenha seguido durante vários anos realizando composições musicais, o ano de 2018 trouxe um presente. Surgindo como um resgate do sonho de criança e tornando tudo mais palpável, o programa Pop Star possibilitou à atriz retornar aos palcos como a cantora que sempre desejou ser. “Eu jamais esperava que a direção do programa fosse chamar alguém da minha idade e também não acreditava que as pessoas gostariam tanto. Maria Rita, Elba Ramalho, Sandra de Sá e outras potências musicais começaram a me cobrar um seguimento dessa carreira e diziam ‘você tem que voltar a cantar’”, informou ela, que decidiu seguir os conselhos das colegas.

Assim, a partir de amanhã (13/01), a atriz e cantora dá prosseguimento a essa nova fase de sua carreira, estreando no palco do Theatro Net Rio o show Dó Ré Mi Fafy: “Vamos rodar o país a partir de abril, mas eu fiz questão de ter um encontro dessa natureza com o Rio de Janeiro. Esse lugar é a minha terra. Eu sou tijucana com o maior orgulho do mundo”. E prosseguiu detalhando o que o público pode aguardar do show: “Vou cantar todas as músicas que eu interpretei no Pop Star e algumas outras que foram sucesso décadas atrás. Só que eu vou fazer tudo de uma forma diferente: músicas da Elis Regina e Caetano [Veloso], por exemplo, serão transformadas em funk e sucessos da Ludmila em algo completamente distante dessa batida original. É uma grande brincadeira para que todos dancem e cantem juntos”.

O show promete ser uma mistura entre música, comédia e boas histórias (Foto: Divulgação)

Para além de toda essa ousadia, Fafy reforçou que esse recomeço tem lhe proporcionado sensações e sentimentos inéditos, mesmo com tanto tempo de estrada artística: “No teatro, por mais que eu já tenha feito diversos musicais, são sempre personagens. Agora, eu estou muito feliz em poder ser a Fafy e mais ninguém. O que eu mais amo e quero na vida é poder cantar”. E finalizou, com muita expectativa, emoção e sinceridade: “É algo que em tantos anos de carreira, eu nunca senti. Parece que eu tenho 15 anos. É um recomeço, a retomada de um sonho que por muito tempo eu deixei quietinho na gaveta, mas, agora, voltou com tudo”.

 

Serviço

Theatro Net Rio – 2º Piso, Rua Siqueira Campos, 143 – Copacabana, Rio de Janeiro

Telefone(21) 2147-8060

Quarta-feira, dia 13 de fevereiro de 2019

Às 21h

Valores: R$ 80,00 inteira / R$ 40,00 meia (plateia) e R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 meia (balcão)

Classificação: 12 anos

Duração: 80 min

Pesquisas relacionadas