Música & Badalo

Day 13: Jorge Aragão se apresenta na Arena Banco Original em comemoração aos 40 anos de carreira e Thiago Martins faz show com participação surpresa de Rogério Flausino

Ao HT, o sambista ressaltou a importância de um evento como o festival promovido pelo banco Original para o calendário cultural do Rio de Janeiro. Encantado com a nova Zona Portuária da cidade, onde fica a Arena, Jorge Aragão contou que ontem foi a primeira vez que visitou o local. "Quando você chega a um espaço como esse, já tem uma ambiência de que valeu a pena ter esperado e passado por tudo o que nós cariocas passamos nos últimos tempos"

Publicado em 30/01/2017 | Por Julia Pimentel

O samba foi o grande homenageado em mais um dia de Arena Banco Original. Na última edição do evento Pôr do Samba no festival promovido pelo banco Original, Jorge Aragão foi a atração principal da noite. Comemorando seus 40 anos de carreira, o sambista levou seus grandes clássicos do gênero para animar o público do Armazém 3. Seguindo a noite multicultural, Thiago Martins mais uma vez agitou a galera com o Balanço do TG que recebeu convidados especiais ontem à noite. Além de Rodrigo Lampreia, Rogério Flausino foi a surpresa de domingo com uma participação super especial. O cantor, que sobe ao palco da Arena Banco Original nesta quarta-feira, 1, para um show em tributo a Cazuza, surpreendeu a plateia ao dividir os microfones com Thiago e entoar os hits do Jota Quest no Armazém 3. Na plateia, Karol Conka e Falcão, vocalista do Rappa, foram as presenças VIPs da noite.

Veja como foi: Day 1: Arena Banco Original lota Armazém 3 no Boulevard Olímpico com show de Nando Reis e participação de Roberta Campos. Veja o que rolou!

Veja como foi: Day 2: Dando início à programação multicultural Fernanda Abreu recebe Toni Garrido e Fausto Fawcett no palco da Arena Banco Original

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja como foi: Day 3: Arena Banco Original antecipa o agito do Carnaval carioca e recebe ensaios dos blocos da Favorita e da Preta com participações de MC Leozinho e Araketu

Veja como foi: Day 4: Arena Banco Original comemora os cinco anos do projeto Sambabook em uma noite de homenagens ao gênero centenário. “O samba é a trilha sonora do brasileiro”, disse Arlindo Cruz

Responsável por iniciar a noite na Arena Banco Original e por promover uma viagem no tempo aos clássicos do samba assinados por ele, Jorge Aragão destacou a importância de um evento como o festival para o calendário cultural carioca. No camarim, o sambista contou que sua missão no Armazém 3 foi encantar o público. “É muito lindo ter um evento como esse, com essa pluralidade cultural, em um espaço tão lindo no Rio de Janeiro. Então, o que eu faço é o que as pessoas esperam de mim: sambas clássicos para as pessoas se emocionarem, relembrarem e brincarem. Essa é minha função”, disse o cantor que ainda não tinha ido à nova Zona Portuária da cidade depois da revitalização para as Olimpíadas, no ano passado. “Quando você chega a um espaço como esse, já tem uma ambiência de que valeu a pena ter esperado e passado por tudo o que nós cariocas passamos nos últimos tempos. Nós, que já temos tantas belezas naturais, apenas maquiamos uma região para torná-la ainda mais bonita. Confesso que estou encantado”, afirmou.

Veja como foi: Day 5: Comemoração dos dez anos da festa Bailinho agita a Arena Banco Original, reúne celebs na pista do Armazém e traz Lúcio Mauro Filho de DJ. Veja o que rolou!

Veja como foi: Day 6: festa Pôr do Samba volta ao calendário carioca na Arena Banco Original e promove encontro de Péricles, Teresa Cristina e Mosquito 

Jorge Aragão se apresentou ontem à noite na Arena Banco Original (Foto: Felipe Panfili)

Veja como foi: Day 7: festa Bailinho comemora dez anos de história na Arena Banco Original e reúne celebs na pista do Armazém. Veja quem foi!

Veja como foi: Day 8: em uma noite animada e embalada por clássicos da música brasileira, Frejat se apresenta na Arena Banco Original e recebe Maria Gadú como convidada ilustre

No palco da Arena, Jorge Aragão entoou clássicos de suas quatro décadas de carreira pelos cantos do Armazém 3. Em sua trajetória, o sambista foi responsável por assinar sucessos como “Coisa de Pele”, “Você Abusou” e “Malandro”, que se fazem presente na história do gênero centenário até hoje. Sobre a comemoração desses 40 anos de carreira de sucesso, Jorge Aragão confessou que nem se deu conta da efeméride. Segundo ele, o tempo passou e ele nem percebeu. “Isso é um titulo que as pessoas pesquisaram e descobriram, porque, eu mesmo, nem vi esse tempo todo passar. Eu não estava contando os dias e nem os anos. Fora que também nem imaginava e tinha percebido que minhas músicas já fazem parte da cultura nacional por tantos anos. Eu confesso que não sabia que teria tanta empatia com o público. Então, para mim, esses 40 anos representam uma celebração das pessoas terem acolhidos e ainda lembrarem por tanto tempo do meu repertório”, disse.

Veja como foi: Day 9: Arena Banco Original recebe Thiago Martins, Péricles, Mart’nália, Mosquito e Suel em encontro musical que celebra o samba e o pagode

Veja como foi: Day 10: Arena Banco Original resgata festa Rio de Verdade, sucesso nos anos 2000, e Rogê traz Maria Rita e Arlindo Cruz como convidados da noite. Saiba como foi!

Em 2017, o sambista comemora 40 anos de carreira (Foto: Felipe Panfili)

Veja como foi: Day 11: Arena Banco Original é palco para mais uma parceria incrível: Os Paralamas do Sucesso fazem show e trazem Carlinhos Brown como convidado

Veja como foi: Day 12: Baile da Favorita agita Arena Banco Original co show de Ludmilla, que destacou a importância da festa de Carol Sampaio: “Mostra que o funk não é só apologia e palavrão”

Com uma carreira gloriosa, Jorge Aragão é mais um responsável da música brasileira por nunca deixar o samba morrer e nem acabar. Em relação a essa missão que atravessa gerações e deve permanecer assim por mais longos anos, o cantor acredita na força dos novos sambistas. “Eu vejo de uma maneira que eu já teria que estar aposentado, ? Mas o pessoal não está deixando. Então, eu vou fazendo a minha parte até onde der e vou curtindo a minha carreira”, brincou Jorge que tem consciência da importância de seu trabalho para a música e a cultura nacional. “Nós artistas já sabemos de antemão que somos um país e um estado sem memória. Ainda mais com o advento da internet, que agilizou muito mais isso, fica diferente para a gente trabalhar. Então, a minha missão é continuar mostrando para o povo, porque tudo mudou e a gente precisa se adequar”, analisou.

Conheça também: Arte, gastronomia e vista deslumbrante: conheça o Calçadão Original, espaço aberto ao público no Boulevard Olímpico que tem a pluralidade como conceito principal

Leia também: Na Arena Banco Original, Stepan Nercessian interpreta Chacrinha em musical que transita por diferentes emoções: “Diziam que não era interpretação o que eu fazia e, sim, mediunidade”, conta o ator

Jorge Aragão na Arena Banco Original (Foto: Felipe Panfili)

Leia também: Humor na Arena Banco Original: Marcos Veras apresenta stand up comedy no Armazém 3 e aborda questões pessoais no palco, como infância e a recente separação

Leia também: Dose Dupla: Fernando Caruso e Rafael Studart se apresentam em espetáculo de humor na Arena Banco Original: “Temos magnetismo para falar besteira”, disse Caruso

Para o ano que acabou de começar, a agenda de Jorge Aragão parece já estar quase completa. Embalado pela data comemorativa a sua carreira, o sambista contou que em 2017 tem “todos os projetos possíveis”. Com planos para a gravação de um novo CD, DVD e de clipes, Jorge Aragão revelou o segredo para dar conta de tudo. “Vai ser um dia de cada vez. Eu vou continuar com a minha vida porque eu não tenho pressa de chegar a lugar nenhum. Embora eu esteja com 67 anos, parece que eu posso conviver muito bem com tudo isso. Só preciso posicionar minhas peças de xadrez e caminhando devagar, mas firme e ciente do meu espaço. Eu sei que mereço o que a vida me proporciona por causa da lembrança e do carinho do povo e porque eu aprendi a lidar com certas situações”, contou Jorge Aragão que acrescentou que este também é o segredo para sua vida pessoal. “É a forma que eu encontrei para não morrer cedo também”, completou.

Pesquisas relacionadas