Música & Badalo

Davi Sabbag lança novo clipe “Ritual” e defende a música independente no cenário brasileiro

O artista traz em sua composição audiovisual uma história de romance contemporânea permeada pelo estilo místico e conta com participação do ator Kevin David

Publicado em 14/08/2019 | Por Heloisa Tolipan

*Por Domênica Soares

A música “Ritual” , de Davi Sabbag, chegou às plataformas digitais já com um clipe incrível. Dirigido pelo duo Gauimbé (Nectoux e Merola) e com participação do ator Kevin David, o single é a primeira faixa do novo álbum que tem previsão de lançamento para setembro. A narrativa tem como foco uma história de amor contemporâneo e conta com uma essência mística  “Tenho esse lado do misticismo desde pequeno, minha mãe é astróloga, muito envolvida com espiritismo. Eu não tenho religião, mas sempre busquei essa espiritualidade. Nós sempre nos perguntamos ‘o que estamos fazendo aqui?’ ‘Qual é o propósito da nossa existência’ e o álbum trouxe isso”, afirmou Davi.

A proposta do álbum falando de amor com idas e vindas foi de ressignificação do que é se relacionar com o outro. “Escrevi a produção no período em que eu estava separado, mas ao invés de escrever um disco pesado porque estava em um momento ruim, eu quis ressignificar para mostrar que temos uma tendência de escravizar nossa mente com os pensamentos obsessivos. Fiz isso para pensar todo o relacionamento também, principalmente para me equilibrar”, frisou. Para além disso, o cantor comenta que como já tinha produzido um CD com músicas mais dolorosas resolveu imprimir mais leveza para essa produção e comentou que é importante trazer algo mais vibrante para o público, positivo, alegre e que eleva o espírito de quem ouve.

Kevin David e Davi vivem romance contemporâneo e trazem o misticismo em nova produção audiovisual (Foto: Fernanda Tiné)

A nova faixa conta com a participação especial do ator Kevin David no clipe e traz uma identidade visual diferente do que estávamos acostumados com Davi na Banda Uó. Desde 2010 na cena fonográfica, o cantor se prepara para lançar seu primeiro álbum solo com uma roupagem própria e especial com composições de suas vivências. Como ele mesmo promete, “vem um Davi leve, verdadeiro e desimpedido”. No disco, ele traz muitas referências do Brasil, e especificamente, com contribuição da Bahia. O clipe surgiu para trazer a realidade, verdade e quebra tabus. A produtora escolhida atua para além da publicidade e trabalha com artistas LGBTQA+ e era exatamente o que Davi procurava. “Precisamos de diversidade nesse momento, porque é importante a gente fazer arte junto com a resistência. Acho que a cultura e a arte como um todo é uma forma de escape para as pessoas e, assim, também revelamos nossa essência. O que é um ato honesto e necessário”. O clipe surgiu da mescla de toda essa reflexão junto com o momento do cantor, onde ele traduz em vídeo um romance. “A estética do clipe foi escolhida para mostrar um lado delicado do amor, do romance, da intimidade…é para ser um clipe bem íntimo”.

Davi analisa o mercado da música positivamente e analisa troca de experiências entre gerações (Foto: Fernanda Tiné)

Em entrevista exclusiva ao site Heloisa Tolipan, ele diz que normalmente busca fazer o que está sentindo em cada momento de sua vida e reflete que isso atinge as pessoas através da identificação. Ele divide também que sempre tenta trazer diversidade em suas composições e mostrar que a vida vai muito além dos padrões impostos pela sociedade. “Ser músico é poder falar para um grupo de pessoas que não consegue gritar tão alto”, declara.

Músico fala sobre representatividade e liberdade (Foto: Fernanda Tiné)

Em relação ao cenário da música no país, ele diz estar otimista e defende a produção independente. A internet é outra questão abordada por Davi, que observa que as postagens de músicos com seus próprios conteúdos tem facilitado bastante a disseminação de sons variados levando mais autonomia para o artista fazendo com que o mesmo não dependa mais de gravadoras, rádios e TV para divulgar o trabalho. “Hoje eu vejo muitas pessoas falando que antes não ouviam música nacional e agora já percebem uma gama de artistas incríveis que estão produzindo e fazendo música”. Ele fala que esse tipo de artista leva o que é verdadeiro em suas composições e pensa para além dos ‘top 50’ do Spotify. O cantor comenta perceber o surgimento de novos artistas e que isso faz com que a música nacional ganhe mais destaque no mercado fonográfico. Davi cita produções nacionais que vem marcando seu espaço, como Duda Beat, Letrux, Baco Exu do Blues e outros artistas, mostrando brilho e força em seus projetos que reverberam país a fora. 

Davi Sabbag lança novo clipe “Ritual” (Foto: Fernanda Tiné)

Em sua opinião, o mercado se mostra mais aberto com os músicos independentes e as plataformas de streaming, mas tem um olhar positivo em relação aos discos físicos e comenta que as gravadoras estão se adaptando às novidades. “Acho essa abertura muito proveitosa porque aqueles que estão no início da carreira podem ter mais chances de ter o trabalho visto e reconhecido. Percebo que existe uma troca, as pessoas experientes estão se atualizando e aqueles que estão entrando no mercado estão aprendendo com os mais experientes, absorvendo o que têm de melhor”. Ele conclui dizendo que a gravadora precisa do artista e vice-versa. “É essencial se reciclar, porque fazer música é isso. Temos tendência e prospecção, sempre é bom misturar aprendizados para criar aspectos novos”.

Pesquisas relacionadas