Música & Badalo

Da dor de cotovelo à balada: nos lançamentos da semana, novidades de Disclosure, The Weeknd, Kelly Clarkson, Cazuza e mais

Cidadão Instigado, Onze:20, Katherine McPhee, Major Lazer, Icona Pop e Jamie XX também trazem novidades

Publicado em 30/05/2015 | Por João Ker

Os lançamentos musicais da semana foram marcados pela predominância de novidades na cena eletrônica, com trabalhos de Major Lazer, Disclosure e Jamie XX chegando à rede. Do pop de Katherine McPhee e Kelly Clarkson à dor de cotovelo dos rapazes do The Weeknd e do Cidadão Instigado, abaixo você encontra músicas tanto para quem quer sair para dançar quanto para quem quer curtir o friozinho em casa:

lançamentos

Disclosure, “Holding On”: Os irmãos britânicos que conquistaram a cena eletrônica com seu disco de estreia, “Settle”, agora divulga a primeira amostra oficial de seu próximo projeto. Com a participação do jazzista Gregory Porter, a dupla faz o que sabe de melhor: criar hinos para as pistas de dança, apoiados por uma voz poderosa e letras grudentas, mas que têm alma.

Disclosure – “Holding On” (Feat. Gregory Porter)

Katherine McPhee, “Lick My Lips”: Katherine é uma daquelas participantes do “American Idol” que quase conseguiram o sucesso algumas vezes, mas nunca chegaram lá, de fato. Em seu caso, o semi-hit “Over It” e a participação na série musical “Bombshell” serviram para que ela não caísse no esquecimento, o que já não se pode dizer dessa música e de um vídeo onde ela não poderia parecer mais forçada.

Katherine McPhee – “Lick My Lips”

Onze:20, “Querendo te encontrar”: Gravado em Teresópolis, o vídeo para a balada romântica e nostálgica traz ar intimista, que aumenta o foco nos versos e na voz rouca, mas macia de Victor Hugo.

Onze:20 – “Querendo te encontrar”

Jamie XX, “Life In Colour”: O produtor por trás do sucesso minimalista do The XX lança seu primeiro LP em um projeto visual disponível na íntegra para streaming em seu site. Com ocasionais parcerias de seus colegas de grupo (“Stranger In a Room”, com os vocais de Olivier Smith, merece destaque), o britânico mostra diversidade nas faixas, indo do frenesi psicótico de “Gosh” ao hip hop de “I know there’s gonna be (Good times)”, parceria com Young Thug e Popcaan. O álbum também mostra potencial para as pistas de dança, com faixas tipo “The Rest Is Noise”, que são mais a cara de gente como Calvin Harris, mas sem parecerem óbvias demais.

Jamie XX – “I Know There’s Gonna Be (Good Times)

Cazuza, “Exagerado 3.0”: Um clássico do rock nacional com roupagem novinha, assinada por Liminha, Dado Villa Lobos e Kassin. Os produtores souberam manter a essência da versão original com uma qualidade de áudio mais limpa e sem parecer uma versão forçada para as rádios de hoje.

Cazuza – “Exagerado 3.0”

Cidadão Instigado, “Fortaleza”: O grupo volta para seu quinto disco completamente inspirado por Fortaleza, tanto no nome do projeto e da faixa-título, quanto no som de artistas consagrados da capital cearense que influenciaram o vocalista Catatau desde a infância. Na seção de Música, você encontra uma entrevista exclusiva com o cara, que explica melhor essa nova fase.

 

Cidadão Instigado – “Fortaleza”

Kelly Clarkson, “Invincible”: Depois de alguns meses sem eira nem beira, Kelly finalmente escolheu um single para divulgar seu último álbum, “Piece By Piece”. A faixa assinada por Sia parece uma de suas “composições de minuto” que não mostram nada de especial e falam sobre superar barreiras de uma forma mais geral. O vídeo, apesar de mostrar um conceito interessante, traz a artista fazendo o mesmo que fez nas últimas muitas produções: cantando em um cômodo vazio com pessoas oprimidas aparecendo aos poucos.

Kelly Clarkson – “Invincible”

The Weeknd, “The Hills”: Sobre uma batida que lembra os últimos trabalhos de Drake, Abel Tesfaye destila uns vocais que lembram suas melhores dores de cotovelo mostradas em músicas anteriores, mas de uma maneira menos gritada, como Frank Ocean sabe fazer muito bem. A provável alusão ao filme “The Hills Have Eyes” (“Viagem Maldita”, em português) dá ao mesmo tempo a sensação de desespero do filme e ilustra a forma como ter se mudado para Los Angeles pode ter colocado o cantor e compositor sob os holofotes da mídia, em mais um ótimo jogo de palavras.

The Weeknd – “The Hills”

Icona Pop, “Emergency”: Apesar de ter criado um dos maiores hits do verão nos últimos anos com Charli XCX, “I Love It”, a dupla que lembra T.A.T.U. ainda precisa que consegue se sustentar com as próprias pernas sem ser mais uma música de festa genérica. Aqui, elas chegam extremamente pop com a ajuda do também sueco Erick Hassle, mas de forma melhor elaborada. O saxofone, que tem rendido alguns sucessos nos últimos anos – como Last Friday Night” (Katy Perry), “Edge Of Glory” (Lady Gaga), “Wiggle” (Jason DeRulo feat. Snoop Dogg) -, aparece aqui de maneira inusitada e, somado à diversidade de influências, coloca as meninas de volta à disputa pela temporada mais quente do hemisfério norte.


Major Lazer, “Powerful”: Com a ajuda de Ellie Goulding – que não se cansa mais de colaborar com produtores de eletrônica nos últimos trabalhos -, o Major Lazer parece trazer novamente a influência de Flume, mas com seu característico excesso de dub. Os vocais roucos de Tarrus Riley criam um contraponto interessante com a participação de Ellie e dão mais força ao romance das letras.

Pesquisas relacionadas