Música & Badalo

Com expectativa para mais um ano de novidades, promoters do Folia Tropical contam dos desafios de organizar importantes nomes nas listas do camarote

Há cinco anos, Léo Marçal e Pamela Cancela dividem a responsabilidade de levar celebs para curtir o Carnaval de um dos camarotes mais badalados da avenida. Além da dupla, Igor Rodrigues completa o desafio de inovar a cada ano, sem deixar quem já faz parte da família Folia Tropical de fora

Publicado em 02/02/2018 | Por Julia Pimentel

É uma sensação única. Para os amantes de Carnaval, arte e música, estar a poucos metros da passarela do samba é garantia de uma experiência inesquecível. E, quando acompanhar os detalhes da Sapucaí ainda está ligado a ter uma noite incrível tudo fica melhor. É mais ou menos esta a soma proporcionada pelo Folia Tropical aos artistas e anônimos que passam pelo badalado camarote. No melhor lugar da Sapucaí, bem no meio da avenida, no Setor 6, o espaço é ponto de encontro da festa, mas também da qualidade, do bom serviço e de grandes nomes da cultura brasileira. Esta última parte, aliás, é comandada por um trio que a cada Carnaval faz história na Sapucaí.

Leia também: Em ano de realizações, Folia Tropical apresenta line-up luxuoso com Zeca Pagodinho e Alexandre Pires entre as atrações

Dos seis anos de Folia Tropical, Léo Marçal e Pamela Cancela estavam presentes em cinco deles. Os promoters, que ainda dividem os trabalhos com Igor Carvalho, e, claro, Alicinha Cavalcanti, são os responsáveis pela disputada lista de celebs no camarote. A cada dia de desfile, a turma tem a missão de reunir nomes de peso, trazer novidades e consagrar artistas que fazem parte da família Folia Tropical. E esta não é uma missão nada fácil. “A gente não busca o óbvio. Todo ano nos preocupamos em trazer novidades e surpreender na lista de convidados”, disse Léo Marçal que garantiu boa expectativa para este Carnaval. “Se tudo der certo, este será mais um ano em que vamos surpreender. Nós vamos vir com muitas novidades em todas as áreas. O que podemos prometer são pessoas que nunca pisaram na Sapucaí”, comentou o promoter.

Léo Marçal e Pamela Cancela são promoters do Folia Tropical há cinco anos (Foto: Reprodução)

E para por aí. Para que o trio continue surpreendendo a cada dia de Folia Tropical, um dos pilares do trabalho no camarote é o mistério. “A gente não revela quem são os convidados do Folia. Eu acho que fica um tom de mistério no ar que é legal e estimula”, contou Léo Marçal. Mesmo com o suspense, o promoter revelou que as listas para os quatro dias de Folia já estão quase lotadas. De acordo com Léo e Pamela Cancela, o domingo, primeiro dia do Grupo Especial é o mais concorrido. Porém, para os promoters, o sábado das campeãs é o mais complexo. “Nós temos que organizar quem foi nos outros dias e agora quer voltar e quem não conseguiu ir nenhum dia e só tem sábado. Então, nós precisamos saber manusear bem essa lista para não corrermos risco de perder alguém importante para uma oportunidade futura”, explicou Léo.

Leia também: A Zona Norte é a inspiração da arquitetura deste ano do Folia Tropical em Carnaval dedicado à origem do samba: “Nós representamos a raiz do ritmo”, disse autor do projeto, Rodrigo Dinelli

Afinal, estamos falando do camarote que é queridinho dos artistas. Por diversas razões, o Folia Tropical é hoje um dos principais espaços da Sapucaí e, em seus seis anos de história, já reuniu nomes de Caetano Veloso à Grazi Massafera. “Não tem idade para ir e aproveitar o Folia. É um camarote para cima com shows dos principais nomes da música brasileira, serviço impecável, transfer e tudo muito amarradinho. Eu acho que é muito bacana para o Carnaval do Rio nós termos um camarote como o Folia, com todo o cuidado e a preocupação que possui”, argumentou Léo Marçal.

Igor Rodrigues completa o trio de promoters do badalado camarote (Foto: Reprodução)

Outro ponto importante que é muito buscado pelas celebs convidadas de Léo Marçal, Pamela Cancela e Igor Rodrigues é a neutralidade de marcas. Embora tenha as melhores bebidas e um menu para lá de especial assinado pelo restaurante Laguiole, tudo é tratado de forma natural e discreta entre os convidados. “Os artistas gostam muito do fato de não ter marca envolvida e de ser um ambiente muito respeitoso, sem assédio perturbador. O que tem é natural de um fã ou outro que pede uma foto”, comentou Pamela que, por essas razões, tem um histórico perfeito de Folia Tropical. “Nesses cinco anos nós nunca tivemos reclamação de qualquer artista. Pelo contrário, eles sempre querem voltar. Isso é muito gratificante”, comemorou Léo Marçal.

Leia também: Novidade na avenida: após a estreia do CandyBloco, CandyBox deste ano promete show diferente no primeiro dia de desfiles na Sapucaí

Por isso, a expectativa apontada por Léo Marçal justifica também o mistério do promoter em relação a sua lista. Com um legado de cinco anos no camarote, ele, Pamela e Igor hoje se sentem parte da família Folia Tropical. “Um dos pontos mais legais do Folia é que nós sempre tivemos liberdade dentro do camarote. Nesses cinco anos, eu me sinto livre para opinar, pautar e ajudar a fazer o Carnaval”, disse o RP que, neste tempo, acompanhou o crescimento e as mudanças no camarote. “Nós acompanhamos a crescente do Folia lá de dentro. Quando começamos, era ainda no setor 10”, lembrou.

Em seus seis anos de Sapucaí, o Folia já reuniu os principais nomes da cultura brasileira (Foto: Reprodução)

Inclusive, o trabalho de Léo e Pamela foi a cereja do bolo para a guinada do camarote. Em 2015, quando o Folia Tropical se despediu da dispersão e passou a ocupar o lugar nobre da avenida, os promoters também se destacaram com uma lista que reuniu boa parte do elenco da novela “A Regra do Jogo” e personalidades atemporais como Galvão Bueno e Caetano Veloso. “Foi nesse ano que também começou a popularizar a venda de ingressos para camarotes e nós já estávamos adiantados porque fazíamos isso há dois anos. Então, quando as pessoas estavam começando a entender como funcionava, o Folia já estava desenhado”, completou Pamela.

Por tudo isso, 2018 promete ser mais um ano inesquecível no Folia Tropical. Por enquanto, nos resta esperar para conhecer os convidados do trio de promoters neste ano. Mas, depois desta conversa, uma coisa é certa: quem for, terá passado por um crivo de nomes muito importantes. “Como não temos muitos convites, existe um enorme cuidado na escolha de cada um”, disse Léo Marçal que se preocupa também em trazer grupos de artistas para proporcionar uma noite entre amigos. “Quando eu convido uma pessoa, ataco logo aquela turma para que tenham o melhor Carnaval juntos”, brincou o promoter. Falta pouco para a folia começar!

Serviço: FOLIA TROPICAL 2018
– Localizado no setor 6, no meio da avenida com 2 mil m² divididos em Frisa, Espaço Beleza, Espaço Zen, Boate, Lounge.
– Open Bar ( Vodka Absolut, Wisky Chivas 12 anos, Gin Beefather, Espumante, Cerveja Amstel, Red Bull, Drinks variados, Aperol, Cachaça )
– Open Food ( buffet Laguiole com comida o tempo todo, jantar e café da manhã)
– Transfer de ida e volta saindo da lagoa do Clube Monte Libano.
– Shows:
Domingo – Alexandre Pires
Segunda – Maria Rita
Campeãs – Zeca Pagodinho e Alcione

Pesquisas relacionadas