Música & Badalo

Após 11 eventos entre o Rio e Salvador, Preta Gil coroa maratona da folia com sua tradicional feijoada no Rio: “Este foi o meu maior Carnaval”

Por lá, o evento, que já virou tradição no calendário do Carnaval do Rio, reuniu artistas e patrocinadores em clima de festa, música e comida. Este ano, a Feijoada da Preta teve a presença de celebs como Fernanda Paes Leme e Pabllo Vittar, que dispensou a super produção para curtir a tarde gastronômica

Publicado em 18/02/2018 | Por Julia Pimentel

Assim como o confete e a purpurina são elementos tradicionais do Carnaval, as feijoadas também são a cara do Verão. E nesse sábado, no Rio, uma delas agitou a ressaca da folia. Como tradição, Preta Gil comandou sua feijoada na Ilha do Itanhangá para amigos, familiares e patrocinadores. Por lá, Fernanda Paes Leme, Gominho e Pabllo Vittar – sem maquiagem, peruca e nem looks glamourosos –, foram alguns dos convidados da cantora que marcaram presença no evento. “Para mim é a celebração de um Carnaval muito feliz e positivo em todos os sentidos. Foi o maior que já fiz na minha vida até hoje. Ao todo foram 11 eventos entre Rio e Salvador e hoje a ideia é se divertir”, disse Preta.

Preta Gil promoveu hoje à tarde sua tradicional feijoada de Carnaval no Rio (Foto: Divulgação/Felipe Panfili)

E, já que a anfitriã ordenou, a diversão foi a estrela da Feijoada da Preta. Com muita música, alegria, comida e calor, afinal ainda é Verão no Rio 40º, a festa atravessou a tarde com tempero de final feliz desta maratona de Carnaval. “Eu consegui fazer tudo aquilo que eu propus com muita dignidade, profissionalismo e disciplina. Então, realmente, este foi o meu maior Carnaval e desafio na carreira. Mas, graças a Deus, passei no teste”, comemorou Preta que, além de desfilar seu bloco no Rio e em Salvador, ainda assumiu o comando do camarote da Família Gil na capital baiana, o Expresso 2222.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Aliás, a responsável pela trajetória de sucesso do Expresso também reconheceu o trabalho de Preta Gil como empresária e promotora de entretenimento na Bahia. Na Feijoada, Flora Gil comemorou o bom desempenho da enteada em seu projeto. “Para mim é muito especial ter criado um camarote que dá tão certo há tantos anos. Mas a minha maior emoção foi ter passado isso para a Preta a ela ter conservado a organização do Expresso. Geralmente quando a gente dá algo para alguém, já querem mudar tudo. Porém, a Preta teve a humildade de continuar do jeito que era porque percebeu que era uma receita boa e de sucesso”, disse a empresária que explicou o porquê de sua decisão de passar as chaves do Expresso 2222 para Preta Gil. “Eu cansei”, confessou Flora.

Laura Fernandez, Preta Gil e a neta, Sol de Maria na Feijoada (Foto: Divulgação/Felipe Panfili)

Testemunha do sucesso do camarote da Família Gil em Salvador, Fernanda Paes Leme foi uma das celebs que não abriu mão de curtir a festa baiana este ano. De volta ao Rio, a apresentadora contou que os planos eram se dividir entre as duas capitais. Mas o axé de Salvador não permitiu. “Eu ia passar o Carnaval na Bahia e no Rio. Porém, quando cheguei lá não consegui mais voltar. Tinham uns dois anos que eu não ia e esse ano curti até o final. Eu não sei como eu estou viva”, brincou Fernanda que, entre as experiências no camarote, trio e chão este ano, destacou a potência e a renovação do BaianaSystem e Àttøøxxá. “Para mim é a evolução do Carnaval. É uma festa feita com respeito e amor e tem uma pipoca unida e que não se agride. Tem sido muito especial ver essa renovação. É de arrepiar”, comentou ela que não acredita que este seja o futuro do Carnaval de Salvador. “Já é o presente”, afirmou.

Depois de passar o Carnaval em Salvador, Fernanda Paes Leme curtiu hoje a Feijoada da Preta hoje no Rio (Foto: Divulgação/Felipe Panfili)

Por falar em presente, quem está curtindo todos os momentos do hoje é Gominho. O comunicador, que também estava na Feijoada da Preta mais cedo, contou que desde terça-feira tem se jogado na folia na companhia de Pabllo Vittar. “Eu trabalhei muito e terça foi o meu único dia de folga, assim como para a Pabllo. Desde então não paramos mais”, contou Gominho que há 15 anos passa o Carnaval em Salvador e apontou o que mais gostou na folia de 2018. “O que eu mais amei foi ter visto um Carnaval democrático. Os pequenos, médios e grandes artistas agora desfilam sem cordas para o povo. E isso é ótimo”, comentou.

Preta Gil em sua feijoada de Carnaval (Foto: Divulgação/Felipe Panfili)

Quem também veio de Salvador direto para a Feijoada da Preta foi sua irmã Bela Gil. Entre as delícias servidas no evento de hoje, a apresentadora garantiu que aproveita o cardápio. “Eu como arroz, feijão, farofa e couve. Só tiro as carnes”, disse ela que, mesmo se não fosse pelo veganismo, também adotaria uma postura mais light. “Eu acho que até podemos comer de tudo, mas precisamos ter uma consciência”, apontou. Até porque, o dia ainda não terminou e precisamos de energia para atravessar a noite de desfiles. “Desde muito pequena estou acostumada com essa festa e adoro. Sou muito fã do Carnaval de Salvador e este ano passei lá também. Mas hoje estou no Rio e mais tarde vou para o desfile das campeãs na Sapucaí”, contou. Nos vemos lá, Bela. Agora é hora do último dia de Folia Tropical!

Bela Gil e o marido na Feijoada da Preta (Foto: Divulgação/Felipe Panfili)

Pesquisas relacionadas