Música & Badalo

#AgendaDoSiteHT: Mart’nália cantando Vinicius e Noel, Novos Baianos, festa de despedida de DJ estrelado e mais!

Tem ainda visita guiada de exposição de Toz, abertura da mostra de Aécio Sarti, o retorno da peça premiada de Claudia Mauro ao Rio, a estreia de “MPB – Musical Popular Brasileiro” e um encontro de músicos de primeira para celebrar Egberto Gismonti

Publicado em 16/08/2018 | Por Junior de Paula

Mart’nália, Vinicius e Noel

Mart’nália samba desde que nasceu, mas nunca escondeu que ouve e gosta de várias vertentes da MPB.  Já gravou e cantou nos seus shows Vinicius de Moraes, sua paixão confessa, e, claro, Noel Rosa, compositor de sua Vila Isabel, que com tão pouco anos de vida foi fundamental na legitimação do samba do “morro” e samba do ‘asfalto”. Por isso, esse show escolhido para o Blue Note Rio vai apresentar os grandes sucessos dos dois compositores e algumas até já gravadas por ela como: “Pra que chorar”, “Sei lá, a vida tem sempre razão”, “Mulata do Sapateado”, “Feitiço da Vila”, “Filosofia” , “Com que roupa?”, dentre outras.

Quando: Sexta, 17 de agosto, em duas sessões, 20h e 22h30
Onde: Blue Note Rio
Quanto: A partir de R$75

Lona artística

Aecio Sarti, 59 anos, vive e trabalha na cidade de Paraty, onde mantém atelier e galeria. Formado pelo Instituto de Arte do Colorado, nos Estados Unidos, é conhecido por pintar sobre lona de caminhão usada. Pinta profissionalmente desde os 14 anos de idade e já realizou exposições em diversos países. A mais recente, aliás, abre as portas nesta sexta-feira, na Casa França-Brasil, sobre o titulo de Céu Querubins. A pintura em lona, que é o grande destaque da mostra, foi exibida de maneira inusitada: na carroceria de um caminhão. O artista retratou dezenas de querubins que, guiados pelo caminhoneiro, percorreram quatro estados brasileiros, testemunhando o comércio de potes de barro produzidos por ceramistas do sertão baiano. Agora, todos os elementos dessa jornada estarão representados na forma de uma exposição com mais de quarenta fotografias, vídeos, além da própria lona, propondo aos visitantes uma nova maneira de olharem para a arte.

Quando: De 17 a 30 de agosto, de terça a domingo das 10h às 20h
Onde:  Local: Casa França-Brasil – Rua Visconde de Itaboraí, 78 – Centro, Rio de Janeiro.
Quanto: Grátis

Olhando o futuro

“A Vida Passou Por Aqui”, de Claudia Mauro, peça vencedora do Prêmio APTR 2017 de Melhor Autor e há quase dois anos em cartaz, volta neste fim de semana para uma temporada no Teatro Laura Alvim. A direção é de Alice Borges, e em cena estão Claudia Mauro e Édio Nunes. A peça lança um olhar otimista sobre o envelhecimento e as angústias da vida e da passagem do tempo. A peça celebra a alegria e a amizade, e a importância das relações construídas com generosidade e altruísmo, numa sociedade em que o comportamento humano torna-se cada dia mais autorreferente e imediatista. “Ao longo das 100 apresentações que fizemos deste espetáculo, eu, como diretora, assisti inúmeras vezes e sempre é emocionante e divertido. No entanto, o mais incrível é testemunhar o mesmo sentimento no público. A peça toca profundamente o coração das pessoas e elas voltam pra assistir novamente!”, conta a diretora Alice Borges.

Quando: sábados às 21h e domingos às 18h30 e 20h30, a partir do dia 19 de agosto até 09 de setembro.
Onde: Teatro Laura Alvim -Av. Vieira Souto, 176 – Ipanema
Quanto: a partir de R$20

Eternos baianos

Sucesso absoluto por onde passam, os Novos Baianos, grupo formado por Moraes Moreira,Baby do Brasil,Pepeu Gomes,Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão, retornam ao palco do Km de Vantagens Hall RJ, no Rio de Janeiro, fazendo única apresentação no dia 18 de agosto. O grupo se apresenta com o show do DVD “Acabou Chorare – Os Novos Baianos se encontram”, que foi gravado no neste mesmo palco em 2017. O novo trabalho marca o retorno de uma das bandas brasileiras com maior expressão dentro e fora do país desde sua formação, reunindo clássicos do “Acabou Chorare” (Som Livre) e outros sucessos da carreira e da MPB.

Quando: Sábado, 18 de agosto de 2018, às 22h
Onde: Km de Vantagens Hall Av. Ayrton Senna, 3000 – Shopping Via Parque – Barra da Tijuca
Quanto: A partir de R$70

Criador e criatura

A CAIXA Cultural Rio de Janeiro recebe, no dia 18 de agosto de 2018 (sábado), às 16h, o artista Tomaz Viana, o Toz, para a última visita guiada da sua exposição Toz – Cultura Insonia. O passeio tem entrada franca, com 50 senhas distribuídas a partir das 15h. A mostra, que fica em cartaz até 26 de agosto (domingo) e já contou com 18 mil visitantes, revela novos contornos do personagem Insonia, uma entidade noturna e onipresente. Durante a visita, Tomaz contará um pouco da história dos integrantes da civilização Insonia, suas influências, o desenvolvimento de sua cultura, a relação com sua história, sua genealogia e o vínculo com novas raízes. O público poderá conferir 10 telas e esculturas de materiais diversos, manequins especialmente criados para este projeto com pinturas e figurino pensados e elaborados pelo artista e sua equipe, além de uma grande instalação interativa.

Quando: sábado, 18 de agosto, às 16h
Onde: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Galeria 3  – Av. Almirante Barroso, 25, Centro
Quanto: Grátis  distribuição de 50 senhas a partir das 15h)

Um morto muito louco

(Foto: Robson Trindade)

Depois de cinco meses em cartaz em São Paulo, o espetáculo “MPB – Musical Popular Brasileiro” estreia no dia 17 de agosto no Teatro Sesc Ginástico.  A peça conta a história da filial brasileira de uma empresa multinacional, na expectativa da visita de seus investidores estrangeiros. Para impressionar os gringos e estimulá-los a investir ainda mais no país, a empresa decide preparar um grande espetáculo musical mostrando aquilo que, acreditam eles, o Brasil tem de melhor: sua música e sua gente. As coisas se complicam quando o diretor do espetáculo (Marcelo Góes) – um sujeito para lá de estressado – tem um piripaque dias antes da estreia e da chegada dos investidores. Entre a vida e a morte, ele vai parar às portas do céu e lá encontra dois anjos caídos (Jura e Gero, interpretados por Érico Brás e Reiner Tenente), fugidos do Inferno, que tentam a qualquer custo um lugarzinho no Paraíso. Os dois oferecem ajuda para que o diretor volte à Terra, mas, em troca, ele precisa montar um grande espetáculo musical para impressionar o Altíssimo e assim garantir o lugar dos dois malandros no Céu. Com direção artística de Jarbas Homem de Mello, a montagem carioca tem novidades com a entrada de Negra Li, que interpreta Suzete Campos, uma grande atriz de musicais. O elenco conta também com Érico Brás, Reiner Tenente, Dagoberto Feliz, Marcelo Góes e Vivian Albuquerque.

Quando: A sexta e sábado, às 19h, e domingo, às 18h, até 9 de setembro
Onde: Teatro SESC GinásticoAv. Graça Aranha 187, Centro
Quanto: A partir de R$7,50

Encontro de bambas

(Foto: Henrique Boechat)

A série de shows EGBERTO 70 chega ao CCBB Rio de Janeiro para três apresentações entre 17 e 19 de agosto, sempre às 19h, dirigidos e regidos por Gaia Wilmer em homenagem às sete décadas de vida do multiinstrumentista, compositor e arranjador
Em cada noite, Gaia apresentará arranjos inéditos para temas de Egberto, reescritos para a big band que formou com 19 músicos de diferentes gerações e regiões do Brasil. Nos roteiros, “Loro”, “Infância”, “Sete Anéis”, Karatê” e “Bianca / Saudações”, entre outras. Ela também convidou seis músicos para participações especiais: André Mehmari, Ricardo Herz e Jaques Morelenbaum no dia 17; Yamandu Costa, Gabriel Grossi e Jaques Morelenbaum no dia 18; e o homenageado em pessoa, Egberto Gismonti mais Mauro Senise e Jaques Morelenbaum no dia 19 de agosto.

Quando: sexta, sábado e domingo, 17, 18 e 19 de agosto, às 19h
Onde: CCBB Rio de Janeiro – Rua Primeiro de Março, 1, Centro do Rio
Quanto: A partir de R$ 15

Na pista

O DJ Eric Duncan tem muita história para contar. São 30 anos de uma intensa carreira internacional como DJ e produtor. E como ele está se mudando do Rio para Bali, ele vai ser o convidado especial para um longo set de despedida. Consagrado na cena eletrônica de Nova York, o norte-americano Eric Duncan ganhou o mundo com seu projeto duo Rug N Tug e remixes de artistas como Todd Terje, LCD Soundsystem e The Beastie Boys. Dr. Dunks criou raízes afetivas no Rio durante os anos em que morou aqui, profundas como a amizade e parceria musical que tem com seus convidados da noite: Badenov, DJ residente da MOO; e Rodrigo Peirão, metade do projeto Balako. O clima é de intimidade no Dama de Aço, club que acaba de abrir as portas no Humaitá.

Quando: Sexta, 17 de agosto, a partir de 23:50
Onde: Dama de Aço – Rua Vitório da Costa, 254, Humaitá
Quanto: A partir de R$15

Pesquisas relacionadas