Moda & Beleza

SICC 2019 – Gramado vai receber edição histórica do Salão Internacional do Couro e do Calçado

Passaporte carimbado: Entre os dias 20 e 22, a cidade na Serra Gaúcha recebe uma edição com altas expectativas de vendas que vão alavancar os números da exportação no setor com a presença de compradores de mais de 50 países de todos os continentes

Publicado em 07/05/2019 | Por Heloisa Tolipan

Dito e feito. No final de maio do ano passado, o diretor da Merkator Feiras e Eventos, Frederico Pletsch, empresa que promove em Gramado, na Serra Gaúcha, uma das principais plataformas de negociação e fomentação do setor de couro e calçados, o SICC – Salão Internacional do Couro e do Calçado, já estava prospectando que a 28ª edição – a ser realizada entre os dias 20 e 22 de maio de 2019 – teria “um crescimento em torno de 15%, tanto no espaço da feira como no número de visitantes”. Segundo Frederico, já existia uma sinalização de retomada da economia setorial a partir do número de visitantes e negócios fechados entre lojistas e compradores de Norte a Sul do país e do exterior. Pois bem. Todos os espaços locáveis disponíveis no Centro de Eventos do Serra Park estão comprometidos com expositores com a garantia do melhor da indústria de calçados e acessórios. “Os últimos meses de 2018 foram de recuperação para o varejo. Isso gera otimismo para a indústria, que vê no SICC um importante momento de contato com o lojista”, analisa Frederico Pletsch.

Diretor da Merkator, Frederico Pletsch (Foto: Henrique Fonseca

Se ano passado, os corredores lotados, estandes ocupados, muita troca de informação e compras resumiram em imagens o que as empresas sentiram no bolso – o aquecimento do setor calçadista -, as expectativas para a nova edição do evento devem ultrapassar os números de 18 mil lojistas de todos os estados do país e cerca de 500 do exterior que tiveram a oportunidade de conferir os lançamentos da indústria calçadista brasileira para a coleção Primavera-Verão. Além disso, a Merkator continua promovendo a simbiose perfeita entre turismo e mercado de negócios ao localizar a sua feira no Sul do país em um local que tem o atrativo e charme da Serra Gaúcha.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O SICC proporciona o start das comercializações do que há de mais mais inovador nas coleções, cores, materiais e inspirações das principais marcas do país, que prometem conquistar os consumidores do Brasil e do exterior. A cada ano que passa, o SICC – Salão Internacional do Couro e do Calçado continua surpreendendo os mais de 18 mil visitantes com o seu incremento exponencial. Quem esteve em Gramado no ano passado já pôde conferir o crescimento do SICC desde a entrada, já que houve um aumento do espaço do evento que passou a ter 14.300 m² de área comercializada. Entre os 400 expositores e 1.800 grifes que participaram, cerca de 30 eram novas empresas. Além disso, o número de lojistas havia subido para 8% e o de importadores para 6%. “Estes valores mostram o elevado nível de maturidade da feira. Nós conseguimos com muita garra e o SICC é para todo mundo. Tudo isto junto e muito mais faz com que a gente se solidifique e cresça”, comentou Frederico Pletsch.

Diretora de Relacionamento da Merkator, Roberta Pletsch, e o diretor Frederico Pletsch (Foto: André Feltes)

E quem endossou as palavras do diretor da Merkator Feiras e Eventos foi Roberta Pletsch, diretora de Relacionamento da empresa. “Meu pai com a sua persistência, crença no produto e garra, atualmente, fez uma das maiores feiras do Brasil. Ele acreditou em um sonho e foi lá e fez, mostrando para todos que era possível”. A alta do dólar e a chegada do frio na região Sul  contribuíram para este salto positivo.

A partir do dia 20, nos corredores, veremos os lançamentos das principais marcas em calçados femininos, como Grendene, Via Marte, Via Scarpa, Beira Rio, Lia Line e Dakota, por exemplo, em sintonia com gigantes do segmento masculino, como Pegada, Jotapê, Rafarillo, West Coast, Ferracini e Kildare, além dos calçados infantis, como Ortopé, Pampili, Klin, Bibi, e esportivos, com a presença de marcas como Umbro e Fila. “A diversidade dos expositores já confirmados aponta para uma feira que reunirá tudo o que o lojista busca para atualizar suas vitrines e dar mais opções aos seus clientes e consumidores”, frisa Frederico Pletsch.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O SICC preza pela pluralidade. Estandes coletivos, formados por grupos de indústrias, terão espaço de destaque nessa edição, o que garante ainda mais opções aos lojistas e, claro, novos mercados para pequenas e médias empresas.“Os grupos auxiliam as empresas a viabilizar sua participação no SICC. Para essas indústrias estar na principal feira do setor no Brasil é um momento importante de acesso a novos mercados, relacionamento com lojistas de todo o país e, principalmente, uma chance de concretizar bons negócios”, explica o diretor da Merkator, Frederico Pletsch.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O grupo Estação Moda Rio Grande do Sul é o que reúne o maior número de empresas gaúchas: serão mais de 33 expositores dividindo um mesmo espaço, apoiados pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE/RS), em parceria com a Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha (ACI-NH/CB/EV), Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do RS (SDECT) e das prefeituras de Sapiranga, Campo Bom, Igrejinha e Novo Hamburgo.

Já o estande coletivo do Grupo Três Coroas Shoes é presença em mais uma edição. Oito marcas da cidade gaúcha chegam à feira com o apoio da prefeitura de Três Coroas.

O Grupo Espaço Moda Franca, do município de Franca, em São Paulo, tradicional polo de produção calçadista, contará com 11 expositores apoiados pela prefeitura e pelo Sindifranca.

E o SICC terá uma grande novidade este ano. A presença de expositores de Portugal e da Espanha. As empresas portuguesas recebem subsídios da Associação Selectiva Moda (AMC), de Portugal, e os expositores espanhois estão vindo com recursos próprios. “Esses grupos enriquecem ainda mais o mix de produtos que estará disponível para os visitantes”, reforça o diretor da Merkator.

O Brasil atualmente produz cerca de 908 milhões de pares de sapatos a cada ano. No primeiro semestre de 2018, as exportações alcançaram o patamar de 55,3 milhões de pares, o que gerou um lucro de US$ 486,9 milhões. Os sapatos são vendidos para 150 países, sendo os principais Argentina, Estados Unidos, França. Dessa forma, o SICC contribui para movimentar este mercado fundamental para o Brasil, ajudando a fazer a roda da economia girar.

O saldo positivo pode ser explicitado no protagonismo que o SICC vem ganhando no cenário internacional. E vocês podem imaginar como será o sucesso desta edição, pois 2018 já tinha contabilizado a maior presença de importadores. À época, Roberta Pletsch já comemorava: “Esta é a maior edição em termos de importadores, sendo que 150 estão ganhando passagem e hotel e os outros 100 ganham a hospedagem. O que chama mais atenção é que a maior delegação é do Equador com cerca de 32 pessoas. Temos gente de todos os países europeus, asiáticos e gente da América do Sul e Central”.

A Merkator já divulgou a presença de representantes de mais de 50 países em Gramado em busca do que de melhor a indústria de brasileira de calçados e acessórios produz. Os compradores de todos os continentes levam o calçado e os acessórios brasileiros para algumas das principais vitrines mundiais. Para a edição 2019, a organização enviou convites para cerca de 300 compradores estrangeiros, quase o dobro de importadores convidados no ano passado, já que, ainda que os tradicionais parceiros representem um volume significativo de vendas, a Merkator está sempre trabalhando para atrair novos mercados. “Estamos estrategicamente reforçando a presença de compradores internacionais em um momento positivo para as nossas exportações”, explica Frederico Pletsch. E revela que pela primeira vez virão ao Brasil compradores da Itália, Hungria, Filipinas, Bulgária e Polônia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

PROMOTORA – A Merkator Feiras e Eventos tem a parceria das seguintes entidades: Sindicato da Indústria de Calçados de Estância Velha, Sindicato da Indústria de Calçados de Ivoti, Sindicato da Indústria de Calçados de Igrejinha, Sindicato da Indústria de Calçados de Novo Hamburgo, Sindicato da Indústria de Calçados de Parobé, Sindicato da Indústria de Calçados de Sapiranga e Sindicato da Indústria de Calçados de Três Coroas.

 

Pesquisas relacionadas

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,