Moda & Beleza

Inspiramais – Verão 2019 com muitas cores e brilhos: à frente do Referências Brasileiras, Jefferson de Assis traduz o conceito de Resistência na festa folclórica do Bumba Meu Boi

De acordo com o coordenador do projeto e consultor do Núcleo de Design da Assintecal, a escolha pela festa foi uma maneira de reunir as ideias de resistência, teatralidade e promover informações que estarão muito presentes na estação. "O Bumba Meu Boi é sobrevivente ao tempo e nós precisamos disso para continuar produzindo moda, Referências Brasileiras e até para continuarmos existindo"

Publicado em 05/07/2017 | Por Julia Pimentel

A mistura de dança, teatro, folclore e música é a aposta de Jefferson de Assis para o projeto Referências Brasileiras, apresentado nesta semana no Inspiramais, em São Paulo. Embalado pelo conceito de Resistência, que irá ditar o Verão 2019, como apontou o Núcleo de Design da Assintecal (Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos), o consultou definiu a festa de Bumba Meu Boi como a tradução das inspirações da estação. Em uma mistura de muito brilho e cor, Jefferson de Assis mais uma vez inovou e surpreendeu o público do Salão de Design e Inovação de Componentes com seu genial trabalho, que traduz na cultura brasileira as apostas mais importantes da moda internacional.

O designer responsável pelo projeto Referências Brasileiras, Jefferson de Assis (Foto: Henrique Fonseca)

O designer responsável pelo projeto Referências Brasileiras, Jefferson de Assis (Foto: Henrique Fonseca)

Leia também: Com o passaporte carimbado para a França e Colômbia, projeto +Estampa da Assintecal e em dobradinha com a Abit leva a criação autoral de estúdios brasileiros para a moda internacional

Por lá, acompanhamos um trabalho dedicado à teatralidade da festa que começou no século XVII e, como o conceito da estação diz, resiste até hoje no calendário cultural brasileiro. “Nós estamos trazendo as primeiras informações do Verão 2019 materializando a teatralidade. Então, no Referências Brasileiras estamos mostrando como uma cultura se repete ao longo do tempo e revela sua resistência na repetição de um ritual. Por isso, estamos trabalhando em cima do Bumba Meu Boi que materializa a resistência do folclore, que também é uma palavra-chave neste preview”, explicou Jefferson de Assis, responsável pelo projeto Referências Brasileiras.

Leia também: Foi dada a largada: primeiro dia de Inspiramais Inverno 2018 celebra a internacionalização de mais um projeto da Assintecal, o +Estampa

Nesta edição, as pesquisas e os produtos apresentados pelo consultor do Núcleo de Design da Assintecal destacaram a exuberância tradicional da festa. Como inspiração principal, o Referências Brasileiras do Verão 2019 estudou, exclusivamente, o Bumba Meu Boi no Maranhão. Com a presença da festa em vários estados, principalmente no Nordeste do país, Jefferson de Assis explicou que concentrou suas pesquisas nesta única localidade por ser a mais tradicional e com maior primor na vestimenta. Por falar nas roupas da festa, o consultor da Assintecal comemorou o resultado alcançado à frente de seu projeto no Inspiramais.

Leia também: Engrenagens da moda autoral: conheça os projetos do Inspiramais que traduzem o conceito explorado na temporada

Entre os destaques, Jefferson de Assis destacou a nova proposta incorporada à técnica de Hotfix. De acordo com o consultor, este é um trabalho em que se aplicam cristais de vidro ou sintéticos em cima de materiais de diferentes naturezas, como, por exemplo, o couro. “Geralmente, é usado para fazer corações e estrelas. No preview, estamos fazendo franjas com essa técnica. São linhas com o material que servem para destacar a exuberância do Bumba Meu Boi”, contou.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também: Às vésperas do grande evento, em São Paulo, o público do Rio recebe Conexão Inspiramais, com palestra de Tatiana Souza, para se aprofundar no conceito do Inverno 2018

Outra estratégia que traduz a exuberância da festa em inspirações para o Verão 2019 está em uma versão glamourosa do couro. No Salão de Design e Inovação de Componentes, Jefferson de Assis apresentou o material natural vestido de muito brilho e tecnologia. “Nos materiais, nós apresentamos um couro desenvolvido pela Couroquímica que resgata um produto que já havíamos apresentado na edição passada, mas que agora vende a ideia do bordado primoroso do Buba meu boi. Então, temos um couro que tem aplicações de canutilhos sem precisar bordar”, disse.

Leia também: Múltiplas oportunidades: setores têxtil e de confecção se unem ao time do Inspiramais e já representam cerca de 30% dos participantes

Com essas novidades, Jefferson apontou que podem ser produzidas botas, sapatos masculinos e femininos e até fivelas de cinto. Mas não é só. Nesta edição do Referências Brasileiras, outro produto chamou a atenção das milhares de pessoas que visitaram o Inspiramais nesta semana. “Os coletes se apresentam em duas técnicas diferentes: o bordado eletrônico e o hotfix, que são as franjas coloridas. No primeiro, nós temos a mistura de elementos porque, no bordado do Bumba Meu Boi, parece que é só um resultado floral. Mas, na realidade, é uma imagem super rebuscada e que traz o over info, que também será uma palavra-chave no Preview do Couro”, adiantou o consultor sobre a tendência de maxi informações no Verão 2019.

Leia também: Anote na agenda: Inspiramais – Salão de Design e Inovação de Componentes apresentará as tendências e apostas da moda brasileira para o Inverno 2018 

No entanto, apesar do encantamento unânime dos apaixonados por moda, o resultado de mais uma edição do Referências Brasileiras não é para o consumidor final, como destacou Jefferson. O consultor contou que as pesquisas apresentadas no Salão buscam sensibilizar a origem desta engrenagem fashion. “Todos os lojistas, designers e modelistas que eu recebo, eu sempre falo a mesma coisa: o que eu faço no Referências Brasileiras é para quem vai começar esta cadeia criativa”, alertou Jefferson de Assis, que emendou: “Espero que eles tenham ficado sensibilizados com os brilhos, a ideia do canutilho e todas as informações que ainda são promocionais, que nem estão na pirâmide. É algo inédito. Nada do que usamos no Referências Brasileiras é material de estoque ou almoxarifado”, contou.

Leia também: Economia ativa: roda de negócios da edição Inverno 2018 do Inspiramais deve superar os U$3 milhões da temporada anterior

Como disse o consultor, tudo o que é usado no Referências Brasileiras ainda tem o caráter de experimentação. A partir da repercussão positiva do Salão, os curtumes e empresas do setor passam a criar tecnologias e inteligências para incorporar os conceitos e traduzir as ideias apresentadas no projeto. Desta forma, o Referências Brasileiras assume o papel de embrião da cadeia produtiva de moda. “Provavelmente, na próxima edição do Inspiramais, o lojista já vai ter esses processos que apresentamos aqui, ainda de maneira manual, disponível para a produção em maior escala”, completou.

Leia também: A voz da sabedoria: à frente do Núcleo de Design da Assintecal, Walter Rodrigues explica com exclusividade o conceito do Inverno 2018 e analisa a situação da moda no Brasil e no mundo

Por tudo isso, Jefferson de Assis concluiu que, de fato, este é o momento de resistirmos às nossas tradições, desejos e reivindicações. “A palavra Resistência não está à toa nesta edição”, reconheceu o consultor da Assintecal que foi além: “O Bumba Meu Boi é sobrevivente ao tempo e nós precisamos disso para continuar produzindo moda, Referências Brasileiras e até para continuarmos existindo. E eu acho que a existência é muito importante neste processo. Quando olhamos para um produto que faz parte da cultura brasileira, vemos que às vezes a gente se identifica no primeiro momento porque reconhecemos aquele ambiente e, em outros, reconhecemos e por isso nos identificamos”. Vida longa!

Pesquisas relacionadas

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,