Moda & Beleza

INSPIRAMAIS 2021_I: A sustentabilidade como tônica em projetos que aliam ainda diversidade e high tech

O Único Salão de Design e Inovação de Materiais da América Latina será realizado em São Paulo nos dias 14 e 15 de janeiro, promovido pela Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), ByBrasil – Components and Chemicals, ABIT, TexBrasil, CICB, Brazilian Leather e Apex-Brasil, e vai reunir players do setor do couro-calçado, estilistas, grifes, representantes de indústrias de várias partes do Brasil e do mundo para apresentar as referências e inovações de componentes e materiais

Publicado em 05/01/2020 | Por Heloisa Tolipan

Tenho frisado que se o movimento global aponta para tantas revoluções tecnológicas, inteligência artificial e uma conscientização sobre “quem produziu minha roupa”, “de que forma foi produzida” e “como foi o impacto dessa produção no meio ambiente”, nós também estamos vivenciando um novo tempo na moda e no comportamento humano. Tempo de se fazer uma reflexão, adquirir o autoconhecimento e se unir com o próximo e mergulhar na sustentabilidade para um futuro melhor no agora. E o Inspiramais – Único Salão de Inovação e Design de Materiais da América Latina, será realizado entre os dias 14 e 15, no Centro de Eventos Pró Magno, em São Paulo, celebrando uma década de lançamentos voltados aos setores calçadista, moveleiro, automotivo, confecção, acessórios e bijuterias sempre pensando a equação high tech + sustentabilidade.

Sob o tema Sincronia, o Inspiramais 2021_I vai promover a conectividade entre os vários aspectos da moda, dando notabilidade à sustentabilidade e à tecnologia, assunto também abordado em diversos projetos especiais. Coordenador do Núcleo de Design do Inspiramais, Walter Rodrigues ressalta que sincronia é uma palavra extremamente importante, porque significa a conectividade entre vários aspectos de moda e, principalmente, sustentabilidade. Essa palavra que tem uma importância gigantesca no universo da moda hoje, porque, na realidade, ela deixou de ser um conceito e passa a ser uma prática cotidiana. E vai impactar na escolha dos consumidores conscientes lá no produto final.

Como tenho escrito no meu site, a tecnologia no fazer moda está em sinergia com a Quarta Revolução Industrial e sustentabilidade. Exemplos? Profissionais e indústrias estão trabalhando no desenvolvimento de fiação e tecelagem de fibras celulósicas mais sustentáveis para uso na cadeia do vestuário; na aditivação de grafeno em têxteis para a produção de eletrônicos vestíveis; em pigmento amarelo fluorescente EZ-17, sem formaldeído, não tóxico e de alta performance para tintas em geral; no compósito à base de couro reconstituído para calçados; no biopolímero fabricado a partir de dextrose – açúcar, na maioria das vezes, derivado da cultura de milho, que possui características similares às do poliéster com origem em fontes fósseis. E vamos conferir mais e mais projetos nesta 20ª edição do Inspiramais.

Portanto, o Inspiramais 2021_I  apresentará, em formato de exposição com palestras, os produtos inovadores após estudos e pesquisas comportamentais aprofundados lançando um olhar sobre o passado, desde os movimentos globais à identidade local, e o presente, com análises de macrotendências, para, assim, adiantar o que vem no futuro na relação entre a indústria criativa e o consumidor, que vive em transformação constante. O evento é promovido pela Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) e Programa de Internacionalização da Indústria Têxtil e de Moda Brasileira (Texbrasil), Brazilian Leather, By Brasil Components, Machinery and Chemicals e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Tenho batido na tecla de que há uma revolução poderosíssima no mundo, no nosso país e que chega até cada um de nós. Um momento de convergência em que as máquinas não apenas levantam dados, mas passam a tomar decisões. Ou seja: os sistemas ciber-físicos são capazes de comunicação entre si e com os seres humanos. Como disse, nesse contexto, que mais parece saído de um filme sci fi, já se projeta até a Quinta Revolução Industrial com a junção da biotecnologia com a tecnologia da informação.

Já estamos vendo o avanço nos produtos têxteis dirigidos no desenvolvimento de tecidos inteligentes empregando fibras com propriedades específicas, incluindo as características condutoras, térmicas, à prova de água, entre outros. Estamos falando de werables e inseridos no contexto de criações como jaquetas jeans com funcionalidades com pequeno módulo acoplado a uma das mangas que se encarrega de receber interações e encaminhar a conectividade com o telefone por meio de Bluetooth; jaqueta com a utilização do grafeno que equaliza a temperatura do corpo, com poderes bactericidas e reguladores de umidade que podem ser úteis tanto para esportistas como para profissionais da medicina evitando a disseminação de infecções bacterianas; vestidos de alta-costura que mudam de cor conforme a respiração de quem está usando através de um sensor que grava a respiração da pessoa, além de acionar as luzes de LED.

E a sincronia entre as indústrias e/ou pequenos produtores voltados para a moda autoral e a questão da sustentabilidade é pura realidade. As indústrias são capazes de acompanhar e embarcar nas transformações digitais, mas aliadas à sustentabilidade em prol de um mundo melhor com responsabilidade e transparência. Os materiais circulam no máximo de seu valor como nutrientes técnicos ou biológicos em sistemas industriais integrados, restaurativos e regenerativos. E uma das bases da economia criativa é o tão real upcycle. E muitos já seguem as diretrizes da Agenda 2030 – Plano de Ação da ONU que visa o desenvolvimento sustentável garantindo que segmentos se fortaleçam, de forma competitiva, frente às demandas e mercados globais.

A cada dia, a moda do nosso país tenta deixar de ser refém do alter ego colonizador europeu e a maximização de potencial do autoral, plural e com identidade e inovação representa um excelente movimento progressivo do ambiente local para o internacional. Representam cada vez mais nosso jeito de ser em um mundo que nos parecia inatingível. Nossa diversidade e garra de fazer são enormes. No Inspiramais 2020_I vamos conferir projetos que promovem o desenvolvimento sustentável dentro da identidade nacional e voltados para diversos setores, como Conexão Criativa e Comercial e Espaço de Sustentabilidade, além das Rodadas de Inovação.

Designers, empresários, profissionais da moda e players das indústrias de calçados, bolsas, acessórios, vestuário, móveis e até automotivas de Norte a Sul do país e do exterior vão poder conhecer as novidades do projeto Conexão Criativa e Comercial, sempre transformador e que motiva e apoia iniciativas que oxigenem o mercado, incentivando uma nova geração de valores, reunindo pluralidade, sustentabilidade e tecnologia. Como resultado, componentes únicos, com abordagens responsáveis, produzidos por negócios de diversas regiões do país. O conceito de colaboração inovativa e, especialmente, o modelo de negócios das startups têm gerado novas propostas incríveis no nosso país e que ganham os holofotes a partir do Inspiramais. No Conexão Criativa e Comercial são compartilhados valores muito importantes para fazer moda no Brasil. A tônica é diversidade, tecnologias limpas, sustentabilidade. Todos os expositores mostram suas inovações tendo como premissa tais valores. É  um espaço muito visionário, que apresenta desde biotecnologia até soluções para materiais reciclados, pensando sobre os resíduos das indústrias e os sólidos urbanos.

.O Inspiramais ganhou também o Espaço de Sustentabilidade, no qual diversas empresas apresentam produtos de alto valor, trabalhos que ilustram claramente o crescimento do engajamento ambiental na moda. Teremos a participação das empresas Ambiente Verde, Braschemical, Cifa Fios e Linhas, Confrag, ITM, MK Química/ SOLUS, OTB, Top Shoes, Tacosola, Altero, Apta, Plastiluzzi, Killing, Linhasita e Pettenati.

Com curadoria da designer Flávia Vanelli, do Núcleo de Design do Inspiramais, as palavras de ordem do Espaço de Sustentabilidade 2021_I são: propósito, sustentabilidade, inovação, circularidade, qualidade, performance e eficiência produtiva; enfatizando a sustentabilidade como geradora de relações positivas entre o ecossistema natural (capital natural), a sociedade (capital humano e cultural) e a economia (capital produtivo e financeiro).

Vale salientar que as empresas participantes do projeto contam com vocação evidente para a inovação. Acreditam também no engajamento sustentável como diferencial de seus produtos, potencializando a busca de competitividade e qualidade no mercado, como a Ambiente Verde, empresa que possui logística reversa em seu DNA, com crescente oferta de palmilhas, embalagens, displays e etiquetas sustentáveis.

E, para concluir, ressalto aqui que toda a estrutura do Salão é focada no reaproveitamento, concebida para ser utilizada em várias edições. A cada temporada, de forma diferente, conduz de maneira singular o visitante até a área de negócios. As etiquetas que identificam todo os matérias expostos também abraçam o viés da sustentabilidade, desenvolvidas em material PET e reciclável.

Os volumes em papel também foram repensados. Os materiais impressos de divulgação do Inspiramais foram substituídos por itens em garrafa PET reciclada ou papel reciclado. Já o aplicativo do Salão, proporcionou a extinção de diversos informativos como avisos, programação, mapa e lista de expositores, possibilitando o acesso à informação na palma da mão.

O Inspiramais tem entrada gratuita para profissionais do setor e acontecerá no Centro de Eventos Pró Magno, em São Paulo. Informações já podem ser obtidas pelo site www.inspiramais.com.br

Pesquisas relacionadas

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,