Moda & Beleza

Fernando Peixoto: o designer que alinhava os mais lindos sonhos de noivas de Norte a Sul

Ao lado dos sócios Elisângela Silva e Patrick Noronha, o estilista comemora 25 anos de mercado como referência em vestidos síntese de um trabalho autoral e com a chancela de um handmade encantador

Publicado em 26/07/2019 | Por Heloisa Tolipan

Entrar no Atelier Fernando Peixoto, instalado em uma mansão deslumbrante no Lago Sul, em Brasília, é uma verdadeira imersão no universo de transformar sonhos em realidade. O local é a síntese da vanguarda arquitetônica em sinergia com a história da arte e do mobiliário francês. Depois de passar por algumas sala… lá em frente… a um espelho magistral está uma noiva experimentando o vestido todo trabalhado em pérolas com uma cauda enorme em renda e o designer Fernando Peixoto, tal qual um alquimista com suas mãos poderosas, alinhavando mais uma de suas criações. Com os holofotes da moda hoje plurais e não mais centralizados no eixo Rio-São Paulo, o estilista tem colhido os louros pelos seus 25 anos de trabalho em um mercado fértil. Fernando conta com uma equipe de profissionais de primeira na arte do handmade e com o apoio de dois anjos da guarda: a irmã, Elisângela Silva, responsável pela condução do ateliê em Goiânia, e o companheiro de vida, Patrick Noronha.

Lançamento da Lebaneses Collection by atelier Fernando Peixoto em Brasília (Foto: Gilberto Evangelista)

Cada espaço da mansão no Lago Sul, em Brasília, foi pensado para que as clientes que procuram seu vestido ideal para casamento, festa de 15 anos e momentos especiais sintam-se verdadeiramente “em casa”. Tudo isso, claro, entre araras repletas de peças exclusivas executadas manualmente com os mais lindos tecidos e bordados. O apuro no olhar de Fernando vem de suas memórias afetivas: as mãos delicadas da mãe costureira, que criou quatro filhos, em Goiânia, e ajudava o marido, caminhoneiro, com a sua arte de “costurar”, assim como o filho, hoje, os sonhos das clientes. Mas, eu vou revelar outro ponto sobre esse olhar de lince do designer: ele foi florista e criador dos mais belos bouquets de noivas. Daí, tanta poesia transformada em vestidos e no mais lindo dos jardins – ele abre aquele sorriso quando se fala de suas flores – em seu Atelier Fernando Peixoto.

Os sofisticados vestidos do Atelier Fernando Peixoto (Foto: Gilberto Evangelista)

Um dos poucos no Brasil a fazer lançamentos de vestidos de noivas com temáticas específicas que nascem a partir de um grande trabalho de pesquisa, Fernando Peixoto assina duas coleções por ano. Ele lembra, por exemplo que a Diamond, apresentada em 2013, foi um divisor de águas na história do Atelier e só o incentivou a seguir em frente com seu processo criativo que ecoou pelo país inteiro.

Lançamento da Lebaneses Collection by Atelier Fernando Peixoto em Brasília (Foto: Gilberto Evangelista)

Os olhos ficam marejados quando Fernando Peixoto lembra da infância em Goiânia sempre ao lado da mãe costureira e das irmãs que tinham as bonecas vestidas com criações suas. Realizadas com as mãos de um menino de 12 anos. Foi na adolescência que conheceu o trabalho do estilista Levi Parma. E vejam só: aos 18 anos uniu-se à irmã, Elisangela para criar vestidos de damas de honra e, com seu talento estético nato, bouquets de noivas. Formado em moda pela Universidade Federal de Goiás, Fernando sempre buscou conhecimento e tem muitos cursos no currículo, sendo os mais marcante um de história da arte, no Musée du Louvre, em Paris, outro na ESMODE Internacional de Paris com Lilyan Berlin – referência quando se fala de moda com foco em sustentabilidade. Hoje, Fernando faz questão de conviver diariamente com cada noiva que passa por seu atelier para entender de perto as ideias, projetos e energia de cada uma, pessoalmente.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Elisângela acreditou no sonho de Fernando e trocou o emprego no setor financeiro de uma grande multinacional para ser sócia do atelier. No começo, ela ficava à frente dos números e processos administrativos, mas, com a crescente demanda, acabou precisando lidar com os tecidos, linhas e tesouras e hoje não se imagina em outra profissão. Revela que chorou inúmeras vezes até aprender a bordar uma renda, que precisava desmanchar e refazer até atingir a perfeição diante do olhar criterioso do irmão. Hoje, sob o seu comando estão 20 profissionais diretos e outros 10 colaboradores.

Desde 2013, outro sócio integra a harmoniosa equipe. O stylist Patrick Noronha, como já frisei acima, companheiro na vida e nos negócios de Fernando. É ele quem também sugere os temas das coleções que têm encantado noivas, madrinhas e daminhas. Com muita sensibilidade, Patrick imprime seu toque pessoal em todas as áreas do atelier – do atendimento no setor de compras à oficina, passando pelo financeiro, layout e várias outras etapas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fernando, o que o move diariamente? “Eu sou um designer, um estilista, eu venho do mundo da moda, e preciso estar sempre me desafiando para manter viva essa chama, esse amor que trago dentro de mim”.

Pesquisas relacionadas