Fotos

Projeto do cantor Thiaguinho “Tardezinha” chega ao famoso Réveillon do Gostoso

Após fazer mega apresentação de despedida do projeto que já toca há 4 anos, o cantor presenteou o público de São Miguel do Gostoso (RN) com mais um show

Publicado em 31/12/2019 | Por Heloisa Tolipan

*Por Domênica Soares

Com uma paisagem de tirar o fôlego, com muito sol e belas praias, São Miguel do Gostoso, município do estado do Rio Grande do Norte, localizado na Microrregião do Litoral Nordeste é um dos lugares favoritos para as viradas de ano. Na última noite, o local contou com um show nada mais nada menos do que o projeto “Tardezinha”, de Thiaguinho. A vibe positiva aconteceu em apresentação no BeachClup PENAREIA e contou com uma setlist incrível dos Djs Sponge e Djessib. O cantor Thiaguinho, como de praxe, levou muita alegria e bons momentos para as pessoas que estavam curtindo o evento que faz parte da programação de final do ano de 2019 e entrada de 2020.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O projeto “Tardezinha” do cantor em parceria do amigo e ator Rafael Zulu teve estreia em maio de 2015 e contou com 400 pessoas em volta do palco. Logo logo o encontro virou febre e o projeto que tinha a estimativa de durar 4 semanas durou mais 4 anos. Se espalhou por 51 cidades e depois de 162 apresentações despediu-se do público com show histórico que lotou o maior estado na cidade do Rio de Janeiro, o Maracanã. Recentemente o artista lançou o álbum “Vibe”, com 12 faixas inéditas que trazem uma pegada urbana com um olhar contemporâneo do Thiaguinho. “Respiro música e deixo tudo transparecer no meu som. Gosto da possibilidade que a música proporciona de misturar, de agregar e, assim, trazer um som diferente”, frisa em entrevista exclusiva ao site Heloisa Tolipan

Thiaguinho canta sucessos em show no Reveillon do Gostoso (Foto: Fernando Torres)

Animado com o novo trabalho, o cantor busca se inspirar em vários lugares e confiar no talento, deixando a paixão pelo que faz impulsionar sua carreira de sucesso e grandes conquistas. Com quase 20 anos de carreira o músico que começou a tocar cavaquinho com 14 anos traz sua opinião sobre o momento da música nos dias de hoje. “O mercado da música hoje tem uma abrangência muito grande. Tudo que você faz chega de maneira muito rápida no mundo todo. Está todo mundo conectado e nós artistas temos que estar sempre atentos ao que aparece de novo”.  

Pesquisas relacionadas