Viagem & Gastronomia

Raul Mascarenhas se apresenta sábado, no Rio Othon Palace: “Este hotel é realmente o coração do Rio e me sinto em casa todas as vezes que toco lá”

O músico irá apresentar o show As Canções da Minha Vida, no Rio Othon Palace. Para este show, o saxofonista separou alguns sucessos da música popular brasileira e ainda mesclou com algumas canções francesas e americanas. A iniciativa da rede hoteleira visa levar canção de qualidade para os hóspedes e amantes da boa música

Publicado em 20/06/2018 | Por Ana Clara Xavier

O saxofonista Raul Mascarenhas irá participar pela segunda vez do projeto Othon Bossa Jazz e Muito Mais. O músico vai apresentar, sábado, o show As Canções da Minha Vida, no Rio Othon Palace, em Copacabana, ao lado do Grupo Conexão. “Fui criado neste bairro, então este lugar sempre foi o mais lindo do mundo. Sendo assim, para mim, tocar de frente para o mar e com esta vista maravilhosa é muito emocionante. Este hotel é realmente o coração do Rio de Janeiro e me sinto em casa todas as vezes que toco lá”, comemorou. A apresentação faz parte do projeto da Rede Othon que reúne mensalmente artistas renomados para se apresentar no foyer. Os ingressos custam R$ 60 e podem ser adquiridos na bilheteria do hotel.

Raul Mascarenhas no meio, carregando o saxofone, ao lado do grupo Conexão Rio (Foto: Divulgação)

O Othon Bossa Jazz e Muito Mais faz parte de uma iniciativa que visa valorizar o instrumental e trazer melodias de qualidade para o Rio de Janeiro. O projeto tem a intenção de recuperar um pouco da essência carioca da Bossa Nova. “Há poucos lugares, na cidade, nos quais podemos tocar este estilo musical. Qualquer ação que vise incentivar a música brasileira é muito bem-vinda. Bato palma e tiro o chapéu para o Rio Othon Palace”, comentou.

Para esta apresentação, o saxofonista e o grupo Conexão escolheram alguns sucessos da música popular brasileira e ainda mesclaram com algumas canções francesas e americanas. “O mote para este show foi unir canções que já toquei ao longo da minha carreira. Sendo assim, selecionei duas letras que fizeram parte da minha vida morando na França. Tem a parte do baile, já que comecei nesta área. Compreende um pouco de tudo”, disse. O processo até chegar nesta seleção musical foi bem instintivo. De acordo com Raul, eles foram tocando até ter a ideia de reunir o repertório da vida dele.

Na ocasião, ele irá dividir o palco com o grupo Conexão Rio, que é formado por André Cechinel, no piano, Fernando Barroso, no baixo, Fernando Clark, na guitarra, e Zé Maio, na bateria. “Em 2005 ou 2006, eu gravei um repertório com eles e nós tocávamos canções do João Bosco. Isto fez com que a gente se aproximasse e passasse a apresentar alguns shows juntos. Conseguimos fazer uma música muito bacana e popular juntos. Moro na França há 20 anos e estar com os integrantes do Conexão Rio é um dos meus trabalhos favoritos quanto venho ao Brasil”, comentou.

Raul Mascarenhas irá se apresentar neste sábado no Rio Othon Palace (Foto: Divulgação)

Raul começou a sua carreira em 1971 tocando em bailes e fez parte do grupo de Johnny Alf, um dos grandes nomes da Bossa Nova. De lá para cá, chegou a trabalhar com Gal Costa, Maria Bethânia, Gilberto Gil e Mauro Senise. Além disso, ele já gravou algumas músicas de Tom Jobim. Radicado na França há 20 anos, o músico divide a sua residência entre São Paulo e Paris.  “Estou tentando aproveitar o que há de bom nos dois lugares. Morar na França facilita as minhas viagens pela Europa, então tem vezes que fico mais por lá e outras que me estabeleço mais no Brasil. Vou seguindo a minha agenda profissional, na verdade”, explicou. Ele já tocou em quase toda a Europa, no Marrocos, no Caribe, nos Estados Unidos e, claro, no Brasil.

O músico acabou de voltar de uma semana de shows em Portugal e tocou em um show de Fafá de Belém, com quem tem uma filha. “Estou com 65 anos e quando penso que vai acalmar, na verdade, aparece mais trabalho. Isto é muito motivador”, comemorou. Raul garantiu que ainda vem muito show por aí e a gente vai querer conferir.

Pesquisas relacionadas