Viagem & Gastronomia

Chapa quente! Selecionamos o Top 10 dos melhores pratos que participam do Rio Burguer Fest e dão água na boca

Do pão preto e carne de caranguejo ao blend de bovinos, o hambúrguer se apresenta nas mais diferentes formas entre as 23 casas participantes, que criaram receitas gourmets especialmente para o festival

Publicado em 14/06/2015 | Por João Ker

*Com Lucas Rezende

Esqueça aquela sua impressão de que hambúrguer é junkie food gordurosa e típica dos esfomeados de fim de festa. O lanche, unanimidade popular, foi atingido por aquele raio gourmetizador da gastronomia contemporânea, ganhando ares mais sofisticados, receitas inovadoras e agradando a turma geral com opções nada convencionais, sobrando até um alternativas para os veganos, por exemplo. Na capital fluminense, essa onda não vem de hoje e a cidade já conta há três anos com o Rio Burger Fest, que será realizado até o dia 26 de junho em 23 endereços da cidade.

Apague da sua memória aquela ideia de que hambúrguer vem pingando gordura em trailers espalhados pela cidade ou até mesmo nos populares food truck, onde a receita gourmet ataca absurdamente até a embalagem. A iniciativa do festival é celebrar a diversidade e inovação nas receitas, indo muito além do raio gourmetizador. Para isso, o número de alcance tanto do público quanto das casas participantes vem aumentado nas últimas edições: em novembro de 2014, mais de 30 mil pessoas provaram os hambúrgueres oferecidos no Rio Burguer Fest. Agora, a estimativa é que sejam vendidos cerca de 50 mil, um salto que representa quase o dobro de nova adesões à proposta gastronômica.

Esta terceira edição chega marcada pelo ampliado leque de estilos dos endereços participantes: desde bistrô francês a barzinho com vista para o Cristo Redentor, o que não falta são opções para saborear um lanche que vai muito além da fast food, provando que o hambúrguer é a paixão nacional. E quem faz coro à nossa fala é Claudio Baran, idealizador do Rio Burger Fest: “O hambúrguer tem se mostrado um prato que agrada cada vez mais pessoas. É uma onda que voltou a crescer muito no Brasil e em especial no Rio de Janeiro”, analisa, evidenciando que uma cidade tão focada na silhueta corporal não deixa de agradar o paladar.

Para entrar no clima do guilty pleasure gastronômico e dar aquela dica de amigo, nós do HT, que somos bons de boca, selecionamos em um Top 10 feito de coração (e estômago) nossos endereços preferidos para curtir e celebrar o Rio Burguer Fest. Alguém aí com fome?

1) Bar Astor: o carro-chefe da casa será o “Old Fashioned Burger”, com carne picada na ponta da faca e crosta de cogumelos, queijo gruyère e um molho à escolha: poivre ou mostarda. Acompanha batatas rústicas e saladinha verde (R$ 34), além daquela vista romântica para a orla de Ipanema.

Old Fashioned servido pelo Astor (Foto: Leo Feltran / Divulgação)

Old Fashioned servido pelo Astor (Foto: Leo Feltran / Divulgação)

2) Complex Esquina 111: o reduto da galera cool ligada em música e moda aposta no frango com o “Chicken Going Nuts Burger”. A receita leva frango empanado em crosta de corn flakes e frutas secas, alioli de páprica defumada, tomate, alface, cebola roxa, crispy bacon, abacate e queijo mussarela, com pão de pimenta. A delícia ainda vem com batata doce triple fried com sal de especiarias (R$ 39).

3) Temporada: uma das receitas mais inovadoras deste ano vem assinada pelo chef Christian Garcia que, como você viu aqui, assumiu recentemente a cozinha do Temporada e do Quitéria. Para o Rio Burguer Fest, a inovação de Christian vem na forma do “Caranguejo Croc Burger”, com carne de caranguejo empanada em panko, molho rosé caseiro, salsa pico de gallo e abacate, com pão de wasabi e gergelim. A cereja do bolo (ou do ‘burgão’) é o acompanhamento com chips de tubérculos e molho tártaro (R$ 37).

Caranguejo Croc Burguer criado pelo Chef Christian Garcia para o Temporada (Foto: Lipe Borges / Divulgação)

Caranguejo Croc Burguer criado pelo Chef Christian Garcia para o Temporada (Foto: Lipe Borges / Divulgação)

4) Pobre Juan: o restaurante aposta no “Rocky Burger” que, como você percebe pelo nome, é feito para os fortes que lutam com garfo e faca na mão. A receita traz hambúrguer de costela com queijo emmentaler, bacon levemente curado, alface americana, tomate defumado e cebola roxa. De acompanhamento, batatas rústicas com tomilho e alho, maionese de salsa e ketchup de goiabada (R$ 44,90).

 5) The Fifties: sabe aquele momento em que você está saindo da praia e tudo o que deseja é um sanduíche reforçado que faz o papel de café da manhã e almoço? É o caso do “TF Double Dois”, que leva dois Fifties burgers, cheddar, aquela deliciosa maionese Fifties, alface americana, tomate, bacon, mostarda, picles e cebola na chapa, daquelas de dar água na boca, com fritas Fifties de acompanhamento (R$31,60).

6) Botequim Informal: imagine três carnes deliciosamente moídas juntas, criando o bife dos sonhos de qualquer ser humano que ame hambúrguer. É o que o Botequim Informal fez, com hambúrguer artesanal de picanha, moído com carne de sol e bacon e cobertura de queijo coalho featuring mussarela, alface e tomate. Tudo isso servido no pão de mandioca, senhoras e senhores. Por fim, você ainda ganha de quebra maionese de salsa e batata frita (R$ 35).

7) Bar do Lado: apesar de apostarem no hambúrguer de angus com bacon, preferimos indicar o de atum com shimeji, nirá e molho de yuzu, no pão integral servido com salada R$ (R$ 39,00), que adiciona um plus de diversidade ao festival com esse toque oriental.

Hambúrguer de atum com shimeji servido pelo Bar do Lado (foto: Lipe Borges / Divulgação)

Hambúrguer de atum com shimeji servido pelo Bar do Lado (foto: Lipe Borges / Divulgação)

8) Mironga: saindo do clubinho Zona Sul, o restaurante no centro do Rio impressiona com pão artesanal de batata baroa e chia – um detalhe sempre bem-vindo e nem sempre oferecido com o devido cuidado -, recheado com hambúrguer de feijão branco, requeijão de tofu, rúcula e rodelas de tomate (R$ 28).

9) Empório Jardim: ali pelo Jardim Botânico, a mistura de bistrô, padaria e deli traz um toque picante aos hambúrgueres, obra da chef Paula Prandini, que criou o “Pepperoni Black Burguer”. O sanduíche traz um blend de carnes bovinas selecionadas, servidas em pão negro com queijo meia cursa, bacon, cebola assada e o detalhe que faz toda a diferença: tomate confit. Para embasar ainda mais sua refeição, o prato vem acompanhado por guacamole, batata frita e coalhada. Tudo isso por R$ 36,90.

10) Bibi Sucos: Fechando a nossa seleção, temos o “Netuno”, com 200g de hambúrguer de fraldinha, acompanhado por shitake salteado no gengibre e shoyo, mussarela de búfala gratinada, tudo servido no pão australiano. De quebra, a tradicional casa de sucos ainda serve os irresistíveis anéis de cebola, tudo por R$ 29,50.

"Netuno", a aposta da casa Bibi Sucos (Foto: Lipe Borges / Divulgação)

“Netuno”, a aposta da casa Bibi Sucos (Foto: Lipe Borges / Divulgação)

Ainda participam: Andys, Baretto-Londra, Brothers’ Burger, Empório Jardim, Formidable Bistrot, Meating, Meza Bar, Miam Miam, Mira! Cozinha & Café, OMG Lounge, Pérgula, Sobe, Via Sete.

 

Pesquisas relacionadas