Cinema & TV

Na night carioca, Alinne Moraes encontra com HT e fala sobre volta ao cinema em filme com Renato Aragão e música de Chico Buarque

A atriz contou que não pretendia aceitar um novo trabalho tão cedo após o sucesso de “Além do tempo”, mas não resistiu ao convite. “Estou fazendo uma coisa por vez. Ainda não sei qual será o próximo”

Publicado em 22/02/2016 | Por Karina Kuperman

HT esbarrou com Alinne Moraes na boate Cave durante o lançamento do perfume Poison Girl, da Dior, no último fim de semana e ela foi logo contando: por conta de trabalho, anda acordando bem cedo, por volta de 06h. O motivo? Ela será a vilã Tigrana na refilmagem de “Os Saltimbancos trapalhões”, dirigida por João Daniel Tikhomiroff. “A princípio eu ia ficar parada, mas aceitei fazer o filme. Estamos nos ensaios, vamos começar a filmar daqui uma semana”, disse. Além de Alinne, Letícia Colin, Emílio Dantas, Marcos Frota e, é claro, os trapalhões Renato Aragão, Dedé Santana e Roberto Guilherme fazem parte do elenco do longa. Aragão, aliás, em recente entrevista, adiantou: a nova versão terá uma música inédita de Chico Buarque – autor da discografia que inspirou a primeira e muitas outras versões do musical que narra aventuras de um cachorro, uma gata, uma galinha e um jumento. Um enredo que, aparentemente infanto, guardava nas entrelinhas uma forte crítica política para a época.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em tempo: Alinne, que fez sucesso como a mocinha Lívia em “Além do tempo”, de Elizabeth Jhin, em uma época que o carisma das vilãs conquista o público, nos contou que acredita que sua Lívia foi bem-aceita por conta de todo o conjunto da trama. “Acho que a história ajuda muito. Ela era uma mocinha romântica, mas com personalidade. Foi um encaixe de tudo, história e elenco. Foi um casamento com muita química”. Agora, ela garantiu que não pretende ficar mais muito tempo afastada da televisão: “Com certeza quero voltar logo”. Sorte nossa!

Pesquisas relacionadas