Cinema & TV

Maisa Silva e Matheus Lustosa interpretam seus primeiros antagonistas em “Ela Disse, Ele Disse”, filme baseado em obra de Thalita Rebouças

Luz, câmera, ação! As gravações começaram há duas semanas e o site HT foi ao set para conferir as filmagens do longa, que conta com as estreias de Fernanda Gentil e Bianca Andrade no cinema

Publicado em 24/01/2019 | Por Bárbara Tenório

Todo texto que a escritora Thalita Rebouças vira ouro, e a sua obra mais vendida, agora, está nos preparativos para chegar aos cinemas de todo o Brasil no segundo semestre deste ano. As filmagens para dar forma à história de “Ela Disse, Ele Disse”, baseado na obra homônima de Thalita, estão a todo vapor no Rio de Janeiro e o site HT foi ao set de filmagem, no Colégio Teresiano, nesta segunda-feira (21), para conversar com os atores e a produção para entender um pouco mais dessa febre teen.

Na trama, são exploradas as expectativas de Léo, interpretado pelo ator Marcus Bessa, e Rosa, vivida Duda Matte, na nova escola. Dois típicos adolescentes, filhos de pais separados, que precisam se adaptar a uma nova realidade. Amizade, futebol, paixões, bullying e romance fazem parte das histórias dos dois narradores; que muitas vezes têm o mesmo sentimento, mas pensam e agem de modo diferente. Maísa Silva vive a primeira antagonista de sua carreira e ela será a rival da protagonista Rosa.

Marcus Bessa e Maisa Silva sob a direção de Claudia Castro (Foto: Mariana Vianna)

Maísa nos contou sobre o novo desafio depois de tantos anos na lista de apresentadores do SBT. “Tem sido algo muito diferente para mim. É muito legal sair de um universo onde eu era boazinha e ir para uma menina chata. A Júlia é bem diferente de mim e isso é bom, porque eu fico mais livre para brincar e criar. Ela desperta um lado criativo da minha atuação e eu posso sugerir muita coisa para ela. A preparadora me deixou muito livre, a Thalita também. A Júlia quer ser tudo, ela se acha o máximo, não tem vergonha de nada, sabe que é popular e é muito segura com o corpo e as atitudes dela. Ela gosta de ser superficial”, analisou a atriz e apresentadora, que acrescentou: “A Júlia chegou para mim no momento certo”.

Maisa Silva, Thalita Rebouças e Duda Matte durante as filmagens de “Ela Disse, Ele Disse” (Foto: Mariana Vianna)

Este é o décimo primeiro livro publicado por Thalita Rebouças e o quarto a ganhar as telonas. “Foi a primeira vez em que eu me permiti entrar na cabeça de um menino e é um garoto apaixonante. Toda menina me pergunta se o Léo existe e se eu podia apresentar para ela”, contou a escritora, que assina o roteiro do longa-metragem em parceria com Tati Ingrid Adão. E para dirigir as cenas ambientadas em grande maioria dentro do colégio, Claudia Castro faz a direção do seu primeiro longa. A produção é assinada pela LC Barreto/Filmes do Equador em coprodução com a Globo Filmes. A produtora, Paula Barreto, estava no set e conversou com o site HT. “O mais legal dessa história é que pela primeira vez em um filme será contado que as diferenças entre o sexo feminino e o masculino não acontecem só na idade adulta, mas principalmente, na adolescência que as diferenças são enormes por conta dos hormônios. O que a Mônica Martelli faz tão bem na fase adulta em seus filmes, a Thalita fez muito bem nesse filme. Pela primeira vez ela traz o universo dos meninos. E a consequência de expor esses dois universos é a tolerância”.

A autora Thalita Rebouças no set de filmagem (Foto: Mariana Vianna)

“Ela Disse, Ele Disse” contará ainda com a ex-apresentadora Fernanda Gentil, que faz sua estreia como atriz, interpretando a mãe de Rosa. Maria Clara Gueiros também está neste elenco de peso dando vida à diretora linha-dura da escola. Já a influenciadora Bianca Andrade será Fátima, a professora querida pelos alunos. Giulia Ayumi, Maria Cecília Warpe, Matheus Lustosa, Pedro David, Rodrigo Tavares, Daniel Pim, JP Rufino e Maria Júlia Lima são alguns dos nomes dos atores jovens da trama.

Júlia interpretada por Maisa Silva fará muita confusão no colégio (Foto: Mariana Vianna)

A narrativa é ambientada dentro da escola envolvendo diálogos e situações entre os protagonistas Léo (Marcus Bessa) e Rosa (Duda Matte) e os antagonistas Rafa (Matheus Lustosa) e Júlia (Maisa Silva). “O Léo e a Rosa são personagens bem comuns, que estão chegando numa escola nova e tem problemas triviais. São pessoas ‘normais’, o que eu acho importante é dar luz a pessoas que geralmente seriam invisíveis por terem comportamentos mais tranquilos e o filme chama para o protagonismo os que não são estereótipos nem da beleza, nem da boazinha e nem da muito má. Já os antagonistas são estereótipos de antagonistas”, explicou Paula Barreto, que admitiu sobre a dificuldade em organizar 50 adolescentes em cena. “Tem que repetir algumas filmagens várias vezes, mais do que o normal. É muita gente no set ao mesmo tempo”, afirmou a produtora.

Os personagens Rosa e Léo vão passar por muitas experiências na nova escola (Foto: Mariana Vianna)

O figurino retrata bem a personalidade de cada personagem, apesar da camisa amarela comum a todos, Maisa estava no set com uma bandana vermelha no cabelo recém pintado de loiro e um short curto. Matheus Lustosa mostrou toda a sua marra com seus 1,80m de altura, sua bermuda de basquete e os cabelos com tranças. Este é o primeiro filme dele, que já fez participações em novelas do SBT e da Record. “Eu já aprendi muito com essas duas semanas. Está sendo uma honra atuar com a Maisa. Estou muito realizado, porque nos outros filmes que fiz foram participações grandes, mas não eram protagonistas ou antagonistas. Cenas que eu nunca tive a oportunidade de fazer, eu estou fazendo agora”, contou. O ator também destacou sobre o maior tempo para se dedicar aos personagens no cinema. “Em novelas é tudo mais rápido. Recebemos o roteiro e gravamos na outra semana, no filme não, então tive mais tempo para estudar e construir o Rafa”, disse.

Pesquisas relacionadas