Cinema & TV

Exclusivo! “Êta mundo bom!” bate recorde de audiência e Walcyr Carrasco diz: “Escrevo com meu sentimento, não de olho em audiência”

Walcyr ainda contou que não vai supervisionar a novela “Pega ladrão”, como foi veiculado por aí: “Essa notícia é uma inverdade absoluta. Nem sei a história de ‘Pega ladrão’. Tirarei férias! Alguém deu essa notícia e todo mundo republicou. Agora desminto uma vez por dia”

Publicado em 14/04/2016 | Por Lucas Rezende

797064-walcyr-carrasco-escapou-de-ser-950x0-2

No dia em que Anastácia (Eliane Giardini) finalmente encontrou Candinho (Sergio Guizé), seu filho desaparecido ainda bebê, “Êta Mundo Bom” bateu seu recorde de audiência. Os números? 32,4 pontos, fazendo a trama de Walcyr Carrasco alcançar o melhor resultado de uma novela das 18h da Globo desde 2010, quando foi exibido o último capítulo de “Escrito nas Estrelas”, de Elizabeth Jhin. Em conversa ligeira com HT, o autor disse que é não “de fazer análises”: “Eu quis escrever uma novela com minha emoção e humor, e compartilhar esses sentimentos e alegria com público. Eu não tive surpresas com essa trama. Escalamos um elenco maravilhoso. Eu e o Jorge Fernando (o diretor), com a supervisão do Silvio de Abreu (diretor do departamento de dramaturgia diária). E sempre fiquei satisfeitíssimo. Não sou de planejar ou esperar. Vou escrevendo à medida que a história me move. Eu escrevo com o meu sentimento, não de olho em audiência”.

Walcyr Carrasco admite que sabe o que mudou no modus operandi de escrever novelas, mas não sabe precisar “de que forma o público mudou ou não”. Muito menos o motivo da alta audiência em tempos de Ibope difícil. “Eu não sei e não me comparo com as demais. Aliás, nem faço uma análise de cada novela que foi ao ar antes da minha. Deixo para o departamento de marketing (da Globo)”. Mantendo mistério, o autor garante que “muitas emoções virão”, mas que não costuma adiantar tramas, porque escreve “à medida que a novela acontece”. Ah, e aproveita o diálogo para esclarecer: não vai supervisionar o texto “Pega ladrão”, uma das próximas novelas a ir ao ar na programação da Globo, como foi veiculado em alguns veículos. “Essa notícia é uma inverdade absoluta. Nem sei a história de ‘Pega ladrão’. Tirarei férias! Alguém deu essa notícia e todo mundo republicou. Agora desminto uma vez por dia”.

*Candinho, protagonista de “Êta mundo bom!” tem um mantra que diz: “Tudo que acontece de ruim nessa vida é para melhorar”. Questionado se a frase se aplica também ao momento político do Brasil, Walcyr falou: “Cada obra de arte tem uma conexão com a realidade, mesmo que simbólica. Então, essa conexão pode existir ou não, mas não é proposital. É a capacidade da arte de falar com a realidade”.

Pesquisas relacionadas