Teatro & Pensata

“Estar com uma peça de teatro em cartaz, hoje em dia, é uma forma de resistência”, frisa Julia Lemmertz

Em exibição com uma peça baseada na obra de Martha Medeiros, a atriz falou sobre o seu papel na produção e a sobrevivência do teatro diante da efemeridade dos tempos atuais

Publicado em 06/06/2019 | Por Heloisa Tolipan

Em cartaz com a peça “Simples Assim”, a artista cedeu entrevista exclusiva ao HT (Foto: Victor Hugo Cecatto)

*Por Iron Ferreira

Julia Lemmertz está de volta aos palcos com o espetáculo “Simples Assim”. Dirigida por Ernesto Piccolo, a peça, que está sendo apresentada no Teatro dos Quatro, na Gávea, é baseada na obra de Martha Medeiros, que também assina a adaptação. Em entrevista exclusiva ao Site Heloisa Tolipan, a atriz falou sobre as dificuldades dessa vertente artística diante da atual desvalorização cultural: “Estar com uma peça de teatro em cartaz, hoje em dia, é uma forma de resistência. Estreamos na sexta feira e tivemos casa cheia todos os dias. Há esperança! O momento em que vivemos é extremamente injusto. Os artistas estão sendo hostilizados, o que é um absurdo. Não somos o problema. Pelo contrário, somos solução. Acho que nos tratam assim pois não somos coniventes. Mas acredito que esse momento irá passar. Crucificaram uma lei como se estivessem fazendo justiça. O ramo cultural reverte uma quantidade de empregos imensa. É uma crueldade”.

Julia Lemmertz e o diretor Ernesto Piccolo (Foto: Victor Hugo Cecatto)

A instantaneidade das relações humanas perante o avanço da tecnologia é o tema principal da montagem. Junto com os atores Georgiana Góes e Pedroca Monteiro, Julia dá vida a vários personagens de uma vez só, encarnando o espírito universal do texto. Sobre os papeis, ela comentou: “Todos eles são baseados em pessoas reais. Cada um de nós interpreta de um. Entramos de cabeça no contexto da história. Como são essências muito diferentes, tomamos cuidado para mudar o jeito de falar e as características. O diretor gosta de trabalhar de maneira mais livre, deixando os atores mais tranquilos para inventar e criar”.

Pedroca Monteiro, Georgiana Góes e Julia Lemmertz (Foto: Victor Hugo Cecatto)

A atriz ainda comentou sobre a relevância da trama e de como ela pode ser utilizada para avaliarmos a nossa postura diante do mundo: “A peça fala muito do momento presente, cercado por interferências psicológicas e pautado na maneira como as pessoas vêm se relacionando. Subliminarmente existe uma força que fala sobre a importância de nos cuidarmos e cedermos tempo para aquilo que amamos. Estamos conectados de várias formas, mas desconectados de outras. A gente não liga mais para as pessoas, o contato humano está em desuso. A internet aproxima distâncias, mas te afasta de pessoas que estão ao seu lado. É essa a nossa temática. Falamos disso com delicadeza e acolhimento”.

A produção nasceu de um compilado de textos de Martha, “Simples Assim” e “Quem diria que viver iria dar nisso”. Ao ser questionada sobre a sensação de trabalhar com a escritora porto-alegrense, ela respondeu: “É delicioso. Eu sou leitora dela de muitos anos e admiro muito a permanência dela nos tempos atuais. Martha consegue conversar com o público de maneira muito atualizada. Ela é bastante popular”.

A artista aproveitou para defender a importância do teatro para a cultura popular brasileira. Segundo ela, mesmo diante das distrações que a tecnologia nos proporciona, ele continua sendo muito relevante: “Atualmente, há milhares de outros atrativos que acabam o tornando menos interessante. Porém, a experiência que temos dentro do universo teatral não há em nenhum outro lugar. É única. Eu posso fazer o mesmo espetáculo todos os dias, mas ele nunca será igual. Em São Paulo, por exemplo, há uma infinidade de peças em cartaz. Se há essa quantidade é porque tem público. Não podemos desistir de tentar por causa de um momento ruim”.

A atriz falou um pouco sobre os seus futuros projetos (Foto: Victor Hugo Cecatto)

Serviço:

Local: Teatro dos Quatro

Temporada: até 28 de julho

Horários:

Sextas e sábados: 21h

Domingos: 19h

Valores:

Sextas: R$ 80,00 (inteira)

Sábado e domingo: R$ 100,00 (inteira)

20% da lotação da casa (80 ingressos) serão vendidos a ingressos populares: R$ 50,00 (inteira)

Vendas online: ingressorapido.com.br

Classificação etária: 12 anos

Pesquisas relacionadas