Moda & Beleza

No último dia de SPFWN44, Helô Rocha encanta e desfila coleção romântica e inspirada em mood floral e Vitoriano na passarela paulistana

Segundo a estilista, a inspiração central de “Romance Tropical” remonta a flora tropical com representações literais em patchworks de bordados manuais de linha, como o Richelieu, tradicionalíssimo, que veio abraçar o perfume dramático das peças

Publicado em 01/09/2017 | Por Julia Pimentel

*Com Dudu Altoé

Para um público ansioso e apaixonado pelas criações da estilista, Helô Rocha agitou mais uma vez a SPFW trazendo para a coleção de verão 2018 de sua grife homônima uma atmosfera etérea e romântica de sonhos. Segundo a estilista, a inspiração central de “Romance Tropical” remonta a flora tropical com representações literais em patchworks de bordados manuais de linha, como o Richelieu, tradicionalíssimo, que veio abraçar o perfume dramático das peças. “O bordado Richelieu virou quase uma trama de algodão após retirarmos o tecido. Ele permaneceu apenas com a linha traçada”, justifica.

Leia também: Day 1: Valdemar Iódice abre a SPFWN44 com a comemoração de 30 anos de sua marca e apresenta desfile repleto de peças-desejo em meio à exuberante arquitetura do Palácio Tangará

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também: Em meio às reivindicações sobre o decreto presidencial que extingue reserva na Amazônia, Triya desfila coleção inspirada na brasilidade de 1500 na SPFWN44

A silhueta, pois, também foi apoiada no drama ao resgatar as camisolas e lingeries da era vitoriana em uma interpretação bem particular da criadora. Mangas bufantes equilibraram a cintura alta bem demarcada, em um perfeito exercício de modelagem. A cartela de cores privilegiou os tons pastel e lavados, como off white, blush, vanilla e rosa chá, em perfeita harmonia com os materiais eleitos – cetim de seda, crepe georgette e organza, que deram vida ao sonho de uma noite de verão da estilista.

Leia também: Day 2: arte, sensualidade masculina e moda praia movimentam segundo dia de desfiles na SPFW. Veja os destaques!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também: Day 3: Com misticismo, cultura aborígene e latinidade flamenca, como algumas das inspirações, SPFWN44 reforça o luxo do beachwear brasileiro com Lenny Niemeyer e Água de Coco

Em parceria com a Wirth, marca de sapatos artesanais que existe desde 1948, Helô Rocha desenvolveu mocassins especiais para complementar a coleção. “Introduzimos um ‘twist’ com a aplicação dos babados, mas, sem dúvida, são sapatos tradicionais, feitos à mão”, explica.

Leia também: Emicida e o irmão Fióti assumem a direção criativa da LAB Fantasma e apresentam nova coleção na SPFWN44 em desfile representativo que teve MC Carol e Iza na passarela: “Hoje é bonito sermos nós”, disse rapper

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também: Day 4: em dia de representatividade na SPFWN44, Lino Villaventura arrasa e dispara: “Podem até conhecer o meu trabalho, mas no fundo não sabem do que se trata”

Beleza: o poder tranças

A Galeria do Rock de São Paulo caprichou nos figurinos e invadiu os backstages da SPFWN44. O motivo? Responsável pela beleza do desfile de Helô Rocha, Henrique Martins apostou em multi tranças para o destaque de sua produção. Em diferentes estilos, desenhos e comprimentos, o penteado foi sucesso na passarela e, inclusive, foi incorporado ao look da própria estilista, que agradeceu ao fim da apresentação com seu cabelo todo trançado. “A gente quis potencializar o mood vitoriano da coleção e fizemos as tranças que combinam com as tramas da roupa”, explicou Henrique sobre o penteado que, no backstage, demorava entre 15 e 20 minutos para ficar pronto. “Eles já estão acostumados e fazem tudo rapidinho”, pontuou.

Leia também: As joias em forma de beachwear de Amir Slama encantam a passarela da SPFWN44 em apresentação que garante tom de diva às mulheres e tira o destaque dos homens 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também: À La Garçonne abre a semana de moda paulistana com desfile no Theatro Municipal e presença de Sabrina Sato e Cleo Pires na plateia

Na beleza, Henrique Martins manteve a proposta romantizada de Helô Rocha e trouxe uma produção rosada e cintilante. “Mais uma vez, eu trouxe essa pegada vitoriana da coleção e fiz um make com todos os produtos básicos, menos rímel. Então, é uma pele muito iluminada que acaba tendo um efeito cintilante na passarela porque eu usei o mesmo produto dos olhos nas bochechas”, contou sobre o conceito que completava a beleza dos bordados de Helô Rocha.

Pesquisas relacionadas