Gente & Comportamento

Globo de Ouro 2016: lançamos um olhar sobre o tapete vermelho e contamos quem acertou e quem errou no look da premiação

O evento que consagrou nomes como Lady Gaga, Taraji P. Henson e Jennifer Lawrence na noite deste domingo abriu definitivamente a temporada de award shows e o já tradicional desfile de moda dos red carpets

Publicado em 11/01/2016 | Por João Ker

Movimentando a nata do cinema e da TV, o Globo de Ouro 2016 deu, na noite deste domingo (10), a abertura oficial da temporada de premiações, consagrando nomes como Jennifer Lawrence, Lady Gaga e Taraji P. Henson, assim como que antecipando a tão aguardada vitória de Leonardo DiCaprio no Oscar. Bem, entre Wagner Moura perdendo o troféu de Melhor Ator para Jon Hamm e a amizade hilária de Amy Schumer com J.Law, HT resolveu dar aquele rasante pelo tapete vermelho, sempre repleto de looks deslumbrantes, para ver quem acertou o look na premiação e, claro, também mostrar aquelas celebs que deslizam na hora do styling, mas continuam no nosso coração.

Confira abaixo os principais erros e acertos do red carpet do Globo de Ouro 2016:

Acertos:

Obviamente vestida de Dior, grife da qual é garota-propaganda, Jennifer Lawrence, vencedora como Melhor Atriz em Comédia ou Musical por “Joy”, apareceu deslumbrante e jovial, com o vestido levando um jogo bem subliminar de mostra-e-esconde no tapete vermelho, enquanto as joias Chopard criavam uma atração à parte. Falando em jovialidade, Taraji P. Henson, exibindo toda a silhueta curvilínea em um tubinho branco by Stella McCartney, soube mesclar elegância e sensualidade na medida certa, mostrando algumas das características que fazem o público se apaixonar por Cookie, sua personagem na série “Empire” que lhe rendeu o prêmio de Melhor Atriz em Série Dramática. E já que o assunto é maturidade com bom gosto, Helen Mirren e Julianne Moore, aos 70 e 55 anos, respectivamente, provaram que beleza não tem validade, enquanto uma surgiu totalmente sofisticada com um preto nada básico que deixou o colo à mostra e a outra escolheu um modelo brilhante do amigo Tom Ford.

Jennifer Lawrence, Taraji P. Henson, Helen Mirren e Julianne Moore

Jennifer Lawrence, Taraji P. Henson, Helen Mirren e Julianne Moore

Para sua estreia no palco da premiação, onde saiu vencedora na categoria de Melhor Atriz em Minissérie ou Filme para a TV, Lady Gaga apostou em um Atelier Versace feito sob medida por Donatella, que deu continuidade à investida da popstar em looks mais sóbrios, glamourosos à la Golden Age de Hollywood, e que não deixam de lembrar a boa forma da cantora e atriz. A grife também parece ter dado sorte a Amy Adams, que se pecou pelos 50 tons de laranja do cabelo à barra do vestido, acertou na modelagem e no caimento, sem exagerar nas aplicações de cristais da peça. Por outro lado, quem se esbaldou no brilho foi Viola Davis com seu Marchesa, que lhe deu um ar divertido, marcante e que a destacou em meio às outras convidadas (talvez um pouco demais, mas curtimos assim mesmo). E, bem, em 2016 já não é mais surpresa que Rooney Mara tenha acertado no look. Com um Alexandre McQueen salmão e cheio de assimetrias, ela manteve sua personalidade fashionista e freak, parecendo quase uma ninfa no tapete vermelho.

Lady Gaga, Amy Adams, Viola Davis, Rooney Mara

Lady Gaga, Amy Adams, Viola Davis, Rooney Mara

Cate Blanchett quase desceu na lista por conta do penteado, mas seguramos a atriz aqui em cima por respeito e consideração a todas as várias vezes que ela não desapontou em um tapete vermelho e pela forma como ela sabe se portar mesmo com um Givenchy duvidoso. Assim como Kirsten Dunst e seu Valentino preto de veludo, que passava longe de qualquer associação com a palavra “básico”. Saoirse Ronan começa a despontar como uma das mais promissoras em eventos, com um bem escolhido Yves Saint Laurent que deu um ar de clássico atemporal à atriz. E, encerrando, Laverne Cox continua sua dominação global, dessa vez com um Elizabeth Kennedy de arrepiar.

Cate Blanchett, Kirsten Dunst, Saoirse Ronan e Laverne Cox

Cate Blanchett, Kirsten Dunst, Saoirse Ronan e Laverne Cox

 

Erros:

Kate Hudson apareceu jovem, esbanjando vitalidade e sexy como nunca a bordo de seu Michael Kors Collection. Tudo certo e muito lindo, não fosse o fato de que o vestido parece mais informal e apropriado para um VMA o um Teen Choice Awards do que para um Globo de Ouro. O erro foi repetido por Katy Perry que, apesar de estar linda e com o penteado e vestido reforçando ainda mais suas medidas de bombshell, escolheu um modelo que define a palavra básico, do corte à cor. Indo na contramão, Kate Winslet não parecia muito à vontade com seu Ralph Lauren Collection azul marinho, o que ficou claro pelas poses controladas e a cara de falta de ar no evento. E, por sinal, Amy Schumer, te amamos, mas o combo do vestido com o cabelo preso dessa forma ficou muito mais sério e conservador do que a personalidade da comediante, que ainda saiu prejudicada no quesito silhueta. Ponto negativo para Prabal Gurung.

Kate Hudson, Katy Perry, Kate Winslet e Amy Schumer

Kate Hudson, Katy Perry, Kate Winslet e Amy Schumer

Bem, com Jennifer Lopez é oito ou 80. A popstar resolveu apostar em um Giambattista Valli Haute Couture e acertou na cor, mas errou feio com a calda longa e a capa sobre os ombros, algo que só piorou com o penteado e a pose pseudo-Angelina Jolie. Muita informação desnecessária. Por sinal, excesso também foi o deslize cometido por Jane Fonda e o horrível babado Yves Saint Laurent que cobriu o colo da atriz, enquanto Sophia Bush parecia estar a caminho de um aniversário da família, com o preto super básico e apagadinho.

Jennifer Lopez, Jane Fonda e Sophia Bush

Jennifer Lopez, Jane Fonda e Sophia Bush

Para fechar as tristezas da noite, Emilia Clarke simplesmente não fez questão de esfregar o título de Mulher Mais Sexy do Ano e resolveu aparecer assim, comportada, conservadora, sem graça e aparentando ter muito mais que seus 29 anos com um Valentino. O feito foi repetido por Taylor Schilling, que acertou no decote de seu Thakoon mas errou feio no penteado e na beleza. Fechando, a combinação escolhida por Eva Longoria de bordadinhos + laço na gola + amarração na cintura não desceu e poderia ter sido melhor, já que a musa latina não costuma passar tão apagada pelos eventos.

Emilia Clarke, Taylor Schilling e Eva Longoria

Emilia Clarke, Taylor Schilling e Eva Longoria

Pesquisas relacionadas