Gente & Comportamento

FIFA Fashion: em pleno agito de moda, Fernanda Lima apresenta os uniformes dos voluntários da Copa!

Em desfile oficial, a musa do evento apresenta o novo uniforme que os voluntários usarão durante a celebração esportiva no Brasil

Publicado em 10/04/2014 | Por Alexandre Schnabl

*Por João Ker

Durante a tarde deste terceiro dia de Fashion Rio, FIFA organizou um desfile para apresentar ao público o novo uniforme dos voluntários para a Copa. Apesar de este ser, teoricamente, o motivo do evento, todos que estavam ali queriam apenas uma coisa: Fernanda Lima. A musa da Copa – que chegou atrasada ao evento -, fugiu dos paparazzi enquanto pode, mas finalmente cedeu quando uma pequena coletiva foi articulada às pressas e mostrou que sua persona simpática na mídia extrapola a telinha, esbanjando gentilezas aos repórteres. Para ela, o novo uniforme desenvolvido em parceria com a Adidas é muito confortável: “Eu gosto, acho meio vintage. Adorei o modelo daquela jaqueta, me lembrou até as que eu usava quando criança”. Okay, Fernanda, só suavize os estrelismos da próxima vez e atenda os jornalistas de uma vez, porque você é fofa.

Apesar de ser a atração principal, a gaúcha não foi o único atrativo do desfile. O ex-jogador de futebol Cafu, as gêmeas do nado sincronizado Bia e Branca Feres, a modelo Laís Ribeiro e alguns voluntários subiram à passarela para apresentar o novo outift. Estes últimos, por sinal, eram quase todos senhores e senhoras da terceira idade, ainda, alguns jovens estudantes em busca de experiência. Marcello Cordeiro, Gerente Geral de Serviços do Comitê FIFA, comentou: “A amostra escolhida para o desfile representa bem o que são os nossos ajudantes. Aqui são todos veteranos que já trabalharam conosco em outras oportunidades, como na Copa das Confederações, e agora estão de volta para construirmos mais lembranças juntos.”

Mas será que fazer uma apresentação sobre futebol em meio a semana de moda funciona? Tudo bem que é para mostrar design de uniformes durante um evento de moda, mas isso é suficiente? Bom, a Gerente de Comunicação do Comitê Olímpico, Thayssa Plum, comenta como o projeto foi desenvolvido: “Nós queríamos unir o melhor de dois mundos: a espontaneidade do futebol com o glamour e a diferença de estilos que o Fashion Rio nos proporciona. E não é que tudo combina?”. Além do mais, nada mais glamouroso do que colocar Fernanda Lima de volta em uma passarela, mesmo que seja por alguns segundos e de forma mais informal. Ah, e para quem estiver se perguntando, os uniformes desenvolvidos não estarão à venda: eles são exclusividade de quem se voluntariou para o evento. E é claro que eles merecem o privilégio, até porque, como disse a Musa da Copa, “a essa altura do campeonato, quem é que trabalha de graça?”

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Vinícius Pereira

Pesquisas relacionadas