Gente & Comportamento

Depois de uma temporada bem elogiada, Pedro Bial comenta sobre seu programa e fala da repercussão de alguns memes: “Muito barulho por nada”

Com a caçula Laura a caminho, o jornalista contou que o plano para o futuro é descansar. "Meu projeto é conseguir chegar em bom estado até o final do ano"

Publicado em 01/08/2017 | Por Julia Pimentel

De Anitta a Gilberto Gil e da presidente do STF, Carmen Lúcia, à modelo transexual Lea T, o “Conversa com Bial” enriqueceu o debate nas madrugadas da Globo. Desde a sua estreia em dois de maio, o jornalista passeou por diversos temas, situações e convidados, sem julgamentos e nem tabus. No talk-show que substituiu o “Programa do Jô”, Pedro Bial contou que o objetivo sempre foi promover debates, mas que, no meio disso, memes e situações engraçadas contribuíram para o sucesso da atração.

Satisfeito ao fim da primeira temporada, Pedro Bial disse que o momento é de traçar novas estratégias para os futuros encontros. “Estou muito satisfeito com o primeiro semestre. O programa foi muito bem aceito pelo público. Foi um período de intenso trabalho, mas nós sabemos que a decolagem de qualquer avião demanda muito combustível e energia. Agora, vamos traçar um plano de voo consequente para olharmos a médio e logo prazo. O nosso objetivo é sempre enriquecer o debate público e algo que justifique as pessoas quererem assistir”, disse.

Pedro Bial e Anitta na primeira temporada do “Conversa com Bial” (Foto: Reprodução/Globo)

No decorrer dos programas, “Conversa com Bial” foi ficando cada vez mais popular entre o público. Talvez pelos convidados, pela repercussão no dia seguinte ou pelos temas abordados, o talk-show promovido pelo jornalista, de fato, caiu no gosto dos telespectadores. Mas, em entrevista, Pedro Bial garantiu que nada foi mudado para que isso acontecesse. Desde a estreia, a atração manteve a mesma essência. “Foi tudo como a gente tinha traçado. Eu acho que o principal é que a gente sempre deixe a conversa fluir e que a gente não fique preso a um conceito de perguntas e respostas de uma entrevista em seu sentido mais convencional. Muitas vezes a gente pensa em um roteiro, mas que não é seguido de acordo com o que o convidado vai interagindo. Porém, tudo de forma natural”, destacou.

Com isso, situações engraçadas, inesperadas e algumas até incômodas surgiram no decorrer dos programas. No “Conversa com Bial”, teve de sarrada no ar do apresentador a debate sobre sexo anal. Mas, para o jornalista, os memes e a repercussão desses momentos são detalhes em meio a tudo o que o programa representou. “Eu acho normal, não vi nada de extraordinário. Essas situações são espumas que a internet proporciona. É muito barulho por nada”, sintetizou o jornalista que, para o futuro, tem a missão apenas se esperar a chegada de sua caçula, Laura, do relacionamento com Maria Prata, que está grávida de seis meses. “Meu projeto é conseguir chegar em bom estado até o final do ano”, disse Pedro Bial.

Pedro Bial e o episódio da sarrada no ar em seu programa (Foto: Reprodução/Globo)

Pesquisas relacionadas