Quotes

Milagre do amor! Grife-conceito promete trazer a pessoa amada em 2 dias na base da poesia!

Serve até para mal-amadas! Bem humorada, a grife Poeme-se brinca de vender poesia em cápsulas como se fosse remédio para curar a alma!

Publicado em 07/02/2014 | Por Heloisa Tolipan

“Ei, moço, gosta de poesia?” Calma, pode respirar sossegado! Não tem ninguém na porta do barzinho que você frequenta querendo te vender aquelas poesias toscas rodadas em mimeógrafo (ui, ainda existe isso?!?) ou xerox. Tipo aquelas que você não dá a mínima, a não ser que já tenha calibrado todas na base da Ipioca e, estando mais pra lá do que pra cá numa roda de amigos, acabe a noite negociando com o poeta de calçada para pagar somente aqueles míseros cinco reais (ao invés dos dez que ele te cobrou) que, no fundo, já são caros pra caramba, só para ele parar de encher o saco.

Então! É neste tipo de situação que a turma da grife carioca Poeme-se aposta, lançando o projeto “Poesia um Santo Remédio”, concebido pela artista cênica e escritora Larissa Minghin e inspirado naquelas poesias em cápsulas. Como assim? Bom, são palavras bonitas para curar dor de cotovelo, resseca afetiva, matar a saudade, causar sorrisos, fazer amigos e ainda deixar você apaixonado. Ou, quem sabe, para amolecer o alvo da vez, facilitando a empreitada para levá-lo para a cama já no primeiro encontro. Diz que não é bom? Tipo remédio milagroso, daqueles que dá jeito até em solidão de mulher feia. A pessoa amada chega rapidinho, no máximo em dois dias. A intenção é fazer com que as palavras sejam uma forma alternativa de tratamento, uma maneira de causar um mimo, de fazer o bem a quem receber.

Em vez de cápsulas com composição química, poesias para curar a alma. Na caixa, vem um receituário (tipo cartão, para dedicar ao presenteado), uma bula e um frasco com 15 cápsulas de uso visual, repletas de poesias, frases e haikais sobre o assunto em questão. Cada kit-lirismo sai por uma bagatela de R$ 35, o que pode ser uma pechincha, se consideramos que no Brasil atual, nesta onda dos eventos esportivos, uma mera cartela com quatro Neosaldinas custa R$3,50. Haja dor de cabeça!

E mais: as poeisas-remédio, comercializadas nesta embalagem estilosa e humorada, são bem mais sofisticadas que aquele jovenzinho bicho-grilo que baixa na noite sabe-se lá de onde, não é mesmo? À venda para todo o Brasil pelo www.poemese.com.

Agora vê se aproveita o ensejo e compra logo um kit para aquela amiga amarga do seu trabalho, que está precisando de uma boa dose de amor na vida, ao invés de tentar puxar o tapete da coitada para ela perder o emprego, vai?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pesquisas relacionadas