Música & Badalo

Grammy Latino 2019: com Rosália, Anitta, AnaVitoria, Mart’nália e Bad Bunny confira os destaques da noite

O MGM Grand Garden Arena estendeu o tapete vermelho para o 20º Grammy Latino que aconteceu na noite desta quinta-feira (14) celebrando o melhor da música latina

Publicado em 15/11/2019 | Por Heloisa Tolipan

Rosalía foi a grande vencedora da noite (Foto: reprodução Instagram)

*Por Rafael Moura

Las Vegas acendeu seus holofotes na noite desta quinta-feira (14) para premiar os vencedores da 20º Grammy Latino, que aconteceu no MGM Grand Garden Arena. A grande premiação da música latina teve como destaque a cantora Rosalía, que levou o prêmio de Melhor Álbum. “Eu juro por Deus que não esperava por isso. Muito obrigada a todos que apoiam minha música”, agradeceu. A canção do ano foi para ‘Calma’, de Pedro Capó. A dupla doog vibes AnaVitoria venceu na categoria Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa, com ‘O Tempo É Agora’. Tiago Iroc ganhou na categoria de Melhor Canção em Português. Anitta era a grande aposta, na categoria Melhor Álbum de Música Urban com o disco ‘Kisses’, mas o prêmio ficou para o grupo Bad Bunny, com o disco ‘X 100pre’. A musa fez um belo show de abertura ao lado da artista cubana Celia Cruz, cantando de ‘La Vida Es Un Carnaval’. A cerimônia foi apresentada por Ricky Martin e as atrizes Roselyn Sánchez e Paz Vega.  A chilena Mon Laferte, no red carpet, fez um protesto mostrando os seis que exibiu a mensagem. “No Chile, torturam, estupram e matam”.

O protesto da chilena Mon Laferte (Foto: reprodução Instagram)

Entre os artistas do Brasil que que estavam concorrendo em categorias gerais — não só as específicas para a música em português — estavam As Bahias e a Cozinha Mineira, Liniker, Mahmundi, Criolo, Nego do Borel, o multi instrumentista Hermeto Pascoal, o pianista André Marques e o trio instrumental formado por Edu Ribeiro, Fábio Peron e Toninho Ferragutti. Infelizmente, tivemos que nos contentar com os prêmios exclusivos para a nossa língua.

As Bahias e a Cozinha Mineira (Foto: reprodução Instagram)

Leia Mais – Com As Bahias e a Cozinha Mineira, Mahmundi e Liniker, Grammy Latino mostra a força da arte ativista

Confira os vencedores das principais categorias:

Gravação do Ano:
“Parecen Viernes”— Marc Anthony
“Verdades Afiladas”— Andrés Calamaro
“Ahí Ahí”— Vicente García
“Kitipun”— Juan Luis Guerra 4.40
“Querer Mejor”— Juanes com Alessia Cara
“La Plata”— Juanes com Lalo Ebratt
“Aute Couture”— Rosalía
“Mi Persona Favorita”— Alejandro Sanz com Camila Cabello – VENCEDOR
“No Tengo Nada”— Alejandro Sanz
“Cobarde”— Ximena Sariñana

Canção do Ano:
“Calma”— Pedro Capó, Gabriel Edgar González Pérez & George Noriega, compositor (Pedro Capó) – VENCEDOR
“Desconstrução”—Tiago Iorc, compositor (Tiago Iorc)
“El País”— Rubén Blades, compositor (Rubén Blades)
“Kitipun”— Juan Luis Guerra, compositor (Juan Luis Guerra 4.40)
“Mi Persona Favorita”— Camila Cabello & Alejandro Sanz, compositores (Alejandro Sanz com Camila Cabello)
“No Tengo Nada”— Alejandro Sanz, compositor (Alejandro Sanz)
“Quédate”— Kany García & Tommy Torres, compositores (Kany García & Tommy Torres)
“Querer Mejor”— Rafael Arcaute, Alessia Cara, Camilo Echeverry, Juanes, Mauricio Montaner, Ricardo Montaner & Tainy, compositores (Juanes com Alessia Cara)
“Un Año”— Mauricio Rengifo, Andrés Torres & Sebastián Yatra, compositores (Sebastián Yatra com Reik)
“Ven”— Fonseca, compositor (Fonseca)

Álbum do Ano:
Visceral – Paula Arenas
Paraíso Road Gang – Rubén Blades
Cargar La Suerte – Andrés Calamaro
Agustín – Fonseca
Vida – Luis Fonsi
El Mal Querer – Rosalía – VENCEDOR
#Eldisco – Alejandro Sanz
¿Dónde Bailarán Las Niñas? – Ximena Sariñana
Mas De Mi – Tony Succar
Fantasía – Sebastián Yatra

Melhor Artista Revelação:
Aitana
Burning Caravan
Cami
Fer Casillas
Chipi Chacón
Elsa y Elmar
Greeicy
Juan Ingaramo
Paulo Londra
Nella – VENCEDOR

Melhor Álbum de Música Cristã (Língua Portuguesa):
Gente – Priscilla Alcântara
Sagrado – Adriana Arydes
Guarda Meu Coração – Delino Marçal – VENCEDOR
Preto No Branco 3 – Preto No Branco
360º – Eli Soares

Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa:
O Tempo É Agora – Anavitoria – VENCEDOR
Tarântula – As Bahias E A Cozinha Mineira
Todxs – Ana Cañas
Para Dias Ruins – Mahmundi
Selfie – Jair Oliveira

Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa
Vulcão – The Baggios
O Futuro Não Demora – Baianasystem – VENCEDOR
O Céu Sobre A Cabeça – Chal
Goela Abaixo – Liniker E Os Caramelos
Matriz – Pitty

Melhor Álbum de Samba/Pagode
Canta Sereno E Moa – Nego Álvaro
Mart’nália Canta Vinicius De Moraes – Mart’nália – VENCEDOR
De Todos Os Tempos – Monarco
Em Sua Direção – Péricles
Anaí Rosa Atraca Geraldo Pereira – Anaí Rosa

Melhor Álbum de Música Popular Brasileira:
O Amor No Caos – Zeca Baleiro
Canta Tito Madi – Nana Caymmi
Tudo É Um – Zélia Duncan
Tempo Mínimo – Delia Fischer
Ok Ok Ok – Gilberto Gil – VENCEDOR
Besta Fera – Jards Macalé

Melhor Álbum de Música Sertaneja
Hora Certa – Paula Fernandes
Francis & Felipe – Francis & Felipe
Em Todos Os Cantos – Marilia Mendonça – VENCEDOR
Live Movel – Luan Santana
Ao Vivo Em São Paulo – Mano Walter

Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa
Ajo – Foli Griô Orquestra
Macumbas E Catimbós – Alessandra Leão
Hermeto Pascoal E Sua Visão Original Do Forró – Hermeto Pascoal – VENCEDOR
O Ouro Do Pó Da Estrada – Elba Ramalho
Rei Caipira – Zé Mulato E Cassiano

Melhor Canção em Língua Portuguesa:
Ansiosos Pra – Viver Mestrinho
Desconstrução – Tiago Iorc – VENCEDOR
Etérea – Criolo
Mil E Uma – Arnaldo Antunes & Claudia Brant
Sem Palavras – Mário Laginha & João Monge

Melhor Canção Pop:
“Bailar”— Leonel García, compositor (Leonel García)
“Buena Para Nada”— Paula Arenas, Luigi Castillo & Santiago Castillo, compositores (Paula Arenas)
“Mi Persona Favorita”— Camila Cabello & Alejandro Sanz, compositores (Alejandro Sanz com Camila Cabello)
“Pienso En Tu Mirá”— Antón Álvarez Alfaro, El Guincho & Rosalía, compositores (Rosalía)
“Ven”— Fonseca, compositor (Fonseca)

Melhor Álbum de Música “Urban”:
Kisses— Anitta
X 100pre— Bad Bunny – VENCEDOR
Mi Movimiento— De La Ghetto
19—Feid
Sueños— Sech

Melhor Álbum de Jazz Latino/Jazz:
Turning Pages – Claudia Acuña
Elemental – Branly, Ruiz & Haslip
Dos Orientales – Hugo Fattoruso & Tomohiro Yahiro
Rio – São Paulo – André Marques
Jazz Batá 2 – Chucho Valdés – VENCEDOR

Melhor Vídeo Musical Versão Curta:
Boca De Lobo – Criolo
Me Solta – Nego Do Borel Feat. Dj Rennan Da Penha
Banana Papaya – Kany García & Residente – VENCEDOR
Los Zurdos Mueren Antes – Nach
Vivir Los Colores – Todo Aparenta Normal

Pesquisas relacionadas